Multa histórica ao Facebook deixou Zuckerberg mil milhões de euros mais rico

JD Lasica / Wikimedia

Mark Zuckerberg, o criador da rede social Facebook.

A multa histórica de 4,4 mil milhões de euros aplicada ao Facebook, no âmbito do escândalo Cambridge Analytica, não está a fazer mossa na empresa e até fez subir as suas acções em bolsa, com o CEO Mark Zuckerberg a “lucrar” mil milhões de euros em apenas 30 minutos.

A Comissão Federal do Comércio dos EUA (FTC, na sigla em Inglês) impôs ao Facebook uma multa de cinco mil milhões de dólares (4,4 mil milhões de euros), pela sua gestão da privacidade dos utilizadores, no âmbito do caso Cambridge Analytica.

Mas o maior escândalo que envolve a Rede Social parece estar a resultar em mais benefícios do que prejuízos para a empresa. As acções do Facebook subiram 1% na sexta-feira, aquando da divulgação da sanção, situando-se no valor mais alto dos últimos meses, segundo o Business Insider.

Como principal accionista do Facebook, com 88.1% das acções, Mark Zuckerberg ficou mil milhões de euros mais rico em apenas 30 minutos, no seguimento dessa subida. As acções do CEO da empresa passaram a valer 84,1 mil milhões de dólares.

Os analistas apontam que este dado reflecte o alívio dos investidores que esperavam uma multa ainda mais pesada, face à extensão do escândalo da privacidade de dados.

De acordo com os jornais The Wall Street Journal e The Washington Post que citam fontes sob anonimato, a multa da FCT foi aprovada por três votos, dos membros indicados pelo Partido Republicano, contra dois, dos nomeados pelo Partido Democrata para esta entidade reguladora.

A confirmar-se oficialmente, o montante da sanção corresponderia às estimativas que a empresa dirigida por Mark Zuckerberg divulgara em Abril, ao apresentar os seus resultados trimestrais, alertando que estava preparada para receber uma multa “entre 3.000 e 5.000 milhões” de dólares por parte da FTC.

Até agora, nem a FTC nem a empresa fizeram qualquer comentário, nem confirmaram ou desmentiram a informação publicada.

Esta é a maior sanção alguma vez aplicada pelo organismo regulador a una empresa tecnológica.

A investigação foi desencadeada pela informação revelada em Março de 2018 segundo a qual a consultora britânica Cambridge Analytica utilizou uma aplicação para recolher dados de 87 milhões de utilizadores do Facebook sem o seu conhecimento e com fins políticos.

A empresa serviu-se de dados do Facebook para elaborar perfis psicológicos de votantes, que veio alegadamente a vender à campanha do agora Presidente dos EUA, Donald Trump, durante as eleições de 2016, entre outros clientes.

Partilhar dados com terceiros sem notificar os utilizadores constitui, como determinou a FTC, uma violação do acordo sobre privacidade que a rede social estabeleceu em 2011 com esta agência governamental.

Segundo o Wall Street Journal, depois da votação, o assunto foi transferido para o Departamento de Justiça que vai tomar uma decisão final, ainda que por tradição o governo não modifique as sanções decididas pela FTC.

Por seu lado, o Washington Post acrescentou que, depois da multa, a Facebook vai também passar a informar a entidade sobre cada decisão que tome relativamente aos dados dos seus utilizadores, antes de disponibilizar novos produtos, e aumentar a vigilância sobre as aplicações de terceiros.

Os dirigentes máximos da empresa sedeada em Menlo Park, no estado da Califórnia, incluindo o co-fundador e CEO Mark Zuckerberg, terão de admitir publicamente que falharam na protecção da privacidade dos utilizadores da Facebook.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

5 COMENTÁRIOS

  1. Nós queremos lá saber disso… o que nos importa que nos saquem os dados pessoais?
    O que nós queremos é bombar no facebook e outros “big brothers”, certo?
    Quando chegar a factura (ela já anda por aí mas nao a queremos ver nem falar dela), é que todos vamos levar as maos á cabeça e “pedir a deus que nos valha”!

