Multa histórica ao Facebook deixou Zuckerberg mil milhões de euros mais rico

JD Lasica / Wikimedia

Mark Zuckerberg, o criador da rede social Facebook.

A multa histórica de 4,4 mil milhões de euros aplicada ao Facebook, no âmbito do escândalo Cambridge Analytica, não está a fazer mossa na empresa e até fez subir as suas acções em bolsa, com o CEO Mark Zuckerberg a “lucrar” mil milhões de euros em apenas 30 minutos.

A Comissão Federal do Comércio dos EUA (FTC, na sigla em Inglês) impôs ao Facebook uma multa de cinco mil milhões de dólares (4,4 mil milhões de euros), pela sua gestão da privacidade dos utilizadores, no âmbito do caso Cambridge Analytica.

Mas o maior escândalo que envolve a Rede Social parece estar a resultar em mais benefícios do que prejuízos para a empresa. As acções do Facebook subiram 1% na sexta-feira, aquando da divulgação da sanção, situando-se no valor mais alto dos últimos meses, segundo o Business Insider.

Como principal accionista do Facebook, com 88.1% das acções, Mark Zuckerberg ficou mil milhões de euros mais rico em apenas 30 minutos, no seguimento dessa subida. As acções do CEO da empresa passaram a valer 84,1 mil milhões de dólares.

Os analistas apontam que este dado reflecte o alívio dos investidores que esperavam uma multa ainda mais pesada, face à extensão do escândalo da privacidade de dados.

De acordo com os jornais The Wall Street Journal e The Washington Post que citam fontes sob anonimato, a multa da FCT foi aprovada por três votos, dos membros indicados pelo Partido Republicano, contra dois, dos nomeados pelo Partido Democrata para esta entidade reguladora.

A confirmar-se oficialmente, o montante da sanção corresponderia às estimativas que a empresa dirigida por Mark Zuckerberg divulgara em Abril, ao apresentar os seus resultados trimestrais, alertando que estava preparada para receber uma multa “entre 3.000 e 5.000 milhões” de dólares por parte da FTC.

Até agora, nem a FTC nem a empresa fizeram qualquer comentário, nem confirmaram ou desmentiram a informação publicada.

Esta é a maior sanção alguma vez aplicada pelo organismo regulador a una empresa tecnológica.

A investigação foi desencadeada pela informação revelada em Março de 2018 segundo a qual a consultora britânica Cambridge Analytica utilizou uma aplicação para recolher dados de 87 milhões de utilizadores do Facebook sem o seu conhecimento e com fins políticos.

A empresa serviu-se de dados do Facebook para elaborar perfis psicológicos de votantes, que veio alegadamente a vender à campanha do agora Presidente dos EUA, Donald Trump, durante as eleições de 2016, entre outros clientes.

Partilhar dados com terceiros sem notificar os utilizadores constitui, como determinou a FTC, uma violação do acordo sobre privacidade que a rede social estabeleceu em 2011 com esta agência governamental.

Segundo o Wall Street Journal, depois da votação, o assunto foi transferido para o Departamento de Justiça que vai tomar uma decisão final, ainda que por tradição o governo não modifique as sanções decididas pela FTC.

Por seu lado, o Washington Post acrescentou que, depois da multa, a Facebook vai também passar a informar a entidade sobre cada decisão que tome relativamente aos dados dos seus utilizadores, antes de disponibilizar novos produtos, e aumentar a vigilância sobre as aplicações de terceiros.

Os dirigentes máximos da empresa sedeada em Menlo Park, no estado da Califórnia, incluindo o co-fundador e CEO Mark Zuckerberg, terão de admitir publicamente que falharam na protecção da privacidade dos utilizadores da Facebook.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

5 COMENTÁRIOS

  1. Nós queremos lá saber disso… o que nos importa que nos saquem os dados pessoais?
    O que nós queremos é bombar no facebook e outros “big brothers”, certo?
    Quando chegar a factura (ela já anda por aí mas nao a queremos ver nem falar dela), é que todos vamos levar as maos á cabeça e “pedir a deus que nos valha”!

  2. Foi a multa maior, mais pequena da história.
    Equivalente ao lucro de um trimestre. Qual a empresa ou empresário que não gostava de ter uma multa assim?
    E sair livre, que nem uma andorinha, depois de um crime desta dimensão?
    No fim, “castigaram” um dos homens mais ricos do planeta com uma multa a pagar em dinheiro.

  3. E, se em vez destas “multas” que só fazem cócegas, começassem mesmo a obrigar o Facebook (e companhia) a pagar impostos?!

RESPONDER

Cientista americana diz estar certa de que a Terra será atingida por asteroide

https://vimeo.com/355132338 Uma cientista americana de uma ONG dedicada a proteger a Terra diz que é 100% certo que um asteroide atingirá o nosso planeta. A cientista é Danica Remy, presidente da Fundação B612. Após um asteroide não …

NASA vai mesmo explorar Europa, a lua de Júpiter que pode ter vida extraterrestre

A NASA deu luz verde a uma missão para explorar uma lua de Júpiter que é considerada um dos melhores candidatos para a vida extraterrestre. A Europa - que é um pouco mais pequena do que …

País de Gales cancela plano controverso de criar "casas de banho robô"

O objetivo da construção era impedir atividade sexual, vandalismo e dormidas nas casas de banho públicas. O projeto ia recorrer às tecnologias de piso sensível ao peso, jatos de água, sensores anti-movimento e alarmes. O conselho …

Sem saber, uma mulher viveu durante 17 anos com a sua "gémea" dentro dela

Uma jovem na Índia, sem saber, viveu com uma das condições médicas mais raras e perturbadoras durante quase duas décadas. De acordo com um relatório de caso desta semana, a mulher tinha um saco que continha …

Novo filme da saga 007 já tem nome e data de estreia marcada

O novo filme da saga 007, realizado por Cary Fukunaga chama-se "No time to die" e estreia-se no Reino Unido e nos Estados Unidos em abril de 2020. "Daniel Craig regressa como James Bond, 007 em... …

Comporta pode tornar-se na nova Ibiza (e tudo começou com a queda do BES)

Após anos de um quase esquecimento, em termos de desenvolvimento imobiliário, a Comporta está a atrair investidores internacionais que encaram a pequena vila de Setúbal como uma "nova Ibiza". Um cenário que está a preocupar …

Família de Aretha Franklin cria fundo para a investigação de cancro raro

Um ano após a morte da cantora, a família de Aretha Franklin criou um fundo de apoio à investigação na área dos tumores neuroendócrinos, a doença rara que se revelou fatal para a celebridade, a …

Sporting vai monitorizar tudo o que se diz e escreve sobre jogadores

A empresa Noisefeed tem uma enorme base de dados relativa à atividade nas redes sociais de milhares de jogadores a nível global. Os jogadores de futebol de todo o mundo usam, cada vez mais, as redes …

Boris janta hoje com Merkel para mudar acordo. Maioria quer novo referendo

A pouco mais de dois meses da data marcada para a saída do Reino Unido da União Europeia, uma nova sondagem mostra que a maioria dos britânico quer que qualquer novo acordo vá a referendo. Um …

Oficial: Pardal Henriques candidato a deputado pelo partido de Marinho Pinto

O advogado Pedro Pardal Henriques anunciou esta quarta-feira que aceitou o convite para encabeçar a lista do PDR a Lisboa, deixando de ser porta-voz do Sindicato Nacional dos Motoristas de Matérias Perigosas para "não misturar …