Novas sentenças para quatro dos arguidos no caso BPN

José Sá Freire / YouTube

-

O Tribunal da Concorrência, Regulação e Supervisão alterou esta terça-feira a qualificação jurídica dos factos de que são acusados quatro arguidos do processo Contas Investimento, considerando que existiu falsificação da contabilidade do BPN e das contas consolidadas do BPN-SGPS e da SLN.

O juiz João Manuel Teixeira entendeu imputar aos arguidos Francisco Sanches, Luís Caprichoso, José Augusto Oliveira e Costa e Teófilo Carreira, que recorreram da condenação administrativa do Banco de Portugal (BdP), a prática, por cada um deles, de três contraordenações, ao invés de uma só, como vinham condenados.

No entender do juiz, em causa está não a inobservância de regras contabilísticas (como vinham acusados), mas a falsificação da contabilidade do Banco Português de Negócios e também das contabilidades consolidadas do BPN-SGPS e da Sociedade Lusa de Negócios (SLN), entendimento que o levou a adiar a leitura da sentença e a dar prazo para novas alegações.

Na decisão administrativa que motivou o recurso de nove dos 12 arguidos, o BdP considerava ter existido inobservância de regras contabilísticas que terão “prejudicado gravemente o conhecimento da situação patrimonial e financeira da sociedade”, situação “dolosamente planeada e executada” por membros do Conselho de Administração e imputável também ao BPN.

Na decisão de setembro de 2013, o BdP condenou o Banco BIC Português, que adquiriu o BPN em 2012, e a SLN a uma coima de 400 mil euros cada, o BPN-SGPS a 150 mil euros, e os arguidos individuais Luís Caprichoso (200 mil euros), Francisco Sanches (180 mil euros), José Augusto Oliveira e Costa, filho do então presidente (85 mil euros), Teófilo Carreira (45 mil euros), António Coelho Marinho (40 mil euros) e Armando Pinto (35 mil euros), que recorreram.

José Oliveira e Costa, alvo de uma contraordenação no valor de 300 mil euros, Abdool Karim Vakil (25 mil euros) e António Alves Franco (100 mil euros) não recorreram.

O juiz João Manuel Teixeira manteve a imputação de uma contraordenação ao BIC (por falsificação pelos seus administradores da contabilidade do BPN), à SLN (pela falsificação pelos seus administradores da contabilidade consolidada da sociedade) e ao BPN-SGPS (falsificação pelos seus administradores da contabilidade consolidada do grupo).

A Armando Pinto e António Coelho Marinho, o juiz manteve a prática de uma contraordenação por falsificação a título de negligência da contabilidade do BPN.

Apesar de o juiz ter afirmado que a sua decisão foi feita a partir da análise dos factos “como estão na decisão” administrativa, Carlos Almeida Lemos, advogado de Teófilo Carreira, considerou que a alteração hoje comunicada implica “nova produção de prova relativamente à pluralidade de imputações agora efetuadas”, sobre as quais as testemunhas arroladas não se puderam pronunciar, no que foi acompanhado pelos mandatários de Luís Caprichoso e de José Augusto Oliveira e Costa.

O juiz deu um prazo de oito dias para os recorrentes se pronunciarem, tendo marcado nova sessão para o próximo dia 9 de dezembro.

Na sessão de hoje, João Manuel Teixeira mandou retirar uma certidão para enviar ao Conselho Superior de Magistratura para este se pronunciar sobre “qualquer falta disciplinar” que possa ter existido da sua parte na apreciação ao requerimento apresentado por Rui Cortez Fonseca, advogado de José Augusto Oliveira e Costa, para adiamento das suas alegações “por um período não inferior a dois meses”, por se encontrar em gozo de licença de paternidade.

João Manuel Teixeira considerou que tal adiamento significaria a inutilização de toda a prova produzida durante o julgamento e que o decreto-lei invocado por Rui Fonseca não se aplica a processos de contraordenação, o que este contestou.

/Lusa

PARTILHAR

2 COMENTÁRIOS

RESPONDER

Inscrição hebraica com 2.800 anos revela antigo nome bíblico

Uma equipa de arqueólogos encontrou um jarro com 2.8000 anos com a inscrição em hebraico "Benayo" no sítio arqueológico de Abel Beth Maacah, no norte de Israel, local várias vezes mencionado na Bíblia Hebraica.  De …

Braga vence FC Porto e conquista Taça da Liga. Sérgio coloca lugar à disposição

O Sporting de Braga venceu hoje o FC Porto por 1-0 e conquistou a Taça da Liga, com Ricardo Horta a marcar o golo decisivo aos 90+5, garantindo um troféu que os bracarenses já tinham …

Rara moeda de ouro com a cara de Eduardo VIII vendida por preço recorde

Uma rara moeda de ouro com o perfil do rei britânico Edward VIII foi vendida a um comprador particular pelo valor recorde de 1,3 milhões de dólares. A informação é avançada pela Royal British Mint, a …

Depois dos incêndios, Austrália está prestes a experimentar uma "bonança" de aranhas mortais

Depois dos incêndios florestais que assolaram o país, os australianos começaram a implorar por chuva. O bónus de aranhas mortais não estava incluído no pedido, mas os especialistas do Australian Reptile Park acreditam que é …

Governo admite retirar cidadãos nacionais de Wuhan

As autoridades portuguesas estão a cooperar com outros países europeus para reforçar o apoio aos cidadãos nacionais que se encontram em Wuhan, onde ocorreram os primeiros casos do novo coronavírus, admitindo a possibilidade de retirá-los …

Os cogumelos podem ser muito mais antigos do que pensávamos

Os cogumelos podem ser mais antigos do que pensávamos, concluíram cientistas que dataram vestígios de micélio (constituinte dos cogumelos) com 800 milhões de anos, divulgou esta quarta-feira a Universidade Livre de Bruxelas, na Bélgica. Estudos anteriores …

Comer iogurte natural pode ajudar a reduzir o risco de cancro da mama

Uma das causas mais apontadas para o cancro da mama é a inflamação causada por bactérias nocivas. Esta tese ainda não foi provada, mas é apoiada pelas evidências até agora disponíveis de que a inflamação …

Primeiro caso suspeito de infeção por coronavírus detetado em Portugal

Foi detetado o primeiro caso suspeito de infeção infeção pelo novo coronavírus , em Portugal, anunciou este sábado a Direção-Geral de Saúde. “Este doente, regressado hoje [este sábado] da China, onde esteve na cidade de Wuhan …

Slava Semeniuta transforma chuva em atmosfera néon

O artista e fotógrafo russo Slava Semeniuta, também conhecido como Visual Scientist, mistura elementos naturais e faz mágica com eles. Slava Semeniuta, também conhecido como Visual Scientist, retoca fotografias de poças de água para criar composições …

Empresa quer vender dispositivos que extraiem água potável do ar

A empresa israelita Watergen está a planear começar a vender uma versão para o consumidor do seu aparelho que extrai água potável do ar ainda este ano. A tecnologia do gerador atmosférico da empresa está em …