Ouvido de surfista: antigos mergulhadores do Panamá já sofriam desta condição

(dr) Smith-Guzman and Cooke

Uma equipa de cientistas ficou surpreendida ao descobrir um caso de exostose, comummente conhecida como “ouvido de surfista”, num crânio encontrado num cemitério antigo no Panamá.

Surfistas e mergulhadores, que passam muito tempo em água fria, sofrem muitas vezes de uma condição conhecida como “ouvido de surfista”, na qual uma pequena protuberância óssea se forma no osso temporal, bloqueando parte do canal auditivo.

Recentemente, uma equipa de arqueólogos encontrou os mesmos crescimentos ósseos nos crânios de pessoas que vivam no Panamá pré-colombiano, há 2.400 anos. Os especialistas suspeitam de que os crânios sejam restos de mergulhadores especialistas em pérolas que passaram a sua vida a pescar em busca de objetos valiosos no fundo do oceano.

Nicole Smith-Guzman e Richard Cooke, do Smithsonian Tropical Research Institute, encontraram os tais crescimentos ósseos em oito crânios com canais auditivos intactos – sete homens e uma mulher, adianta o ArsTechnica.

Além disso, entre os crânios que ainda tinham canais auditivos intactos em ambos os lados, 12,2% dos homens e 3,3% das mulheres tinham ouvido de surfista em, pelo menos, um dos lados. A maioria tinha casos leves ou moderados, mas um homem apresentava um crescimento suficiente para bloquear mais de dois terços do canal auditivo, o que pode ter sido suficiente para causar perda auditiva.

A frequência relativamente baixa dos crescimentos sugere que um grupo de homens acabava, regularmente, com água fria nos seus canais auditivos. A maioria das pessoas que vivem na costa do Panamá (especialmente os homens), passou muito tempo na água, dado que a pesca era uma parte importante da economia local.

Mas, se a água fria do oceano fosse suficiente para causar “ouvido se surfista”, um em cada dez homens sofreria desta condição. Assim, a relativa raridade do problema levou os cientistas a considerar que havia um pequeno número de pessoas da costa do Panamá a fazer uma atividade mais imersiva: como mergulho em busca de ostras.

Os mergulhadores com ouvido de surfista analisados pelos especialistas teriam passado décadas a mergulhar nas águas frias do Golfo do Panamá para trazer à tona objetos de valor. Esta exposição a longo prazo poderia explicar a condição de que padeciam, que leva vários a anos para se desenvolver.

Segundo o artigo publicado recentemente no American Journal of Physical Anthropology, o ouvido de surfista acontece quando a pele fina do canal auditivo se torna incapaz de proteger o osso da água fria, causando inflamação na membrana na parte externa do osso, chamada periósteo.

Com o tempo, a inflamação faz com que o osso crie camadas extras, o que aumenta o risco de infeção porque se torna mais difícil remover a água e os detritos do ouvido.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Crianças têm dificuldade em entender emoções de pessoas com máscara

Um novo estudo mostra que crianças dos três aos cinco anos só conseguem entender as emoções escondidas por detrás das máscaras em apenas 40% das ocasiões. A equipa de investigação U-Vip (Unidade para Deficientes Visuais), liderada …

Cientistas identificam uma rara "hélice" magnética num sistema binário

De acordo com investigações que serão publicadas na revista The Astrophysical Journal, investigadores da Universidade de Notre Dame identificaram a primeira hélice magnética eclipsante num sistema estelar variável cataclísmico. O sistema estelar, conhecido como J0240, é …

Euro2020, 2º dia: Bélgica e Finlândia vencem em dia marcado pelo colapso de Eriksen

A Bélgica estreou-se hoje no Euro2020 de futebol com uma vitória expressiva sobre a Rússia (3-0), no Grupo B, num dia histórico para a Finlândia, mas manchado pelo colapso do dinamarquês Christian Eriksen, que lançou …

Bélgica 3-0 Rússia | Diabos belgas à solta em São Petersburgo

A Bélgica entrou com tudo nesta fase final do EURO 2020. Na noite deste sábado, os “diabos vermelhos” andaram à solta e silenciaram São Petersburgo. A Bélgica entrou hoje com o pé direito no Campeonato da …

Um braço robótico conseguiu ajudar um paciente a sentir o mundo

Recentemente, um implante neural permitiu que as pessoas escrevessem uma mensagem apenas com o pensamento. Agora, um novo braço robótico controlado por um implante está a criar curiosidade por conseguir enviar feedback tátil para o …

Dinamarca 0-1 Finlândia | Todos a pensar em Eriksen

A Finlândia venceu o seu encontro de estreia em fases finais de Campeonatos da Europa, num jogo em que o mais importante não foi o resultado final, mas sim a luta de Eriksen pela vida. A …

Polícia chinesa prende mais de mil suspeitos de lavagem de dinheiro com criptomoedas

As autoridades chinesas intensificaram o controlo de esquemas que envolvem criptomoedas e prenderam mais de 1.100 suspeitos de usar os ativos digitais para lavagem de fundos ilícitos. A mega operação ocorreu em 23 províncias, regiões e …

#CancelCanadaDay. População quer pôr fim ao Dia do Canadá

Uma cidade canadiana e uma "Primeira Nação" do país cancelaram formalmente o Dia do Canadá alegando que não querem continuar a homenagear a "tentativa de genocídio" contra os povos indígenas. A prefeita da cidade de Victoria, …

Plástico é responsável por 80% do lixo nos oceanos

Um estudo global publicado na quinta-feira revelou que 80% do lixo encontrado nos oceanos é composto por plástico, sobretudo sacolas e garrafas. Em seguida surge o metal, vidro, roupas e outros artigos têxteis, borracha, papel …

Governo sabia da partilha de dados de ativistas russos desde março

O Governo sabia do envio para a embaixada russa dos dados pessoais dos manifestantes anti-Putin desde março. A notícia foi avançada pela RTP. Os ativistas russos revelaram que a sua queixa sobre a atitude da Câmara …