OMS reconhece que foi lenta a responder ao Ébola

A Organização Mundial de Saúde (OMS) reconheceu este domingo que foi lenta a responder à epidemia de Ébola e que tal deve servir de lição para o futuro.

Na abertura da reunião de emergência consagrada à reestruturação do combate contra a doença, a diretora da OMS, Margaret Chan, estimou que apesar de uma pausa na evolução da epidemia não há “espaço para complacência”, sublinhando que o progresso contra a doença pode ser rapidamente perdido.

Reconheceu que a OMS foi lenta a responder à epidemia do Ébola e apelou a uma maior mobilização da organização.

“A África Ocidental foi confrontada com a sua primeira experiência do vírus… O mundo, incluindo a OMS, têm sido demasiado lentos para ver o que estava a acontecer à nossa frente“, acrescentou Margaret Chan perante os delegados da organização, que se encontraram para a terceira reunião urgente da história da entidade.

“A tragédia do Ébola ensinou o mundo inteiro, incluindo a OMS, a prevenir-se contra esta situação no futuro”, sublinhou, afirmando que “o mundo imprevisível dos micróbios reserva surpresas”.

Por isso, “o mundo não deverá ser apanhado de surpresa”, apontou Chan, que apelou a uma maior vigilância mundial em relação à doença e mais recursos financeiros para comentar o Ébola.

Depois de ter sido detetado, em dezembro de 2013, mais de nove mil pessoas sucumbiram ao vírus, na sua maioria em apenas três países de África: Libéria, Guiné e Serra Leoa.

/Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Relatório policial acusa adeptos portistas de racismo contra jogador do Moreirense

O FC Porto está a ser alvo de um processo disciplinar por acusações de racismo contra um jogador guineense do Moreirense, numa partida disputada dia 10 de janeiro. Depois de toda a polémica a envolver Marega, …

Montijo: Lei que permite veto dos municípios ao aeroporto é "desajustada e desproporcional

O ministro das Infraestruturas, Pedro Nuno Santos, defendeu hoje, em Lisboa que a lei que permite aos municípios vetar a construção do aeroporto do Montijo é “desajustada e desproporcional”, pelo que deve ser alterada. “O debate …

Multimilionários chineses são quase 800. Já superaram os norte-americanos

O número de novos multimilionários chineses cresceu a um nível recorde até 31 de janeiro, ultrapassando os Estados Unidos (EUA). Apesar do surto do novo coronavírus, que tem afetado a economia chinesa, há empresas que …

Ex-jogador dos Chicago Bulls assina pelo FC Porto

O FC Porto contratou até final da época o basquetebolista norte-americano Rawle Alkins, que já jogou na NBA ao serviço dos Chicago Bulls, para substituir o lesionado compatriota Will Sheehey, anunciou hoje o clube. “Sei que …

Sánchez e Torra iniciam diálogo. Mas mantêm braço de ferro sobre a Catalunha

Os governos de Espanha e da Catalunha iniciam esta quarta-feira o diálogo sobre a questão catalã. Mas se por parte do primeiro os membros da mesa são todos ministros, do lado catalão, alguns dos escolhidos …

Alcochete. Arguido iliba Mustafá de dar ordem para o ataque à academia

O arguido Valter Semedo disse hoje em tribunal que o objetivo da ida a Alcochete no dia da invasão à academia do Sporting consistia em mostrar aos jogadores "descontentamento de uma maneira não simpática". Além …

Arábia Saudita vai lançar campeonato de futebol feminino

A Arábia Saudita, que procura afastar a imagem de um reino ultraconservador, vai lançar um campeonato de futebol feminino, com o objetivo de reforçar a participação das mulheres no desporto. A primeira temporada da competição acontecerá …

"Ténis, digo-te adeus". Maria Sharapova anuncia final da carreira

A tenista russa Maria Sharapova, antiga líder do ranking mundial e detentora de cinco títulos do Grand Slam, anunciou hoje o final da sua carreira, através de um artigo publicado nas revistas Vogue e Vanity …

Amazon abre o primeiro supermercado sem caixas registadoras

A Amazon, do empresário Jeff Bezos, abriu 25 supermercados nos Estados Unidos (EUA), cujas instalações não têm caixas registadoras. Segundo avançou o TechCrunch, citado pelo Jornal Económico (JE), para fazerem comprar nestes supermercados, os consumidores têm …

Ricardo Salgado "perplexo" com condenação por violação de prevenção de branqueamento

O ex-presidente do BES declarou hoje, ao Tribunal da Concorrência, em Santarém, a sua “perplexidade” pela condenação, pelo Banco de Portugal (BdP), por violação de normas de prevenção de branqueamento de capitais e financiamento do …