Movimento independente avança com garraiada na Queima das Fitas de Coimbra

O movimento “Coimbra dos Estudantes” vai avançar com uma garraiada em Coimbra, na semana da Queima das Fitas, depois de os alunos terem decidido, em referendo, acabar com aquela iniciativa dentro da festa dos estudantes.

À pergunta “Deve o evento garraiada continuar no programa oficial da Queima das Fitas?”, 70,7% dos alunos da Universidade de Coimbra decidiram responder “Não”, no referendo realizado na terça-feira, com o “Sim” a colher 26,7% dos 5.638 votos registados.

Em consequência do resultado do referendo, o movimento “Coimbra dos Estudantes”, que lutou pela continuidade da garraiada, vai avançar com a iniciativa, com o apoio de “estudantes e antigos estudantes”, disse à Lusa o líder do movimento, Ricardo Marques, estudante de mestrado na Coimbra Business School e antigo aluno da Escola Superior Agrária de Coimbra.

“Os moldes ainda estão a ser definidos”, referiu, adiantando que estão em cima da mesa duas opções: a realização da garraiada na praça de touros da Figueira da Foz ou na cidade de Coimbra.

A garraiada a ser realizada vai decorrer “durante a semana da Queima das Fitas”, assegurou, sublinhando que vai ser financiada através da “boa vontade dos estudantes e antigos estudantes”.

Não vamos ter apoio da Prótoiro [Federação Portuguesa de Tauromaquia]. É uma coisa dos estudantes e para os estudantes. A Prótoiro pode estar ao nosso lado, mas queremos que se mantenha este segmento, com estudantes e antigos estudantes a organizar”, frisou.

Ricardo Marques sublinhou que o que estava em causa no referendo era a continuidade da garraiada no programa oficial da Queima das Fitas, sendo que há “total liberdade para se dar uma garraiada a todos os que se reveem na mesma”.

Já o porta-voz da Prótoiro, Helder Milheiro, salienta que a federação já se disponibilizou para apoiar a realização da garraiada em Coimbra.

“Os resultados são o que são. Perante isso, se a garraiada não se realiza de uma certa forma, felizmente, o movimento local vai avançar com a garraiada noutra circunstância”, afirmou o representante, alegando que, apesar de respeitar “o princípio democrático” do referendo, está em causa “o princípio de liberdade e o direito à escolha”.

A afluência às urnas para este referendo acabou por ser significativa, face ao contexto. Houve mais estudantes a votar para este referendo do que para as eleições para a direção-geral da Associação Académica de Coimbra (AAC) em 2016, onde se registaram menos de cinco mil votos.

É isso que o presidente da AAC, Alexandre Amado, sublinha: “Foi uma participação expressiva e um resultado inequívoco. Julgo não existir nenhum ato eleitoral numa associação de estudantes com um número superior de votos em Portugal”.

Para Alexandre Amado, que era a favor do fim daquela prática tauromáquica na Queima das Fitas, a realização de uma garraiada fora do programa oficial não pode ser impedida.

“Ninguém pode impedir ninguém de promover atividades próprias e de organizar as iniciativas que pretender. Agora, a Queima das Fitas não vai ter garraiada“, vincou.

Após o resultado do referendo, o Conselho de Veteranos, que é um dos órgãos tutelares da Queima das Fitas e que rege as atividades tradicionais, terá a palavra final sobre a continuidade da garraiada no programa da festa.

Questionado pela Lusa, o dux de Coimbra, João Luís Jesus, referiu que vai ser convocada uma reunião de Conselho de Veteranos para a próxima semana em que irá levar “a proposta para acabar com a garraiada” dentro do programa oficial.

// Lusa

PARTILHAR

3 COMENTÁRIOS

  1. 70,7% dos alunos da Universidade de Coimbra decidiram responder “Não”, no referendo realizado na terça-feira, com o “Sim” a colher 26,7% dos 5.638 votos registados”

    ERRADO: 70% dos participantes na votação que foram 5.638.
    Não foram 70% dos alunos da Universidade de Coimbra.

    Convinha que tivessem mais rigor.

