Morreu Fidel Castro

Alejandro Ernesto / EPA

Fidel Castro foi o líder mundial não ligado a uma monarquia mais longevo do século 20

Fidel Castro foi o líder mundial não ligado a uma monarquia mais longevo do século 20

O histórico líder cubano, Fidel Castro, morreu aos 90 anos, anunciou hoje o seu irmão, o Presidente Raúl Castro, na televisão estatal.

Fidel Castro, o líder da Revolução Cubana, morreu esta sexta-feira, aos 90 anos. Foi um dos homens mais carismáticos e controversos da História política do século XX e era a última grande figura do comunismo ocidental.

“O último revolucionário” e o homem que “atormentou” dez Presidentes dos Estados Unidos, como escrevem o El Pais e o The New York Times, liderou Cuba durante 47 anos, até passar o poder ao irmão mais novo, Raul Castro, em 2006, mas o “pai da revolução cubana” continuou a exercer influência e a marcar a identidade coletiva do país.

Fidel Castro nasceu a 13 de agosto de 1926, em Birán, uma pequena localidade do município cubano de Mayari, no seio de uma família de origens galegas. Apenas aos 17 anos foi reconhecido pelo pai e registado com o nome definitivo: Fidel Alejandro Castro Ruz.

Frequentou escolas de jesuítas e, depois, a Universidade de Direito de Havana, onde começou a participar em ações de agitação.

Teve dois filhos, um com a mulher com quem casou em 1948 e Alina, fruto de um caso extraconjugal, que só aos 10 anos soube ser filha de Fidel e se exilou nos EUA.

Após um longo e conturbado período como opositor do regime de Fulgêncio Batista, um aliado dos Estados Unidos, o guerrilheiro Fidel Castro e o seu companheiro de luta Che Guevara chegaram a 01 de janeiro de 1959 a Havana e a Revolução Cubana fazia a sua entrada na História.

Em 1961, declarou Cuba um Estado socialista e os EUA cortaram relações diplomáticas com Havana, que se prolongaram até 2015. Em março deste ano, Barack Obama tornou-se no primeiro Presidente norte-americano em funções a visitar a Cuba em 88 anos.

No entanto, dura até hoje o embargo económico dos EUA a Cuba, iniciado também em 1961.

Fidel resistiu à oposição de dez presidentes norte-americanos (Eisenhower, Kennedy, Johnson, Nixon, Ford, Carter, Reagan, Bush pai, Clinton e Bush filho), numa relação com os EUA que transportou a Guerra Fria para o continente americano.

Desde o triunfo da revolução, Cuba manteve relações estreitas com o bloco socialista europeu. Até à queda da União Soviética, em 1991, recebeu ajuda económica e militar do país, mas o fim do bloco comunista fez Cuba mergulhar numa crise económica.

Fidel chegou ao poder apoiado pela maioria dos cubanos, prometendo reinstaurar a Constituição de 1940, criar uma administração honesta, restabelecer liberdades civis e políticas e realizar reformas moderadas.

Mas recebeu acusações da comunidade internacional de autoritarismo, radicalismo e violação aos direitos humanos, além de perseguição a religiosos e homossexuais.

abirdie / Flickr

Em 2006, Fidel Castro afastou-se devido a problemas de saúde e delegou o poder no irmão, Raul Castro

Em 2006, Fidel Castro afastou-se devido a problemas de saúde e delegou o poder no irmão, Raul Castro

Milhares de cubanos deixaram o país, de maneira legal ou ilegal, por não estarem de acordo com o governo ou por causa da situação económica.

A 31 de julho de 2006, Fidel Castro afastou-se devido a problemas de saúde e delegou o poder em Raul Castro, que começou um processo de abertura e de reformas no país, reconhecido em 2009 pela União Europeia, que levantou nesse ano as sanções a Havana.

“Desejo só combater como um soldado das ideias. Continuarei a escrever. Será mais uma arma do arsenal com que se poderá contar”, escreveu Fidel no dia em que renunciou.

Durante a última década, fez poucas aparições públicas, foi dado como morto várias vezes na Internet e nas redes sociais e manteve um contacto regular com o mundo através dos seus artigos.

Também era um anfitrião para Presidentes e outras personalidades que visitavam a ilha caribenha, como aconteceu no mês passado com o Presidente português, Marcelo Rebelo de Sousa, que foi recebido por Fidel quando visitou Cuba.

Os mais assíduos foram os aliados bolivarianos, os Presidentes da Bolívia e da Venezuela, Evo Morales e Nicolas Maduro (e o seu antecessor Hugo Chávez) respetivamente, mas também recebeu o papa Francisco em setembro de 2015, o chefe de Estado francês François Hollande quatro meses antes e o patriarca ortodoxo russo Kiril em fevereiro deste ano.

Marcelo Montecino / Flickr

Fidel Castro chegou a 01 de janeiro de 1959 a Havana - e a Revolução Cubana fazia a sua entrada na História.

Fidel Castro chegou a 01 de janeiro de 1959 a Havana – e a Revolução Cubana fazia a sua entrada na História.

Num país em crise económica e desafiado pelas consequências da normalização das relações com os Estados Unidos, a figura e as palavras de Fidel Castro continuavam a ter eco na política e na sociedade cubanas, sendo ainda uma inspiração para os que querem manter uma ortodoxia revolucionária face à crescente pressão para uma maior abertura política e económica.

“Reiteramos o compromisso de permanecermos fiéis às ideias pelas quais Fidel Castro lutou ao longo da sua vida”, afirmou este ano o “número dois” do Partido Comunista Cubano.

Foi a 13 de agosto, quando fez 90 anos, que apareceu pela última vez publicamente.

Meses antes, em abril, no VII Congresso do Partido Comunista de Cuba, fez um discurso que soou a despedida.

Talvez esta seja a última vez que falo nesta sala. Em breve cumprirei 90 anos, não em resultado de nenhum esforço mas por capricho do destino. Sou como todos os demais: também chegará a minha hora”, disse.

“A todos chegará a sua vez, mas as ideias dos comunistas cubanos permanecerão como prova de que neste planeta, se trabalharmos com fervor e dignidade, podemos produzir os bens materiais e culturais que os seres humanos precisam e devemos lutar incansavelmente para obtê-lo”, defendeu.

/Lusa

PARTILHAR

6 COMENTÁRIOS

  1. Para se perceber a dimensão do enorme “el comandante”, é imperativo ter alguma cultura, conhecer um pouco de história universal em particular do após segunda guerra mundial, estar limpo de preconceitos e sobretudo, saber o que era Cuba antes de Fidel. Fidel, após ascender ao poder e acabar com o “quintal”, não de todos os americanos mas de grande parte dos corruptos que se arrogavam donos de Cuba, não caiu nas boas graças dos mesmos e tudo fizeram para, durante décadas, através de sanções desumanas, estrangular a independência do Povo Cubano. Souberam sofrer heroicamente, os cobardes aliaram-se aos inimigos mas agora, felizmente, num tempo em que Fidel parte, lega o poder no irmão Raúl, este, terá a sageza suficiente para normalizar as relações de Cuba com os novos líderes mundiais que, ao contrário de tantos outros, nunca procuraram ajudar os dirigentes cubanos para uma forma de relacionamento que salvaguardasse a independência de Cuba e contribuísse para o seu desenvolvimento. O presidente Barac Obama e Raúl Castro, deram alguns passos, quiça os mais importantes, agora esperemos que a nova liderança dos USA, não retroceda porque, em pleno século XXI seria imperdoável.

    l

  2. O Homem mais amado k o Mundo alguma vez amou nem jesus cristo foi assim tão amado alguma vez neste mundo mas ñ foi desta k o mundo acabou para ele como ele tinha dito se eu me for embora o mundo acabará pk eu fiz muito pela nosso planeta k era beber e comer coisa k niguem mais fez um grande bem aja .

  3. Já podia ter ido há mais tempo, e não ter dado 50 anos de ditadura, miséria e sofrimento ao bom povo cubano. Que tenha levado com ele as ideias revolucionárias e comunistas que transformaram aquele país latino-americano num dos mais tristes e sofridos. Brindo com os cubanos no exílio onde têm liberdade para brindar.

