Olympiakos vs Sporting | Vendaval a abrir, susto a fechar

Sporting entrou com o pé direito na fase de grupos da Liga dos Campeões ao bater o Olympiacos, por 3-2, na Grécia.

Os três golos apontados pelos “leões” na primeira parte espelham bem as facilidades encontradas pelos pupilos de Jorge Jesus, que podiam ter chegado ao intervalo com uma vantagem histórica, depois de terem enviado 3 bolas ao ferro e desperdiçado duas oportunidades de golo na “cara” do guarda-redes adversário.

No segundo tempo, a equipa “leonina” encostou-se à sombra do resultado, acabando por sofrer dois golos, que só não tiveram consequências mais graves porque surgiram nos instantes finais.

O Jogo explicado em Números

  • Verdadeira entrada de “leão” por parte da equipa portuguesa, que chegou à vantagem logo aos dois minutos, num cabeceamento certeiro de Doumbia a cruzamento de Acuña. Aos 13 minutos, o Sporting acabaria mesmo por fazer o 2-0, agora com o avançado costa-marfinense a fazer de “carteiro”, entregando a bola a Gélson Martins para este rematar rasteiro para o fundo da baliza – após um contra-ataque fulminante. Curiosamente, o segundo golo surgia numa altura em que os “leões” até pareciam estar adormecidos, com apenas 42% de posse de bola e 76% de eficácia de passe (contra 86% do adversário). Mas era claramente estratégico.
  • Aos 18 minutos, o Sporting só não fez o 3-0 porque o remate de Bruno Fernandes embateu no poste esquerdo da baliza contrária. Novamente na génese da jogada esteve Doumbia que, aos 25 minutos, somava apenas três passes, 2 deles para finalização.
  • Quem não estivesse atento ao resultado poderia perfeitamente ser “enganado” pelos números do jogo: aos 30 minutos, o Olympiacos dominava a posse (67%) e era melhor na distribuição (192 passes, 90% deles certos, contra 99 do Sporting, 74% deles eficazes). A equipa grega pecava apenas no capítulo do remate, uma vez que ainda não tinha feito qualquer disparo enquadrado (os “leões” tinham já quatro).
  • Aos 40 minutos, sorte “madrasta” para os “leões”, que rematavam novamente aos ferros, desta vez uma “bomba” de Gelson Martins após passe de Doumbia. Mas o golo acabaria mesmo por chegar, da autoria de Bruno Fernandes que, na cara de Kapino, picou a bola por cima do guarda-redes grego, dando sequência a um passe magistral de Coates.
  • Embora tenha tido menos posse de bola e menor eficácia de posse, o Sporting regressou aos balneários a dominar em ocasiões flagrantes e remates à baliza. Doumbia, com um golo marcado e três passes para finalização, um deles uma assistência, liderava os GoalPoint Ratings com 7.1. Era preciso atravessar um “mar verde-e-branco” para chegar ao jogador do Olympiacos com nota mais alta. Era ele Odjidja-Ofoe 5.3, autor de quatro dribles eficazes, 47 toques e 29 passes eficazes.
  • Foi um Sporting diferente o que entrou na segunda parte: menos incisivo e mais preocupado em segurar a vantagem do que em chegar à baliza contrária. Passados 20 minutos desde o reatamento, os “leões” não tinham feito um único remate; por seu lado, os gregos já somavam quatro disparos, dois deles à baliza.
  • Aos 75 minutos, e depois da saída de Doumbia, nenhum jogador do Sporting então em campo tinha mais do que um passe para finalização. Na equipa do Olympiacos, eram três os jogadores que reuniam esta condição: Diogo Figueiras, Alaixys Romao e Marko Marin.
  • Já ao cair do pano, Bas Dost teve duas boas oportunidades para fazer o 4-0, mas viu o guarda-redes adversário e a barra negarem-lhe o almejado golo.
  • E foi então que, do nada, o Olympiacos fez dois golos de seguida, com o mesmo protagonista, Felipe Pardo, que aproveitou as facilidades concedidas pela defesa sportinguista, nomeadamente por Jonathan Silva, para criar alguns calafrios junto do banco adversário, ainda que momentâneos, uma vez que o jogo acabaria pouco depois.

O Homem do Jogo

Quinze minutos bastaram para Felipe Pardo deixar a sua marca no jogo. Lançado numa altura em que tudo parecia decidido, o antigo jogador do SC Braga fez o que os titulares não conseguiram e marcou por duas vezes, aproveitando as fragilidades demonstradas pela defensiva do Sporting naquela fase.

