Morreu Samuel Little, o maior assassino em série da história dos EUA

FBI

Samuel Little

O homem descrito pelo FBI como o maior assassino em série da história dos Estados Unidos morreu aos 80 anos na Califórnia.

Samuel Little morreu num hospital da Califórnia na quarta-feira, informou o departamento do Estado responsável pelo sistema prisional. O homem estava a cumprir pena de prisão perpétua pelo homicídio de três mulheres, avança o JN.

Classificado pela Polícia federal dos EUA como o maior assassino em série da história do país, o criminoso reclamou, ao longo da vida, a autoria de 93 homicídios, sendo que pelo menos 50 foram confirmados pelas autoridades norte-americanas.

As confissões do criminoso eram bastante detalhadas, com informações específicas sobre os locais onde conhecera as vítimas, mulheres, quase todas negras, que descrevia ao pormenor. As declarações foram inclusivamente acompanhadas por retratos que o suspeito desenhou na prisão nos últimos anos.

Em fevereiro de 2019, o FBI divulgou 16 esboços dos retratos das vitimas, para tentar identificá-las e conseguir resolver as dezenas de homicídios.

Os alvos de Samuel eram sobretudo, segundo o FBI, mulheres marginalizadas e vulneráveis, ​envolvidas no mundo da prostituição ou das drogas, cujos desaparecimentos atraíram pouca atenção, permitindo ao assassino escapar durante várias décadas.

O ex-pugilista também espancava as vítimas antes de as estrangular, pelo que, sem ferimentos provocados por armas brancas ou de fogo, as mortes eram atribuídas, de forma errada, a excesso de drogas ou acidentes.

Depois de uma amostra de ADN o ligar à morte de três pessoas em Los Angeles, Samuel Little foi preso em 2012.

  ZAP //

PARTILHAR

3 COMENTÁRIOS

  1. Por estas e por outras é que depois o Black Lives Matter encontra bastante resistência. Ou vão dizer que no caso deste gajo a prisão perpétua foi por ser preto?

    • – Os alvos de Samuel eram sobretudo, segundo o FBI, mulheres marginalizadas e vulneráveis (E NEGRAS), ​envolvidas no mundo da prostituição ou das drogas, cujos desaparecimentos atraíram pouca atenção, permitindo ao assassino escapar durante várias décadas.
      Se não fossem negras E não fossem mulheres marginalizadas, a polícia tinha tido outra atitude e ele tinha sido apanhado muito mais cedo.
      ALL LIVES MATTER
      “Por estas e por outras é que depois o Black Lives Matter encontra bastante resistência.”. Vamos a factos, já que os tem obviamente. Devem existir milhares de videos de polícias a espancar e a matar cidadãos brancos que provocam uma onda de revolta pelo mundo inteiro, baseados apenas em perfis raciais. Ou seja, se um cidadão branco está num local e acontece alguma coisa, então ele é automaticamente culpado.

RESPONDER

Exames de acesso ao ensino superior podem ser usados durante quatro anos

Os exames nacionais vão poder ser utilizados na candidatura ao acesso ao ensino superior durante quatro anos após a sua realização, sendo que os alunos que optem por repetir as provas podem escolher a melhor …

I Liga: Sporting em desvantagem durante... 2% do tempo jogado

Benfica e FC Porto jogam mais tempo a ganhar, no que se disputou até agora no campeonato. Arouca no fundo, embora não esteja no último lugar da classificação. A pausa habitual para jogos entre selecções nacionais …

Costa pede estabilidade e diz que "a política é como o futebol, em equipa que ganha não se deve mexer”

O primeiro-ministro, António Costa, destacou esta quarta-feira a importância da estabilidade económica e financeira do país na atração de investimento estrangeiro e frisou, em Sines, a necessidade de dar continuidade às políticas que a têm …

Portugal regista mais 828 casos e nove mortes. Incidência e transmissibilidade sobem

Portugal regista hoje mais 828 casos confirmados de infeção com o coronavírus SARS-CoV-2, nove mortes associadas à covid-19 e uma nova redução no número de internamentos, segundo dados da Direção-Geral da Saúde (DGS). Segundo o boletim …

Igreja Católica portuguesa pode ser submetida a investigação sobre pedofilia, admite bispo de Fátima

Bispo de Leiria-Fátima afirmou que a Igreja não pode ter uma "atitude de contemplação" e disse mão ter conhecimentos de casos do género no passado. À semelhança do que aconteceu em França, também a Igreja Católica …

Vacinados deixam de precisar de testes em eventos desportivos, culturais e familiares

As pessoas com esquema vacinal completo há mais de 14 dias deixam de precisar de fazer testes de rastreio covid nalguns contextos, como reuniões familiares e eventos culturais, desportivos ou cooperativos. A norma da Direção-Geral da …

Operadoras de TV ameaçam subir preços por causa de taxa "ilegal" no OE

A proposta de Orçamento do Estado para 2022 prevê que os operadores de serviços de televisão por assinatura passem a pagar uma taxa semestral de dois euros por subscritor, que se traduzirá numa taxa anual …

Parlamento quer estender direito ao esquecimento a doentes com diabetes, VIH e hepatite C

As propostas de alteração do PS e do PAN pretendem incluir outras doenças crónicas, para além do cancro, no chamado direito ao esquecimento. O projeto-lei do PS, aprovado na Assembleia da República em maio deste ano, …

Filipa Roseta foi chamada para a equipa de vereadores de Moedas (mas pode não renunciar ao lugar de deputada)

Carlos Moedas chamou Filipa Roseta para a sua equipa de vereadores na Câmara Municipal de Lisboa. A deputada do PSD não está a pensar renunciar ao seu lugar no Parlamento. À luz da lei, e de …

Carta de trabalhadores denuncia produtos Google e Amazon. "Negam direitos a palestinianos".

Centenas de trabalhadores das duas empresas tecnológicas assinaram uma carta em conjunto onde condenam a decisão de fornecer serviços ao governo de Israel e apelam ao apoio da comunidade internacional. Numa carta anónima publicada no jornal …