O Dia do Solteiro foi um sucesso. Pelo menos, para a Alibaba

A Alibaba voltou a contabilizar vendas recorde na China no Dia do Solteiro, depois de as previsões apontarem para vendas moderadas em ano de pandemia.

Segundo a Bloomberg, a empresa revelou que o volume total bruto de encomendas atingiu os 540,3 mil milhões de yuan (cerca de 74 mil milhões de euros), um novo recorde que arrebata os valores das edições anteriores.

No ano passado, a Alibaba arrebatou um montante de 68 mil milhões de euros, que representava já o dobro do valor de vendas do ano anterior.

Os números deste ano surgem depois de algumas previsões terem indicado que as vendas seriam moderadas, uma vez que o consumo global na China tem diminuído.

O Dia dos Solteiros foi inventado pela gigante tecnológica em 2009, tornando-se o maior “festival de vendas online” do mundo, ultrapassando a Cyber Monday nos Estados Unidos.

É assinalado anualmente a 11 de novembro pelo facto de a data ser composta por quatro algarismos iguais, todos eles um (11/11).

Este ano, a Alibaba apoiou ações de caridade durante o evento. Além disso, trocou o contador que acompanha ao segundo as vendas a crescerem por campanhas que promoveram produtos sustentáveis.

“Numa fase inicial do 11.11 estivemos concentrados no crescimento – da mesma forma que os pais se concentram no crescimento saudável dos seus filhos. Mas quando um filho se torna adolescente, os pais alteram o foco para poderem robustecer o seu sentido de responsabilidade e o papel que ele ou ela desempenham na sociedade“, explicou Chris Tung, responsável de marketing da empresa.

“É isto que estamos a fazer agora”, acrescentou.

Tendo em conta que 2021 é ainda marcado pela pandemia de covid-19, os números recorde de vendas da maior plataforma de comércio eletrónico do mundo são um sinal positivo.

  ZAP //

Deixe o seu comentário

Your email address will not be published.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE