Tentou vender filha para pagar operação do marido e recebeu 165 mil euros

DR HAP / Quirky China News / REX

Ni Qiong com as 3 filhas e o marido, Zhou Guixing, depois da operação

Ni Qiong com as 3 filhas e o marido, Zhou Guixing, depois da operação

Uma mulher na província chinesa de Fujian, sudeste do país, que tentou vender a filha para conseguir fundos para uma operação para o seu marido, recebeu uma doação de 1,27 milhões de yuan, cerca de 165.000 euros, de mais de 3.000 pessoas.

De acordo com o diário “Sina News”, o dinheiro recebido por Ni Qiong ultrapassa a quantia necessária para as despesas médicas da operação de urgência e, por isso, o marido, Zhou Guixing, devolveu 600.000 yuan, cerca de 78.000 euros, distribuídos em donativos para organizações de beneficência.

O jornal revelou que 500.000 yuan, cerca de 65.000 euros, foram enviados à Cruz Vermelha e o resto do dinheiro será entregue a famílias desfavorecidas de Youyang, a cidade natal do casal.

A 11 de dezembro, Zhou Guixing caiu do terceiro andar de um prédio em construção e ficou gravemente ferido e, após ter perdido o contacto com o diretor da obra, a família ficou sem dinheiro para as despesas hospitalares necessárias.

Cinco dias depois do acidente, Ni Qiong tentou vender a sua filha, ainda bebé, numa rua da cidade para conseguir dinheiro e salvar o seu marido.

DR Nhaidu.com

Ni Qiong tentou vender uma das filhas na rua para pagar a operação do marido

Ni Qiong tentou vender uma das filhas na rua para pagar a operação do marido

A comunicação social chinesa contou o caso e poucos dias depois o casal recebeu 1,27 milhões de yuan, 100.000 dos quais doados por um homem que quis manter o anonimato.

Imediatamente após ter sido submetido a cirurgia, ainda de cadeira de rodas, Zhou Guixing dirigiu-se ao banco para encerrar a conta onde o casal estava a receber as doações, e pediu que não fossem feitos mais donativos.

“Não é fácil para ninguém, ganhar dinheiro. Estes donativos são dinheiro que custou muito a ganhar a alguém“, disse Guixing.

ZAP / Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Em Miami e Nova Iorque, os polícias ajoelharam-se por George Floyd

Em Miami e em Nova Iorque, alguns agentes da autoridade juntaram-se aos manifestantes por breves momentos, para mostrar o seu respeito pela memória de George Floyd. Nos Estados Unidos, os protestos pela morte de George Floyd …

A Nova Zelândia está em cima de uma enorme bolha de lava

A Nova Zelândia situa-se no topo dos restos de uma pluma vulcânica gigante. Este processo é o responsável pela atividade vulcânica e desempenha um papel fundamental no funcionamento do nosso planeta. Nos anos 70, vários cientistas …

Petição busca estatuto de vítima para crianças em contexto de violência doméstica

Uma petição lançada na sexta-feria que reivindica a criação do estatuto de vítima para as crianças que vivem em contexto familiar de violência doméstica já foi assinada por mais de 1300 pessoas, entre elas personalidades …

Assimétrica e flutuante. A primeira casa impressa em 3D na República Checa vai "nascer" em 48 horas

A primeira casa impressa em 3D na República Checa vai estar pronta no próximo mês para demonstrar a velocidade e a eficácia de uma técnica de construção que será sete vezes mais rápida e terá …

Anonymous garantem que princesa Diana foi assassinada para abafar caso Epstein

O movimento internacional de ciberativistas Anonymous - ou alguém que alega operar em seu nome - garante que a princesa Diana, que morreu num acidente de viação em agosto de 1997, foi, na verdade, assassinada …

Empresa de mineração pede desculpa por destruir cavernas sagradas aborígenes

A empresa mineira Rio Tinto admitiu que destruiu as cavernas pré-históricas que eram locais de culto para os aborígenes australianos e pediu desculpa. As cavernas de pedra Juukan Gorge 1 e 2 – dois locais de …

Itália exige "respeito": vai abrir fronteiras, mas excluir países que impõem restrições a italianos

Apesar de acredita "no espírito europeu", o ministro dos Negócios Estrangeiros italiano sublinhou que o país está pronto "para fechar as fronteiras" àqueles que não o respeitem. A Itália vai abrir as suas fronteiras internacionais a …

As Forças Armadas sul-africanas não estavam preparadas para um inimigo invisível

A Força de Defesa Nacional da África do Sul não está preparada para combater uma pandemia silenciosa como a da covid-19. Este "inimigo invisível" veio trazer à tona as fragilidades do país. As Forças Armadas da …

Putin convoca referendo sobre alterações constitucionais para 1 de julho

A aprovação da reforma constitucional permitirá ao atual Presidente da Rússia, Vladimir Putin, cumprir mais dois mandatos suplementares a partir de 2024. Vladimir Putin anunciou a data de 1 de julho para o referendo nacional de …

Depois das máscaras e do gel, procura por acrílico dispara

À semelhança do que aconteceu com as máscaras de proteção e com o álcool-gel, a procura mundial por acrílico está a aumentar. Primeiro foram as máscaras e o desinfetante em gel, mas agora há um novo …