“Não é sustentável”. EUA travam cedência de caças MIG-29 polacos à Ucrânia

14

Tim Felce (Airwolfhound) / Wikimedia

Caça MIG-29 da Força Aérea da Polónia

Administração Biden e o representantes do Pentágono pareceram surpreendidos com a proposta de Varsóvia, que pressupunha a transferência das aeronaves para a base militar norte-americana na Alemanha.

Aos múltiplos apelos deixados por Volodymy Zelenskyy para que os membros da NATO fornecessem às Forças Armadas ucranianas aviões de combate, a Polónia respondeu positivamente, anunciado que estava disposta a entregar todos os seus caças MiG-29.

No entanto, tal não deverá efetivamente acontecer, já que os Estados Unidos não permitiram — ou não concordaram com — tal movimentação. De facto, o Pentágono parece até ter sido apanhado de surpresa com o anúncio e descreveu o plano como insustentável.

“Tanto quanto sei, não houve qualquer consulta connosco para a entrega destes aviões”, disse Victoria Nuland, subsecretária de Estado para Assuntos Políticos dos Estados Unidos durante uma audiência no Senado.

Em comunicado, as autoridades polacas diziam estar “prontas a deslocar, de modo imediato e sem custos, todos os seus aviões MiG para a base áerea de Ramstein — base norte-americana na Alemanha — e pô-los à disposição do Governo dos Estados Unidos da América”.

Em troca, Varsóvia receberia caças F-16, “aviões usados com capacidades operacionais correspondentes”. Trata-se de uma mudança de posição, depois da Polónia ter, numa fase inicial, rejeitado a possibilidade.

No entanto, o Pentágono veio expressar sérias preocupações para toda a NATO com a possibilidade de haver jatos “a voar sobre um espaço contestado pela Rússia sobre a Ucrânia”.

“Vamos continuar a consultar a Polónia e os nossos aliados sobre esta questão e os desafios logísticos que representa, mas não acreditamos que a proposta da Polónia seja sustentável”, escreveu John Kirby, porta-voz do Departamento da Defesa norte-americano.

Durante as suas declarações aos media internacionais e intervenções em câmaras como o Parlamento Europeu, o Congresso norte-americano ou a Câmara dos Comuns, no Reino Unido, apelou, num primeiro momento, à criação de uma zona de exclusão aérea pelos aliados da NATO, uma hipótese que foi prontamente afastada pelos países que integram a aliança.

Posteriormente, o presidente ucraniano passou a pedir que o Ocidente cedesse aeronaves que os militares ucranianos conseguissem pilotar, ou seja, de fabrico russo.

São estas aeronaves que a Polónia está disposta a ceder a Kiev, ainda que com os EUA como intermediários, uma função que os norte-americanos não parecem estar dispostos a assumir tal responsabilidade.

Kamala Harris, vice-presidente dos Estados Unidos, estará em Varsóvia amanhã, onde se deverá reunir com representantes do governo polaco e tentar reparar alguns dos danos diplomáticos que resultaram do aparente mal-entendido entre as partes.

  Ana Rita Moutinho //

14 Comments

  1. Ao ler a noticia ate entendo que a cedencia de aviões a Ucrania podera comprometer tudo mas existem tantas outras possibilidades de ajudar a Ucrania, mas pelo que se verifica e que se tivesse petroleo os EUA ja la estavam a limpar tudo mas como não tem não interessa e esquecem o que esta acontecer todos os dias como por exemplo matar crianças deliveradamente por prazer de matar atacar civis indefesos destruir predios civis casas enfim um sem numero de barbaridades e lamentavel que não se ajude alguem em dificuldades e sempre a alegar não podemos interferir etc etc so porque e a Ucrania porque No medio Oriente não existiram ses foram ate sem provas e verficou-se que as provas nunca apareceram mas foram agora e o que se ve.

  2. O que leva algumas pessoas a pensarem que esses aviões, se fossem entregues à Ucrânia, não teriam a mesma sorte dos quase 100 aviões que os russos já abateram? Conformem-se. A Rússia já ganhou esta guerra e a Ucrânia vai ter de aceitar as exigências russas. E quanto mais depressa o fizerem, mais depressa acaba a matança na Ucrânia.

    • Tens um espírito escravo, não peças que os outros te acompanhem. Se todos pensassem assim, ainda cá estava p Gengis Khan a mandar e desmandar.

      • Espírito escravo, eu? Mas sou eu que ando há décadas a prestar vassalagem aos EUA e a sacrificar o interesse da Europa para promover o interesse dos americanos?

    • Podem ter mais sorte e abater mais alguns invasores russos antes disso – como já aconteceu e voltará a acontecer!
      A Rússia não ganhou nada a não ser a repulsa mundial e humilhação de ver os seus soldados morrer em território alheio apenas por capricho de um ditador louco!….

      Se o teu vizinho entrar na tua casa e te tentar expulsar e se ele, fisicamente, for mais forte do que tu, já sabemos que abandonas a tua casa cobardemente e ages como se nada tivesse acontecido…
      A humanidade vai no ano 2022 mas tu ainda tens mentalidade do tempo das cavernas…

  3. Não entendo é o alarido. Mas tem tudo que ser noticiado e anunciado nas redes sociais????

    Faziam as coisas em segredo e estava feito. Mas não. A moda é andar de megafone na mão a anunciar o que se vai fazer.

    • Eu percebo a ideia, mas olhe que a este nível não há segredos, muito menos desta dimensão. Acha mesmo que os russos andam a dormir?!

      • “Acha mesmo que os russos andam a dormir?!”
        E não se nota??
        Andam a dormir não só boa parte do povo russo, como, pelo que se tem visto, alguns dos estrategas militares do Putin!…

  4. CONCORDO COM O NUNO da Silva . Aliás o memnino Zelensky já foi aconselhado pelos americanos e Alemães a ceder ás exigências de Putim.Os alemães vao financiar os ucranianos com 500 M # para fornecer armas . Mas já perceberam que vão pagar um extar de 1,5 B # pelo petróleo e pelo gas..Dentro de 10 dias a guerra vai acabar e as sanções também

    • “Aliás o memnino Zelensky já foi aconselhado pelos americanos e Alemães a ceder ás exigências de Putim”
      Não espalhes disparates!!
      Obviamente que isso nunca aconteceu e ceder à exigências de Putin é mau para todos – a bem da humanidade, a sua loucura tem que ser parada/limitada e, quanto mais tarde, pior!

      “Dentro de 10 dias a guerra vai acabar e as sanções também”
      oh sim, é já a seguir…. as tuas previsões estão a nível das previsões da bruxa Maya…

Deixe o seu comentário

Your email address will not be published.