Mulheres que tiraram apêndice ou amígdalas podem ser mais férteis

Um recente estudo britânico indica que as mulheres que retiraram o apêndice ou as amígdalas podem ser mais férteis.

Os investigadores da Universidade de Dundee e do University College de Londres, no Reino Unido, analisaram os registos de centenas de mulheres britânicas durante os últimos quinze anos.

Para isso, a equipa consultou o UK Clinical Practice Research Databank, o maior banco de dados digital para registos médicos do mundo, escreve a BBC.

A análise incluiu dados de 54.675 pacientes que retiraram o apêndice, 112.607 pacientes que retiraram as amígdalas e 10.340 que passaram pelas duas cirurgias.

Os dados foram comparados com os registos de 355.244 mulheres do resto da população e foi possível apurar que essas cirurgias podem aumentar a fertilidade.

De acordo com o estudo, agora publicado na revista especializada Fertility and Sterility, as taxas de gravidez foram mais altas entre aquelas que retiraram o apêndice (54,4%), as amígdalas (53,4%) ou as que fizeram os dois procedimentos (59,7%) do que no resto da população (43,7%).

Os especialistas acreditam que este estudo pode ser uma grande ajuda para desmistificar estas cirurgias, sobretudo a da apêndice, que muitas vezes é associada à perda da fertilidade de uma mulher.

“Este estudo é muito importante porque assegura a todas as jovens que a apendicectomia não vai reduzir as chances de uma gravidez no futuro”, afirmou Sami Shimi, um dos cientistas envolvidos na investigação.

“As duas cirurgias juntas confirmam que retirar órgãos inflamados melhora até as possibilidades de engravidar”, declara.

De qualquer forma, a equipa alerta que essas intervenções não devem ser feitas apenas com o único propósito de tentar engravidar.

Até porque os investigadores não conseguiram ainda perceber a relação entre estas cirurgias e o aumento da fertilidade, explica a emissora britânica.

“A pesquisa desafia cientificamente o mito do efeito da apendicectomia na fertilidade. O que temos de estabelecer agora é exatamente como é que isso acontece”, explica Shimi.

A equipa reconhece, por isso, que são necessárias mais investigações mas acredita que pode ser uma boa ajuda para criar novos tratamentos.

ZAP / BBC

PARTILHAR

RESPONDER

Cientistas encontraram abelha australiana que não era vista há 98 anos

Uma espécie de abelha nativa das florestas tropicais do leste da Austrália foi encontrada pela primeira vez em 98 anos. De acordo com o site IFLScience, trata-se da espécie Pharohylaeus lactiferus, abelha nativa do leste da …

Marcelo destaca papel de profissionais de UCI. Costa agradece à Madeira e FPF

O Presidente da República destacou e agradeceu o papel dos profissionais de saúde que estão nos cuidados intensivos, pelo seu papel no combate à pandemia, que considerou uma "saga nacional". "Eu queria, em primeiro lugar, louvar …

Entre farpas a Biden e Fauci, Trump admitiu concorrer à Casa Branca em 2024 (e vencer pela "terceira vez")

No primeiro discurso desde que saiu da Casa Branca, o antigo presidente Donald Trump deu a entender que vai concorrer novamente em 2024 e disse que Joe Biden "perdeu a Casa Branca". O ex-presidente dos Estados …

Cientistas estão a criar um "gémeo digital" da Terra (para prever o futuro)

Uma equipa de cientistas europeus começaram a trabalhar num plano ambicioso para prever o futuro das alterações climáticas: reconstruir uma versão virtual de toda a Terra para representar diferentes cenários. O planeta virtual faz parte de …

Asteróide passará a grande velocidade pela Terra em março. É o maior (e o mais veloz) de 2021

Um asteróide com um diâmetro de até 1,7 quilómetros passará pela Terra a grande velocidade no próximo mês de março, de acordo com dados publicados recentemente pelo Laboratório de Propulsão a Jato da NASA. Apesar de …

Bactérias benéficas do leite materno mudam ao longo do tempo

De acordo com um novo estudo, a mistura de bactérias benéficas transmitidas pelo leite materno muda significativamente com o tempo. Este pode atuar como uma injeção de reforço diário para a imunidade e metabolismo infantil. Os …

Quando um tigre vale mais morto do que vivo: A sórdida realidade das quintas de procriação

Em alguns países asiáticos, quintas de procriação de tigres exploram até ao tutano o valor económico do animal, submetendo-o a condições de vida degradantes. Tigres já foram puderam ser encontrados em grande parte da Ásia, do …

Ana Estrada Ugarte. Em decisão histórica, Peru abre as portas à eutanásia

Numa decisão histórica esta quinta-feira, o 11.º Tribunal Constitucional do Superior Tribunal de Justiça de Lima, no Peru, ordenou ao Ministério da Saúde do país que respeitasse a vontade de Ana Estrada Ugarte de acabar …

Árbitros estrangeiros na próxima época? APAF recusa "atestado de incompetência"

A Associação Portuguesa de Árbitros de Futebol (APAF) tem a certeza de que o Conselho de Arbitragem (CA) não irá passar um "atestado de incompetência" aos árbitros portugueses, chamando estrangeiros para encontros de Ligas nacionais. Segundo …

Depois do desconforto que a série causou na Família Real, Harry defende "The Crown"

Durante uma entrevista a James Corden, para o programa americano The Late Late Show, o príncipe Harry defendeu a série The Crown da Netflix, explicando que embora não seja “estritamente precisa”, retrata a pressão da …