Ordem recebeu 20 pedidos de ajuda de pais acompanhados na clínica Ecosado

Cerca de duas dezenas de pais acompanhados na clínica Ecosado estão preocupados com as ecografias lá realizadas, tendo pedido ajuda e aconselhamento à Ordem dos Médicos (OM).

O bastonário da Ordem dos Médicos (OM), Miguel Guimarães, adiantou que os pedidos de ajuda foram dirigidos ao bastonário e foram feitos principalmente pelos pais.

“Também há casos de grávidas, mas foram basicamente os maridos que tomaram a dianteira. Ficaram preocupados, e bem”, disse o bastonário dos médicos.

Segundo Miguel Guimarães, as preocupações dos pais prendiam-se com o facto de as grávidas estarem a realizar as ecografias naquela clínica em Setúbal, onde um médico realizou ecografias à mãe de um bebé que nasceu com malformações graves.

“Uma das questões que se colocou e foi a mais frequente (…) era a dizer que estavam a fazer as ecografias na Ecosado e que agora não sabiam como haviam de fazer”, porque tinham dúvidas se o médico tinha feito corretamente o exame.

Perante esta preocupação, os pais pediram aconselhamento à OM no sentido de indicar, por um lado, onde deviam fazer a ecografia e, por outro lado, se deviam repetir as ecografias já realizadas, disse Miguel Guimarães, referindo ainda casos de pais preocupados com o destino a dar às credenciais para ecografias que têm em mãos, uma vez que foi denunciado que a Ecosado não tem convenção com o SNS.

A agência Lusa contactou especialistas no sentido de perceber o impacto que casos como o deste bebé que nasceu sem parte rosto pode ter em grávidas e se tem havido manifestações de preocupação por parte de famílias.

“Em Portugal, a distribuição dos nossos recursos humanos e a sua qualificação é muito elevada e não podemos confundir um caso que ocorre marginal numa pequena situação com todo o universo da vigilância da gravidez em Portugal, que tem dos melhores indicadores quer obstétricos quer neonatais da OCDE”, disse à agência Lusa o presidente do Conselho Regional do Sul da OM, Alexandre Valentim Lourenço.

Também médico obstetra no Hospital Santa Maria, Alexandre Valentim Lourenço afirmou que não tem havido “um afluxo anormal de grávidas ou de pais a pedirem informação suplementar, embora haja alguma preocupação”.

“Muitas destas pessoas que estão a seguir uma gravidez têm uma boa relação com o seu médico assistente, o qual lhes dá muito tempo de atenção e têm resolvido com o seu médico assistente as dúvidas que, entretanto, possam ter surgido”, sublinhou.

O presidente da Sociedade Portuguesa de Obstetrícia, Luís Graça, afirmou por seu turno que as “grávidas podem ficar tranquilas”, mas disse compreender uma eventual preocupação.

“Eu entendo que as grávidas, que mesmo sem haver este tipo de acontecimentos têm sempre alguma ansiedade relativamente ao seu bebé, agora fiquem bastante mais preocupadas”, afirmou o especialista, que exerce há mais de 40 anos.

No entanto, deve dar-se “uma palavra de tranquilidade, porque a maior parte dos locais onde se faz ecografia obstétrica é de qualidade média ou superior”.

“A maior parte dos médicos que fazem ecografia obstétrica são pessoas com qualidade ou pelo menos são pessoas que têm a consciência das suas limitações e, portanto, se tiverem alguma dúvida mandam a outro lado”, salientou.

Portanto, vincou Luís Graça, “as grávidas não têm que ficar completamente desaustinadas com o que sucedeu. Agora que é compreensível estarem preocupadas, sim”.

Alexandre Valentim Lourenço acrescentou que a OM pode assegurar que Portugal tem especialistas na área de obstetrícia de “elevada qualidade e que a vigilância da gravidez em Portugal é, por exemplo, de melhor qualidade do que no Reino Unido“, onde a maior parte das grávidas não têm acesso aos mesmos métodos complementares nem às ecografias que existem em Portugal.

