Motor espacial “impossível” funciona em teste da NASA

NASA

O protótipo da EM Drive de Roger Shawyer

O protótipo da EM Drive de Roger Shawyer

O EM Drive foi inventado pelo engenheiro aeroespacial Roger Shawyer e, na teoria, não deveria funcionar. No entanto, os resultados do teste realizado em 2015 pela NASA foram agora divulgados e revelam que o motor consegue, realmente, criar propulsão no vácuo.

O engenheiro aeroespacial britânico Roger Shawyer ficou conhecido em 2014 quando anunciou o EM Drive, um motor que é não-newtoniano (não segue a lei da ação e reação), funciona sem combustível e cria impulso sem necessidade de expulsão de gases.

Para funcionar, este propulsor utiliza um magnetrão – um tubo de vácuo de alta potência que produz micro-ondas a partir da interação entre um campo magnético e eletrões.

O magnetrão envia as micro-ondas para uma estrutura que, segundo os defensores desta tecnologia, acaba por gerar o misterioso impulso, produzido, aparentemente, do nada.

De acordo com os especialistas, no papel este motor não deveria funcionar, mas quando colocado em prática, funciona. Aliás, o EM Drive criou uma propulsão de 1,2 milinewtons por quilowatt no vácuo, o que é bem melhor do que o esperado.

O teste foi realizado no Centro Espacial Lyndon Johnson, no Texas, e os cientistas utilizaram um pêndulo de baixa propulsão.

“O teste incluiu um impulso nulo para identificar qualquer fonte de impulso, mas nenhuma foi identificada”, refere o documento da agência espacial norte-americana.

No entanto, os investigadores vão realizar mais estudos para eliminar a possibilidade de a dilatação térmica estar a influenciar os resultados.

Os resultados do estudo ainda não foram publicados em revistas científicas e não passaram pela revisão por pares, mas os cientistas dizem que um artigo deverá ser publicado nos próximos meses na Journal of Propulsion and Power.

O motor “impossível” EM Drive vai ser testado no espaço em breve. Caso realmente funcione, este sistema poderá ultrapassar as grandes barreiras da exploração espacial, permitindo que uma viagem a Marte demore apenas 70 dias.

BZR, ZAP / Hypescience

PARTILHAR

9 COMENTÁRIOS

  1. Adorei esta passagem:”De acordo com os especialistas, no papel este motor não deveria funcionar, mas quando colocado em prática, funciona. Aliás, o EM Drive criou uma propulsão de 1,2 milinewtons por quilowatt no vácuo, o que é bem melhor do que o esperado”

    Portanto algo que não deveria funcionar, funcionou melhor do que o esperado!

    • Porque Portugal quando recebe esse lixo também é pago pela itália para o tratamento do mesmo. Isto é um resumo bem resumido…

  2. Criando potência a partir do vácuo, mantendo energia reserva para retorno, enviando e recebendo sinais do nosso planeta, eis aí um futuro promissor. Precisamos de que os dados coletados sejam enviados para bases fixas no espaço sideral, encurtando as distancias e facilitando a manutenção de equipamentos ou substituições dos mesmos. Esta nova tecnologia abrangeu sistemas de que é possível obter grandes resultados em um menor espaço de tempo.

  3. Esse motor utiza a matéria escura como base de impulso, por isso n pôde ser encontrada, mas tá aí bem em baixo dos narizes dos cientistas prova que eles queriam!

  4. Muito estranho apresentarem uma tecnologia e desconhecerem os princípios que regem seu funcionamento. Será que já não receberam essa tecnologia pronta?

  5. Caraca, em breve o telemotor entrará em testes também para ver se conseguimos enviar materiais da Terra até Marte, para suprimentos e sementes, além de peças e demais materiais,
    É o homem, bicho, com unhas e dentes, e ainda um pouco de pelos, que consegue através dos ensinamentos herdados e outros adquiridos, e ainda outros “criados”, que nos faz chegar até este momento em que lês estas palavras. Tudo pura tecnologia da perfeição. O homem busca a perfeição e esta perfeição está em seu gene, de forma que vamos sempre trilhar um caminho de evolução, mesmo que esta evolução traga também todas as demais consequências a que estamos vivenciando no planeta, de forma que em algum tempo, com a letargia da ação positiva de limpar o planeta, levará com que parte da humanidade suba até Marte, depois alguma lua de Júpiter e mais algumas décadas povoando várias cidades flutuantes…
    O homem foi criado para isso mesmo. Viver além das fronteiras do quintal do vizinho, ele tem um espírito que o guia na semelhança do qual ora fora criado.