  2. A Universidade de Coimbra tem 24000 alunos. 70% dá 16.800. E no referendo votaram a favor do fim da garraiada 3.900 alunos.
    Vai uma diferença abismal de 3.900 para 16.800.
    Rigor precisa-se.

  3. Esqueçam pá!.. O Conselho de Veteranos, que tem a palavra final, já decidiu que não. Come e cala!..

    Além disso, em votações só faz falta quem lá está. Quem etá, está… Quem não está tivesse. Se votaram 70% dos participantes na votação então a votação ganhou por 70%. Não inventem nem compliquem o que não é para aqui chamado. Só falta virem dizer que todos os que não votaram teríam votado a favor. Ridículo…

RESPONDER

Ricardo Salgado quer anular multa de 75 mil euros

A defesa de Ricardo Salgado recorreu ao Supremo Tribunal de Justiça para tentar anular uma decisão do Tribunal da Relação de Lisboa que confirmou uma multa de 75 mil do Banco de Portugal por causa …

Portugueses começam a votar nas Presidenciais este domingo. Há 246 mil inscritos

Os portugueses começam a votar já neste domingo, uma semana antes das eleições Presidenciais de 24 de janeiro, no chamado voto antecipado em mobilidade para que se inscreveram mais de 246 mil eleitores. As europeias e …

Maduro ofereceu oxigénio ao Amazonas (quando há venezuelanos a morrerem por falta dele)

O presidente da Venezuela, Nicolás Maduro, ofereceu oxigénio hospitalar ao Estado do Amazonas, no Brasil, para ajudar a combater a falta deste gás devido ao elevado número de casos de covid-19. Uma generosidade que está …

Pior dia da pandemia. Portugal regista 10.947 infetados e 166 mortos em 24 horas

O boletim epidemiológico da Direção-Geral da Saúde (DGS) revela que, este sábado, Portugal atingiu dois recordes num só dia. Portugal voltou a registar um novo máximo este sábado, no dia dois do novo confinamento. Nas últimas …

Vírus duplica incidência em Espanha. Já provocou quase 2.500 mortos em 2021

Nos primeiros 15 dias de 2021, o número de infeções por covid-19 duplicaram em Espanha, com mais 300 mil novos contágios e 2.477 mortes, segundo números das autoridades sanitárias. Espanha começou o ano de 2021 com …

Apoio do Governo para pagar conta da luz em Janeiro não passa dos 2,40 euros por família

O apoio extraordinário que o Governo vai dar às famílias portuguesas para o pagamento da conta da luz, neste mês de Janeiro, devido ao confinamento e às temperaturas anormalmente baixas, é modesto. A verba máxima …

Crónica ZAP - Nota Artística por Nuno Miguel Teixeira

Nota artística: um clássico que valia 14 pontos

https://soundcloud.com/nuno-teixeira-264830877/fc-porto-1-1-benfica-o-musical-1 Chegámos.   Chegámos ao grande jogo do campeonato. Desta vez aparece no calendário só a meio de Janeiro, mas cá está ele. O grande jogo. "Ai não! Há Sporting, há Boavista, há Braga!". O Sporting e o …

Armin Laschet sucede a Angela Merkel na liderança da CDU

Este sábado, Armin Laschet foi eleito líder do partido alemão União Democrata-Cristã (CDU), depois de Angela Merkel ter abandonado o cargo, em setembro. Armin Laschet, chefe do governo da Renânia do Norte-Vestfália, é o novo líder …

"Não há vagas". Ambulâncias fazem fila à porta dos hospitais (até parece Itália em Março)

Os engarrafamentos de ambulâncias à entrada das urgências dos Hospitais de Torres Vedras e de Santa Maria, em Lisboa, ilustram a gravidade do que está a acontecer no Serviço Nacional de Saúde (SNS) com o …

PSD prepara reforma do sistema político e quer "conquistar" PS

Até maio, o PSD vai lançar um processo de debate, interno e externo, para preparar uma série de reformas no sistema político, na Justiça e para a revisão constitucional. O PSD vai preparar um pacote de …