Nirmal Purja pulverizou recorde: as 14 montanhas mais altas do mundo em sete meses

O nepalês Nirmal Purja conseguiu o recorde do mundo ao subir aos 14 pontos mais altos do mundo em pouco mais de seis meses.

Nirmal Purja, um nepalês de 36 anos, tornou-se, esta terça-feira, o mais rápido a escalar as 14 montanhas mais altas do mundo, ao fazê-lo em pouco mais de seis meses, avançou a sua agência de caminhadas – Seven Summit Treks -, assegurando que outros alpinistas levaram vários anos para conseguir este feito.

Depois de escalar Annapurna, o décimo ponto mais alto, a 23 de abril, Purja enfrentou a escalada de Dhaulagiri, Kanchenjunga, Everest, Lhotse e Makalu no mês seguinte. De seguida viajou para o Paquistão, onde escalou Nanga Parbat, Gasherbrum I, Gasherbrum II, K2 e Broad Peak. Seguiu-se o Nepal, onde subiu a Cho Oyu e Manaslu, e o Tibete.

O alpinista iniciou esta série a que chamou “Projeto Possível” e reivindica um novo recorde. “Missão cumprida”, publicou Nirmal Purja no Instagram, após ter alcançado do Tibete, a 14ª montanha mais alta do mundo.

“Nims” Purja, como é conhecido, é um ex-soldado das forças especiais britânicas e era completamente desconhecido no cenário do montanhismo até iniciar a sua missão.

De acordo com o Sapo24, o recorde anterior de escalada dos famosos “14 8.000” era do polaco Jerzy Kukuczka, que completou a mesma façanha após sete anos, 11 meses e 14 dias, em 1987. O italiano Reinhold Messner foi o primeiro a escalar os 14 picos, um ano antes.

O sul-coreano Kim Chang-ho completou o desafio num prazo um mês superior ao de Kukuczka. Mas ao contrário do polaco, que morreu num acidente de escalada em 1989, ele nunca usou oxigénio suplementar.

O prazo de sete meses estabelecido por Purja era visto como uma tarefa física e logisticamente impossível. O programa de escaladas era tão apertado que não permitia eventuais problemas que o obrigassem a fazer uma nova tentativa. “Todos riam de mim.”

O alpinista integra uma categoria que tem a velocidade como a marca mais característica. No entanto, estas escaladas não agradam os puristas das montanhas. Alan Arnette, que escreve num blog sobre alpinismo, disse à AFP que o feito é “extremamente impressionante”, “sem levar em consideração o estilo (oxigénio suplementar, apoio de sherpas [pessoas que ajudam os alpinistas], vias clássicas, helicópteros entre montanhas, etc”.

“Nirmal Purja estabeleceu uma barreira que levará décadas para superar ou que nunca será superada”, acrescentou.

Dos 14 picos mais altos do mundo, oito estão no Nepal, cinco no Paquistão e um no Tibete. Especialistas em escalada dizem que pouco mais de três dezenas de alpinistas já subiram os 14 picos até agora, avança o Diário de Notícias.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Sporting 1 - 0 SC Braga | Leões conquistam Taça da Liga com golo de Porro (e algum sofrimento)

O Sporting reconquistou hoje a Taça da Liga de futebol, ao vencer na final o Sporting de Braga, por 1-0, em Leiria, com um golo de Pedro Porro e enorme resistência durante a segunda parte. O …

Estados Unidos querem rever o acordo com rebeldes talibãs no Afeganistão

Os Estados Unidos indicaram hoje às autoridades afegãs o seu desejo de rever o acordo entre o Governo norte-americano e os talibãs, assinado em fevereiro de 2020, particularmente para "avaliar" o respeito dos rebeldes pelos …

"Excedeu todas as expetativas". Implante de córnea artificial devolve visão a homem cego

Um homem de 78 anos que estava cego dos dois olhos há 10 anos recuperou a visão após receber o primeiro implante de uma córnea artificial desenvolvida pela startup israelita CorNeat Vision. O implante CorNeat KPro …

Tenista João Sousa falha Open da Austrália após ter estado infetado

João Sousa vai falhar o Open da Austrália depois de ter estado infetado com o novo coronavírus, por determinação das autoridades australianas, anunciou hoje o tenista português. "É com muita tristeza que vos dou a conhecer …

Cientistas criam nova forma de produzir carne em laboratório (e prometem manter o sabor e a textura)

Uma equipa da McMaster desenvolveu uma nova forma de carne cultivada, através do uso de um método que promete manter o sabor e a textura mais naturais do que as outras alternativas à carne tradicional. Os …

Papa pede "jornalismo corajoso" e controlo de notícias falsas na Internet

O papa Francisco pediu hoje um "jornalismo corajoso" que venha ao encontro das pessoas e histórias, propondo ainda o controlo das notícias falsas na Internet, especialmente neste período de pandemia da covid-19. “Opiniões atentas lamentam, há …

A cidade mais antiga das Américas está sob ameaça de invasão (e a culpa é da pandemia)

Tendo sobrevivido durante cinco mil anos, o sítio arqueológico mais antigo das Américas está sob a ameaça de invasores que afirmam que a pandemia de covid-19 os deixou sem outra opção a não ser ocupar …

Suspeito do homicídio de Bruno Candé nega ter agido impulsionado por racismo

Evaristo Marinho disparou vários insultos racistas contra Bruno Candé: “Vai para a tua terra, preto, tens a família toda na sanzala e também devias lá estar”, foi um deles. Três dias depois acabou por matá-lo, …

Macaulay Culkin, o Kevin de "Sozinho em Casa", apela para que participação de Trump no filme seja retirada

A estrela do filme "Sozinho em Casa", Macaulay Culkin, fez comentários nas redes sociais onde apelou a que a participação especial de Donald Trump no filme seja removida digitalmente e substituída por uma versão mais …

Governo dos Açores defende clarificação de competências em situação de pandemia

O presidente do Governo Regional dos Açores, José Manuel Bolieiro, alertou para a necessidade de ser criada legislação que clarifique as competências da região no combate a uma pandemia. “É importante a aprovação de uma lei …