  6. Não há nada de novo nisto!
    Ainda me lembro que uma das experiências demonstrativas de que a luz (fotões/ondas electromagnéticas) tinham efeitos cinéticos.
    As equações de DeBroglie permitem calcular a energia total de um dado fotão conhecidos o comprimento de onda e a energia .
    Embora não tenha massa no sentido newtoniano interage com a matéria ao ser absorvido/emitido pelos electron.
    Assim quando a luz é emitida num sentidohá um efeito cinético no sentido contrário e inverso no outro.
    As energias necessárias são muito altas para distancias interplanetárias e curtos tempos, talvez uteis nas inter siderais ou galáticas. Coisa para as IAs.

2020 entre os três anos mais quentes desde que há registo

O ano de 2020 anuncia-se um dos três mais quentes, alertou hoje a Organização das Nações Unidas (ONU), apontando a probabilidade de o aumento da temperatura em 2024 exceder o limite de 1,5° C do …

Adeus, auriculares. Novo dispositivo transmite música diretamente para o ouvido

O SoundBeamer cria uma espécie de "bolha de som" e emite música diretamente para os nossos ouvido, sem o recurso a headphones. A empresa Noveto Systems inventou um aparelho, chamado SoundBeamer, que cria uma "bolha de …

Há "máfia" no clube de Scolari

Antigo diretor do Cruzeiro conta que viu "muita coisa errada" nos bastidores do clube que pode descer à terceira divisão do Brasil. 2020 está a ser um ano difícil para muitos clubes - um deles é …

Rir faz bem à mente e ao corpo, revelam estudos

Embora pareça algo leviano, o riso, em resposta a eventos engraçados, na verdade dá muito trabalho, porque ativa várias áreas do cérebro: áreas que controlam o processamento motor, emocional, cognitivo e social. O livro "An Introduction …

Pela primeira vez em 37 anos, Isabel II vai passar o Natal no Castelo de Windsor sem a família

A rainha Isabel (Elizabeth) II e o seu marido, Filipe (Phillip), vão passar o Natal em Windsor para evitar riscos de contágio de covid-19. A casa real britânica anunciou, esta terça-feira, que a rainha Isabel II …

Submarino chinês bate recorde e atinge parte mais profunda da Fossa das Marianas

A China transmitiu imagens ao vivo do seu novo veículo submarino que chegou no fundo da Fossa das Marianas no dia 10 de novembro. Esta é uma missão histórica no local subaquático mais profundo do …

Nova Zelândia declara estado de emergência climática

O Governo da Nova Zelândia declarou, esta quarta-feira, o estado emergência em matéria de alterações climáticas, comprometendo-se a tornar o setor público neutro em carbono até 2025 e pedindo ao país para "agir com urgência". A …

Bicicletas de emergência. Veículo capaz de escapar ao trânsito já serve de "ambulância" em Paris

As bicicletas conseguem contornar engarrafamentos e estacionar em qualquer lugar, por isso costumam ser mais rápidas do que carros nas ruas congestionadas da cidade. É por isso que a "ebike-ambulância" da Emergency Bikes foi criada. As …

DGS confirma três casos de covid-19 na sua sede. Dez trabalhadores estão em isolamento profilático

A Direção-Geral da Saúde (DGS) informou esta noite que foram confirmados três casos positivos de covid-19 na sua sede, até ao momento, adiantando ainda que dez trabalhadores deste organismo ficarão em isolamento profilático. Graça Freitas, diretora …

Foi "quase por acaso" que se criaram os hóteis perfeitos para a era covid. Agora, podem salvar o turismo

Arquitetura medieval, cidades desertas e campos longínquos - o que parecem ser os ingredientes perfeitos de um filme, pode ser a receita secreta do hotel perfeito da era covid. Em Itália são cada vez mais …