O colombiano marcou nos dois remates que fez, acertou o único passe que realizou e conseguiu um drible eficaz, acabando por somar a nota mais alta da noite nos  GoalPoint Ratings, uns claros 7.6.

Jogadores em foco

  • Doumbia 6.6 – Fez dois remates, ambos enquadrados e um resultante em golo. Além disso, somou três passes para finalização, um deles uma assistência. Fora disso, no entanto, os números não são brilhantes: 16 toques, sete passes e um duelo ganho em cinco disputados.
  • Bruno Fernandes 6.3 – Nova exibição de nível do médio português, com um golo, uma ocasião flagrante criada, um drible eficaz e seis duelos ganhos.
  • Odjidja-Ofoe 6.0 – Foi um dos jogadores mais inspirados da equipa grega, registando três remates (um enquadrado), seis dribles eficazes, 46 passes certos, 77 toques e 13 duelos ganhos.
  • Jonathan Silva 6.0 – Apesar dos dois deslizes já perto do fim, ainda somou seis desarmes, três alívios, um passe para finalização e nove duelos ganhos.
  • Bruno César 4.3 – Esteve praticamente o mesmo tempo em campo do que Pardo, mas dele pouco se viu. Perdeu o único duelo que disputou, fez cinco passes e somou seis acções com bola.

Resumo

RESPONDER

Portas foi talvez o melhor ministro da Defesa (diz João Soares)

O deputado socialista João Soares defendeu esta sexta-feira que o ex-líder do CDS-PP Paulo Portas foi "um excelente ministro da Defesa, se não o melhor", elogiando a solução para a OGMA e a compra de …

Familiares das vítimas vão ter acesso ao capítulo secreto do relatório de Pedrógão

O ministro da Administração Interna assegurou hoje que os familiares das vítimas do incêndio de Pedrógão Grande terão acesso, a partir da próxima semana, às partes do relatório de Xavier Viegas "que digam especificamente respeito …

Greve dos técnicos de diagnóstico chega ao fim após acordo com o Governo

Os sindicatos que representam os técnicos superiores das áreas de diagnóstico e terapêutica e o Governo chegaram a acordo e estes profissionais vão suspender às 24h00 a greve que durou 24 dias, segundo fonte sindical. O …

Sentença de Oscar Pistorius agravada de 6 para 13 anos de prisão

A sentença do atleta paralímpico foi, esta sexta-feira, aumentada de seis para 13 anos e cinco meses de cadeia, decidiu o Tribunal Supremo de Apelação da África do Sul. A Justiça sul-africana aumentou hoje a pena de Oscar …

Beba 3 cafés por dia (o risco compensa)

Um estudo, publicado recentemente, desmistificou a ideia de que consumir três chávenas de café por dia está associado a um deterioramento da saúde. O consumo de cafeína traduz-se, pelo contrário, num aumento de vantagens para …

Da polícia ao SNS, todos falharam em caso de mulher assassinada pelo marido

Nem a polícia, nem o Ministério Público, ou sequer o Serviço Nacional de Saúde responderam adequadamente no caso de uma mulher vítima de violência doméstica, assassinada pelo marido em 2015. A conclusão é do relatório …

25 municípios perdem metade da água em roturas e infiltrações

Roturas, infiltrações e consumos não cobrados levam a que as empresas municipais de gestão de água tenham perdas comerciais da ordem dos 30%, na média do país. Mas há casos em que o valor chega …

Ataque a mesquita no Egipto faz 155 mortos

Pelo menos 155 pessoas morreram e 120 ficaram feridas num ataque contra uma mesquita no norte da península do Sinai, nordeste do Egipto, indica um balanço da agência oficial egípcia, Mena. Os atacantes colocaram explosivos artesanais …

Morreu o jornalista Pedro Rolo Duarte

O jornalista e radialista Pedro Rolo Duarte morreu, esta sexta-feira, em Lisboa, aos 53 anos, vítima de cancro. Pedro Rolo Duarte estava internado desde terça-feira na unidade de cuidados paliativos do Hospital da Luz, em Lisboa, …

PSD vota contra o Orçamento de Estado

O líder parlamentar do PSD anunciou, esta sexta-feira, que o partido repetirá o voto contra o Orçamento do Estado para 2018 na sua versão final e considerou que o debate na especialidade "piorou" ainda mais …