  2. Foi a multa maior, mais pequena da história.
    Equivalente ao lucro de um trimestre. Qual a empresa ou empresário que não gostava de ter uma multa assim?
    E sair livre, que nem uma andorinha, depois de um crime desta dimensão?
    No fim, “castigaram” um dos homens mais ricos do planeta com uma multa a pagar em dinheiro.

  3. E, se em vez destas “multas” que só fazem cócegas, começassem mesmo a obrigar o Facebook (e companhia) a pagar impostos?!

RESPONDER

Encontradas fibras de poliéster em todo o Oceano Ártico

Investigadores encontraram fibras de poliéster em todo o Oceano Ártico. As evidências sugerem que lavar as nossas roupas está a contribuir para esta contaminação. Há muito tempo que o Ártico provou ser um barómetro da saúde …

Campus universitários nos Estados Unidos podem tornar-se super-propagadores da covid-19

Os campus universitários podem tornar-se super-propagadores do novo coronavírus, que causa a covid-19, para toda a sua área de abrangência, concluiu uma nova investigação levada a cabo nos Estados Unidos. Analisando os 30 campus universitários …

A "máscara mais inteligente do mundo" é recarregável, tem microfone e dá luz

A Razer afirma ter criado a máscara mais inteligente do mundo. O Projeto Hazel é um design com um revestimento externo feito de plástico reciclado à prova de água e é transparente para permitir a …

Novo tratamento permite que pessoas com lesões na espinal medula voltem a mexer mãos e braços

Uma equipa de investigadores da Universidade de Washington conseguiu ajudar seis participantes com lesões traumáticas da espinal medual a recuperar alguma mobilidade de mãos e braços. Muitas das pessoas que sofrem lesões traumáticas da espinal medula …

Ventiladores comprados à China custaram 1,3 milhões. Autarquias algarvias vão pedir devolução do dinheiro

Os 30 ventiladores comprados à China seriam usados nos hospitais do Algarve, mas os equipamentos não funcionam. Os autarcas vão agora exigir devolução do dinheiro. De acordo com a edição do jornal Público deste domingo, o …

EUA um passo atrás da China. Pequim leva avanço na Guerra Comercial (e as suas exportações estão em alta)

No ano em que a pandemia se expandiu em todo o mundo, muitos países viram-se em mãos com graves problemas financeiros e económicos. No caso da China, a situação foi mais positiva e o país …

Alexei Navalny detido no regresso à Rússia

O líder da oposição russa, Alexei Navalny, foi detido este domingo no aeroporto em Moscovo quando regressava à Rússia. Os serviços prisionais russos (FSIN) detiveram o opositor russo Alexei Navalny, este domingo, à chegada a Moscovo, acusando-o …

Prazo para trocas ou devoluções suspenso durante confinamento

O prazo para efetuar trocas ou devoluções de bens ficará suspenso durante o atual confinamento e as garantias que terminem neste período ou nos 10 dias seguintes serão prorrogadas por 30 dias, segundo diploma publicado …

Desde 2001 que polícias negros alertam para racismo de agentes do Capitólio

Com a invasão do Capitólio, investiga-se o alegado racismo existente na Polícia do Capitólio. Desde 2001 que agentes negros denunciam casos de discriminação racial no departamento. Desde 2001, centenas de agentes policiais negros processaram o departamento …

Um megatsunami devastou uma vila na Gronelândia. Três anos depois, há quem não possa voltar a casa

Em junho de 2017, Nuugaatsiaq, na Gronelândia, foi devastada por um megatsunami, cujas ondas foram desencadeadas por um enorme deslizamento de quase 30 quilómetros através do fiorde. Embora as ondas se tivessem dissipado quando chegaram a …