Nuvem tóxica provocou vómitos a banhistas numa praia do Canal da Mancha (e já se sabe de onde veio)

Uma nuvem tóxica provocou vómitos e ardor nos olhos e pele a quase uma dúzia de pessoas que estavam numa praia de Worthing, em Inglaterra, no fim de semana.

A Agência Marítima e de Guarda Costeira já está a investigar o incidente, durante o qual várias pessoas tiveram de ser evacuadas do resort à beira-mar na zona este de Sussex, e coloca a hipótese da origem ser um gás venenoso, libertado por dezenas de navios de carga e de munições, afundados no Canal da Mancha durante a I Guerra Mundial.

Segundo as autoridades britânicas, duas pessoas foram encaminhadas para o hospital, na sequência de um “incidente com materiais perigosos” na orla marítima, durante o qual “um pequeno número de pessoas” relatou sentir ardor nos olhos, na pele, e vómitos.

De acordo com o jornal britânico The Guardian, as duas pessoas receberam alta mais tarde, mas foram aconselhadas a ir para casa, lavar a roupa e tomar um duche. As orientações dos bombeiros para os residentes também foram de que fechassem as janelas e portas e que não arriscassem andar na rua.

Tim Loughton, membro do parlamento de East Worthing e Shoreham, escreveu no Twitter que a investigação foi em resposta a relatos de “banhistas afetados por algum tipo de químico que provocou uma irritação”, mas não adiantou informações sobre a possível origem do químico.

Um funcionário do Coast Cafe, um estabelecimento na praia onde ocorreu o incidente, disse que os clientes estavam calmos e que “algumas pessoas estavam a queixar-se de comichão nos olhos“.

Durante a guerra, alguns produtos químicos foram selados em contentores e despejados no mar no final do conflito. Agora, teme-se que estas “bombas-relógio enferrujadas” se tenham deteriorado, causando uma “bolha” de gases tóxicos até a superfície e, em seguida, à deriva ao longo da superfície do mar e para a costa.

Em 2017 ocorreu um incidente semelhante, em Birling Gap, no qual cerca de 50 pessoas sofreram de ardor nos olhos, dores de garganta e vómitos – sintomas semelhantes aos da inalação de gás venenoso.

Após esse incidente, a Agência Marítima e de Guarda Costeira disse que a causa mais provável era um naufrágio, perda de carga ou um navio em trânsito. Mas, tal como no incidente de ontem, a neblina tóxica de 2017 ocorreu depois de um período de tempestade, ventos fortes e mares agitados, que poderiam ter causado a rutura de contentores no fundo do mar.

 

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

"Onde estão as provas?". Advogado de Brueckner diz que o seu cliente "nunca" irá a julgamento no caso de Maddie McCann

Friedrich Fulscher, advogado de Christian Brueckner, disse este domingo estar "certo" de que o seu cliente, suspeito do desaparecimento da menina britânica Madeleine McCann no Algarve, "nunca" chegará a julgamento. "Onde estão as provas? Porque que …

Detido proprietário de jornal de Hong Kong ao abrigo da lei de segurança nacional

A polícia de Hong Kong fez buscas, esta segunda-feira, ao grupo de comunicação social Next Media, considerado pró-democracia, pouco depois da detenção do seu proprietário, ao abrigo da lei de segurança nacional. Dezenas de agentes das …

Detetado surto de covid-19 em lar do Barreiro. Há pelo menos 47 infetados

Um surto de covid-19 no Lar São José, no Barreiro, contabiliza 47 casos positivos e dois internamentos de idosos, mas a "situação está controlada", disse, este domingo, o delegado de saúde adjunto regional de Lisboa …

Índia regista recorde diário de mortes. Reino Unido atinge marca negra

O novo coronavírus continua a alastrar-se um pouco por todo o mundo. Enquanto alguns países estão a conseguir lidar com a pandemia de covid-19, outros estão a fracassar nessa tarefa. Este domingo, no total, registaram-se 6.106 …

"Um disparate". Presidente nega envolvimento na vinda de Juan Carlos para Cascais

O Presidente da República afirmou que “qualquer pessoa minimamente inteligente e sensata” perceberia que o chefe de Estado não se poderia envolver na questão do rei emérito de Espanha, classificando essa ideia como um "disparate". Em …

Plano do hidrogénio vai sair "muito caro" aos portugueses

Os fundadores da Tertúlia Energia defendem que o plano do hidrogénio do Governo tem várias lacunas e vai custar "muito caro" aos consumidores portugueses. Num artigo publicado no jonal ECO, os fundadores da Tertúlia Energia, Abel …

Governo vai lançar plano para salvar empresas viáveis em dificuldades (e perdoar juros ao Fisco)

O Governo vai lançar um plano para salvar empresas viáveis que será um novo mecanismo temporário para ajudar empresas que se encontrem em situação económica difícil ou em insolvência devido à pandemia. O plano, que se …

Fábio Silva a prazo no Dragão. Avançado deverá sair por 40 milhões

Fábio Silva deverá abandonar o FC Porto dentro dos próximos dias. O jovem avançado permitirá um encaixe de 40 milhões de euros para os cofres portistas. A saída de Fábio Silva do FC Porto parece praticamente …

"Há filhos e enteados?". Marques Mendes arrasa decisão "inacreditável" de realizar festa do Avante

Luís Marques Mendes criticou este domingo a realização da festa do Avante, considerando "inacreditável" que a habitual festa comunista seja realizada no atual contexto da pandemia de covid-19 em Portugal. No seu habitual espaço de …

Varandas só tem espaço para 24 jogadores. Metade será de Alcochete

Com o intuito de reduzir custos, o presidente sportinguista, Frederico Varandas, diz que quer um plantel com 24 jogadores para a próxima época. Cerca de metade são produtos de Alcochete. Frederico Varandas pretende encurtar o plantel …