  4. Mais um ditador e fascista além de criminoso que desaparece, para muitos os amantes deste tipo de ditaduras um herói e revolucionário para muitos outros apenas o que acabei de afirmar antes, que Cuba siga o seu caminho se possível pela via democrática mas se tiver de ser pela submissão das armas como até aqui que os outros países continuem a não intervir onde não devem para evitar males maiores pois temos o exemplo bem recente da Síria.

  5. Pois, confesso que me faltam palavras para expressar o que penso e sinto.
    Esperaria que no momento da morte de alguém associado a TANTOS E TÃO GRAVES CRIMES fosse feito e dito algumas coisas bem diferentes das que tenho visto e ouvido.
    Sendo um fim-de-semana Black Friday, pode ser que a humanidade tenha ficado a preço de saldo…

  6. Mais um que como Pinochet morreu de velho sem ser julgado na terra pelos muitos crimes que cometeu. Que arda eternamente no inferno. Entretanto a terra viu-se livre de um energúmeno e um idiota que teve a capacidade de espalhar imenso sofrimento.

RESPONDER

"Um tsunami de dívidas". O mundo deve a si mesmo 277 mil milhões de dólares

Prevê-se que até ao final deste ano, a dívida da economia mundial atinja os 277 mil milhões de dólares. A pandemia de covid-19 é um dos fatores responsáveis. A pandemia de covid-19 não só está a …

Empresas podem negar trabalho a quem não se quiser vacinar

"É obviamente possível" que as empresas evitem contratar um trabalhador se não quiserem ser vacinadas contra a covid-19. A presidente do Comité Económico e Social Europeu (CESE), Christa Schweng, admitiu a possibilidade de uma empresa se …

"A Suitable Boy". Um beijo numa série da Netflix provocou um escândalo (social e político) na Índia

A Netflix está a enfrentar uma reação negativa na Índia por causa de uma cena de um beijo entre duas personagens na série A Suitable Boy ("Um bom partido"). O partido no poder já pediu …

Irmãos transformaram 7 linhas de código num império de 36 mil milhões de dólares

Patrick e John Collison são dois jovens empreendedores irlandeses que fundaram a Stripe, uma empresa que criou uma solução alternativa para os pagamentos online, avaliada em 36 mil milhões de dólares. Em vez de construirem soluções …

ECDC. Portugal terá "níveis muito baixos" de novos casos se mantiver restrições

Se Portugal mantiver as restrições adotadas atualmente, irá registar em dezembro “níveis muito baixos” de novos casos de covid-19. O Centro Europeu para Prevenção e Controlo das Doenças (ECDC), criado com a missão de ajudar os …

Com apenas 14 anos, Xiaoyu é o adolescente mais alto do mundo. Mede 2,21 metros

Ren Keyu nasceu na China a 18 de outubro de 2006, e no dia em que comemorou o seu 14º aniversário recebeu também o título do Guinness World Records do adolescente mais alto do mundo, …

Jerónimo "não está a prazo" no PCP (e vai continuar a negociar com o PS)

O PCP continua disponível para negociar com o PS, mas não a troco de nada. Quanto ao quinto mandato consecutivo enquanto secretário-geral do partido, Jerónimo avisou, este domingo, que não está "a prazo". No discurso de …

Hackers expõem na cloud dados que roubaram de utilizadores do Spotify. Foi um acidente

Um grupo de piratas informáticos compilou uma base de dados com cerca de 250.000 palavras-passe do Spotify e armazenaram os dados na cloud. No entanto, esqueceram-se de proteger o armazenamento com uma palavra-passe. De acordo com …

Disney vai colocar em lay-off mais de 30.000 trabalhadores em 2021

A gigante norte-americana Walt Disney Company anunciou esta semana que vai colocar em regime de lay-off 32.000 trabalhadores no primeiro semestre de 2021 devido às quebras financeiras causadas por causada da pandemia de covid-19. A …

Ventura responde a Rodrigues dos Santos (e os ânimos à direita tornam-se cada vez mais ácidos)

Depois de Francisco Rodrigues dos Santos ter afirmado, em entrevista ao Sol, que o CDS "não fará alianças políticas com o partido Chega", André Ventura reagiu em tom irónico: "Como é que o Chega conseguirá …