Para o responsável, “é importante” preservar o que foi construído ao longo de 20 anos na área materno-infantil e “evitar que haja desregulação, falta de controlo e que se retorne a um passado, já um pouco antigo, de uma situação em que os indicadores e a assistência não eram tão bons”.

Contactado pela Lusa para saber se o SNS 24 registou um acréscimo de contactos para o SNS 24 por parte de grávidas, os Serviços Partilhados do Ministério da Saúde (SPMS) afirmaram que não.

“Não se registaram alterações no SNS 24, quer através do canal telefónico, quer digital, no que diz respeito à procura de temas como Gravidez/Gravidez e puerpério, saúde da mulher, guia da grávida ou interrupção Voluntária da Gravidez”.

// Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

PCP quer travar "ameaça de despejos" no final deste ano

O PCP entregou uma proposta de alteração ao Orçamento do estado para 2020 para manter congeladas as rendas antigas, quando os locatários tenham um rendimento inferior a cinco salários mínimos nacionais. O PCP quer manter congeladas …

CDS/Congresso: Carlos Meira disponível para acordo que vença João Almeida

Carlos Meira, candidato à liderança do CDS-PP, admite estar disponível para se unir a Filipe Lobo d'Ávila e Francisco Rodrigues dos Santos para vencer João Almeida e lutar "contra o sistema". Carlos Meira, militante de Viana …

Manuais gratuitos também no privado e no cooperativo. Iniciativa Liberal quer igualdade na Educação

O Iniciativa Liberal (IL) propôs uma alteração ao Orçamento do Estado para 2020 (OE2020) na área da educação, que passa por fornecer manuais escolares gratuitos a todos os alunos da escolaridade obrigatória, quer frequentem o ensino …

Bezos lembra que Governo saudita assassinou um jornalista. ONU pede investigação a pirataria

Dois peritos das Nações Unidas dizem que Mohammed Bin Salman acedeu a informações pessoais de Jeff Bezos para tentar influenciar cobertura do The Washington Post sobre a Arábia Saudita. Depois de uma investigação do The Guardian …

MAI abre inquérito à "atuação policial" no caso da mulher alegadamente agredida por agente da PSP

O Ministério da Administração Interna (MAI) já abriu um inquérito à "atuação policial" no caso da mulher alegadamente agredida por um agente da PSP, na Amadora, de maneira a apurar responsabilidades. "O Ministro da Administração Interna …

Ronaldo volta a marcar e Sarri só tem de agradecer a Dolores por criar um espécime assim

Cristiano Ronaldo leva quatro jogos consecutivos a marcar e mais de 30 golos esta temporada, entre clube e seleção. Sarri disse que o mérito é de Dolores, "por criar uma espécime assim". A Juventus derrotou, esta …

Ana Gomes apontada à Presidência. "Costa jamais permitirá"

O antigo eurodeputado socialista Francisco Assis lançou o nome da também antiga eurodeputada do PS Ana Gomes como possível candidata à Presidência da República, manifestando desde logo o seu apoio a uma eventual candidatura. "Acho …

Silas deve deixar o Sporting no fim da época (ou até antes)

O Jogo escreve que Silas deverá deixar o Sporting no fim desta temporada, havendo também a possibilidade de sair antes do fim do mês de maio. O desportivo, que avança a notícia esta quinta-feira, adianta …

Taxa para descolagens e aterragens no Montijo reduz fatura da ANA em oito milhões

Uma das decisões da Agência Portuguesa do Ambiente (APA) que fazem parte da aprovação da construção do novo aeroporto do Montijo é a criação de uma taxa de 4,5 euros a aplicar a cada movimento …

Vitória-Porto: O guião de uma vingança aos minhotos com Telles e Soares como atores principais

Depois da derrota com o Braga para a liga, o FC Porto conseguiu derrotar o Vitória de Guimarães, avançando para a final da Taça da Liga, que se jogará frente aos bracarenses. Antes de se falar …