O mundo está demasiado barulhento, conclui estudo da Apple

A Apple usou a sua app Research para levar a cabo um estudo sobre a audição. O objetivo é avaliar a saúde auditiva dos cidadãos dos Estados Unidos e incentivar as pessoas a cuidar melhor deste sentido.

Em estreita colaboração com a Escola de Saúde Pública da Universidade do Michigan, a Apple realizou uma investigação sobre a audição e os resultados do estudo estão a ser partilhados com a iniciativa Make Listening Safe da Organização Mundial da Saúde (OMS).

“A perda auditiva pode afetar uma pessoa de várias maneiras e o nosso objetivo é aumentar o foco na importância da saúde auditiva entre os responsáveis pela tomada de decisões e a população em geral”, explicou, em comunicado, Ren Minghui, diretor-geral assistente da OMS, citado pelo Interesting Engineering.

De acordo com o estudo, 25% dos participantes têm uma exposição sonora ambiental média diária superior ao limite recomendado pela OMS (trânsito, por exemplo) e quase 50% dos participantes trabalham, ou trabalharam, num local barulhento.

Os resultados revelam ainda que 20% dos participantes têm perda auditiva quando comparados com os padrões da OMS e 10% têm perda auditiva consistente com a exposição ao ruído.

A descoberta mais assustadora indicou que 25% dos participantes experimentaram um zumbido nos ouvidos algumas vezes por semana, o que pode ser um sinal de problemas auditivos.

“A escala nacional deste estudo não tem precedentes”, disse Rick Neitzel, professor de Ciências da Saúde Ambiental na Escola de Saúde Pública da Universidade do Michigan, acrescentando que, mesmo durante a pandemia de covid-19, “observamos que 25% dos participantes experimentaram altas exposições a sons ambientais“.

“Os resultados deste estudo podem melhorar a nossa compreensão acerca de exposições potencialmente prejudiciais e ajudar a identificar maneiras de as pessoas protegerem a sua audição de forma proativa”, rematou.

A Organização Mundial da Saúde recomenda que os fabricantes produzam aparelhos sonoros com funções de segurança, além do uso de tampões de ouvido em ambientes ruidosos. O organismo também apela a que os Governos adotem políticas ativas em relação ao ruído.

No caso específico dos fones de ouvido, a OMS recomenda que o volume normal não ultrapasse 60% da potência máxima.

  Liliana Malainho, ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Cogumelos laminados

O consumo de cogumelos pode diminuir o risco de depressão

Além de reduzirem o risco de cancro e morte prematura, os cogumelos podem beneficiar a saúde mental de uma pessoa. Uma equipa de investigadores da Faculdade de Medicina de Penn State, nos Estados Unidos, analisou dados …

Os hipopótamos de Pablo Escobar começaram a ser esterilizados

O grupo de hipopótamos, mais uma parte do indesejado legado deixado na Colômbia pelo traficante de droga Pablo Escobar, está a ser esterilizado. Quando o Cartel de Medellín estava no seu auge, Pablo Escobar gastou parte …

Ian Brackenbury Channell, o "feiticeiro de Christchurch"

Duas décadas depois, uma cidade neozelandesa decidiu despedir o seu feiticeiro

Vinte e três anos depois, a autarquia de Christchurch, na Nova Zelândia, decidiu despedir Ian Brackenbury Channell, o famoso feiticeiro da cidade. Desde 1998 que Ian Brackenbury Channell era o "feiticeiro de Christchurch", sendo responsável por …

Um dos microscópios de Darwin vai a leilão. Esteve nas mãos da sua família durante quase 200 anos

Um microscópio que Charles Darwin ofereceu ao filho Leonard - e que esteve nas mãos da sua família ao longo de quase 200 anos - vai ser leiloado em dezembro e poderá valer cerca de …

Pedro Sánchez promete abolir a prostituição em Espanha, por considerar que esta "escraviza" as mulheres

Espanha é um dos países europeus com mais trabalhadoras na indústria do sexo, as quais são sobretudo originárias de países da Europa mais pobres, da América Latina e de África. O primeiro-ministro espanhol Pedro Sánchez anunciou …

"Um milagre". Dois jovens sobreviveram quase uma semana no deserto australiano

Dois jovens, de 14 e 21 anos, sobreviveram durante quase uma semana no deserto, sem água e sem comida, depois de se terem perdido no Território do Norte, na Austrália. A polícia fala num verdadeiro …

Carlos Moedas

Moedas vai "dar tudo como presidente" e exige que seja respeitada a legitimidade do seu mandato

Carlos Moedas tomou posse, esta segunda-feira, como novo presidente da Câmara de Lisboa, tendo falado dos objetivos para o próximo quadriénio e deixado um elogio ao seu antecessor e alguns avisos à esquerda. Depois dos cumprimentos …

Chanceler austríaco Sebastian Kurz

Sondagens falsas e notícias favoráveis. O lado negro de Sebastian Kurz foi desmascarado

Sebastian Kurz e pessoas que lhe são próximas foram acusados de tentar garantir a sua ascensão à liderança do partido e do país com a ajuda de sondagens manipuladas e notícias favoráveis na imprensa, financiadas …

Tem uma carreira de sonho na Nike, mas cometeu um homicídio há 65 anos

O presidente da Jordan Brand, Larry Miller, revelou que, há 56 anos, matou um adolescente nas ruas de Filadélfia, nos Estados Unidos. O presidente da Jordan Brand — marca do ex-jogador de basquetebol Michael Jordan — …

Rio diz que decisão sobre eventual recandidatura está "quase tomada"

O presidente do PSD afirmou, esta segunda-feira, que a decisão sobre a sua eventual recandidatura está "quase tomada" e será anunciada em breve. Em declarações aos jornalistas à chegada à tomada de posse do novo presidente …