Foram encontrados ossos de crocodilo no deserto de Israel (mas ninguém sabe como foram lá parar)

Uma equipa de arqueólogos ficou perplexa ao encontrar ossos de crocodilo no deserto de Israel. A incrível descoberta foi feita por cientistas da Universidade de Haifa, na região de Neguev – uma área desértica no sul do país.

Arqueólogos encontraram ossos de crocodilo no deserto de Israel, em Neguev. Os resultados da descoberta foram publicados no Scientific Reports e a equipa, liderada pelo professor Guy Bar-Oz, disse que esta descoberta prova que uma civilização antiga, eventualmente desaparecida, terá vivido naquele lugar.

Além dos misteriosos ossos de crocodilo, também foram encontrados restos de ovelhas, cabras e antílopes africanos. No entanto, os restos do réptil, que são um achado único, continuam a merecer especial destaque entre as descobertas, frisa a SputnikNews.

Os cientistas não sabem como é que o animal foi parar ao deserto israelita, mas existem várias especulações. Há teorias que sugerem que o animal poderá ter sido trazido do rio Nilo e usado nalgum tipo de cerimónia ou até mesmo comido pelos locais.

Os crocodilos eram venerados no Egito. Na época romana, há referências de terem sido levados para Roma e mantidos em piscinas especiais com plataformas”, refere o estudo.

Aliás, em Manfalut, também no Egito, foi encontrada uma armadura romana de pele de crocodilo, sugerindo a possível adoção de cultos locais que envolviam crocodilos por legionários. Além disso, um texto egípcio contemporâneo de Ateneu menciona o crocodilo assado como “um prato mais delicado“, indicando que o uso deste animal era também culinário.

A presença de pele de crocodilo nos restos encontrados em Shivta, o sítio arqueológico do deserto de Neguev, pode até sugerir que a pele do crocodilo era mais usada do que a carne.A verdade é que, segundo os cientistas, o uso da pele de crocodilo poderia ter sido muito amplo e variar desde a utilização em rituais até como forma de evidenciar o status social.

ZAP //

PARTILHAR

2 COMENTÁRIOS

  1. Parece que a comunidade científica se está a esquecer que o médio oriente era a zona do crescente fértil, banhada por dois Rios, Tigre e Eufratis. Esqueleto de corcorilo!!! É perfeitamente natural. Jose

  2. Hummmm, para mim, acho que a resposta é mais simples. Antigamente, a carne de crocodilo era muito apreciada, e faziam-se pic nics por aqueles lados, e claro, tal como cá aparecem ossos de galinha nas nossas praias, lá aparecem os ossos de crocodilo 😉

RESPONDER

Cientistas criam tinta ultra-branca que ajuda a arrefecer as superfícies

Cientistas criaram uma nova tinta ultra-branca que pode refletir 95,5% da luz solar que chega à sua superfície. De acordo com o site IFLScience, esta propriedade permite que algo revestido com esta tinta ultra-branca, como, por …

Morreu Sindika Dokolo, marido de Isabel dos Santos

O empresário Sindika Dokolo faleceu, nesta quinta-feira, no Dubai, aos 48 anos de idade, durante a prática de mergulho. A morte do empresário de origem congolesa já foi confirmada à Lusa por uma fonte ligada à …

Lagostins autoclonados invadiram (e conquistaram) um cemitério na Bélgica

Um cemitério na Bélgica foi completamente invadido por lagostins marmoreado. De acordo com o Instituto Flamengo para Pesquisa da Natureza e da Floresta (INBO), a espécie representa uma grande ameaça para a biodiversidade local. Segundo o …

Benfica 3-0 Standard Liège | “Águia” voa de forma imperial

A noite foi de festa no Estádio da Luz para os cerca de 4875 espectadores – 7,5% por cento da lotação – que se deslocaram ao reduto dos “encarnados” esta quinta-feira. O Benfica venceu por 3-0 …

Urnas abertas no Minecraft. Servem para ensinar os jovens a votar nas eleições

A organização não partidária e sem fins lucrativos Rock the Vote e a empresa criativa Sid Lee uniram-se para criar um servidor de "casa de votação" no popular jogo Minecraft antes das eleições presidenciais de …

Zorya Luhansk 0-2 Braga | “Nota artística” em triunfo minhoto

Dois jogos, duas vitórias para o Sporting de Braga no Grupo G da Liga Europa. Uma entrada de rompante em jogo, com dois golos espectaculares nos primeiros 11 minutos, permitiram aos “arsenalistas” controlar e lidar …

Amostra de ADN desvenda homicídio cometido há quatro décadas

Uma amostra de ADN, colhida de um norte-americano da Carolina do Sul após este ser detido por apontar uma arma, permitiu às autoridades desvendar um caso antigo, identificando-o como principal suspeito do homicídio de uma …

Investigadores portugueses criam simuladores para treinar médicos à distância

Investigadores da Faculdade de Medicina da Universidade do Porto (FMUP) desenvolveram, durante o confinamento, um método para os estudantes treinarem para cenários de emergência sem saírem de casa. Em declarações à Lusa, Carla Sá Couto, do …

Restam apenas dois rinocerontes brancos do norte (mas há uma esperança para salvar a espécie)

Com a morte do último macho em 2018, o rinoceronte branco do norte chegou ao ponto em que não pode ser salvo naturalmente. Com apenas duas fêmeas restantes, a subespécie é agora tida como oficialmente …

Há uma região na América do Norte sem qualquer caso de covid-19. Tem a dimensão do México

Nunavut, uma região localizada no norte do Canadá, continua sem registar nenhum caso de covid-19. A receita para o sucesso tem vários ingredientes, mas as caraterísticas especiais da região e as medidas rígidas tomadas logo …