Morreu Bruce McCandless, primeiro astronauta a andar livre no Espaço

NASA / Wikipedia

O astronauta Bruce McCandless, da missão STS-41-B da ISS, numa EVA, “Extravehicular Activity”

O antigo astronauta da NASA Bruce McCandless, o primeiro a andar livremente no Espaço sem qualquer ligação à nave, morreu aos 80 anos, anunciou, na sexta-feira, a agência espacial norte-americana.

O feito alcançado em 1984 ficou registado numa icónica imagem que mostra o astronauta norte-americano, com um pesado fato espacial, sozinho na escuridão cósmica com o azul do planeta Terra como pano de fundo.

Durante a caminhada espacial, Bruce McCandless ficou a mais de 300 pés (mais de 90 metros) do vaivém espacial Challenger sem qualquer cabo de ligação.

“A foto icónica de Bruce a flutuar sem esforço no Espaço inspirou gerações de norte-americanos a acreditar que não havia limites para o potencial humano“, afirmou, em comunicado, o senador republicano John McCain, que foi colega de Bruce McCandless na Academia Naval dos Estados Unidos.

A NASA anunciou que Bruce McCandless morreu na quinta-feira na Califórnia, sem revelar, porém, a causa da morte.

A caminhada espacial sem qualquer ligação à nave não foi, porém, a única conquista do astronauta norte-americano, que antes foi comunicador na missão de controlo em Houston quando Neil Armstrong e Buzz Aldrin efetuaram o famoso passeio lunar em 1969.

Anos mais tarde, ao recordar a sua caminhada espacial, o astronauta norte-americano relatou que “havia um pouco de apreensão” na missão de controlo, onde estava a sua mulher.

“Eu queria dizer algo parecido com o que disse Neil [Armstrong] quando aterrou na lua e, por isso, disse: ‘Pode ter sido um pequeno passo para Neil, mas foi o raio de um grande passo para mim’. Isso aliviou um pouco a tensão”, afirmou.

Bruce McCandless fez também parte, em 1990, da tripulação do vaivém que colocou o Telescópio Hubble em órbita.

Nascido em Boston, McCandless formou-se na Academia Naval dos Estados Unidos em engenharia elétrica e administração.

Foi também um aviador naval que participou no bloqueio cubano na crise dos mísseis de 1962, selecionado para o programa de treinos de astronautas durante o programa Gemini e o piloto de reserva para a primeira missão tripulada Skylab em 1973. Depois de deixar a NASA, McCandless trabalhou para a Lockheed Martin no Colorado.

// Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

A longo prazo, o distanciamento social pode até ser melhor para a economia

O isolamento social durante uma pandemia, como é o caso da covid-19, que já fez mais de 48.000 vítimas mortais por tudo o mundo, pode revelar-se melhor para a economia a longo prazo, revelou uma …

Elon Musk doou 1.000 ventiladores a hospitais (mas eram do tipo errado)

Nos últimos dias, Elon Musk, CEO da Tesla, recebeu muitos elogios por ter doado mil ventiladores a hospitais da Califórnia, que enfrentam um número esmagador de casos de coronavírus. Porém, os ventiladores não eram do …

Coronavírus pode replicar-se na boca e nariz durante uma semana antes de infetar pulmões

O coronavírus pode permanecer e replicar-se na boca e no nariz durante uma semana antes de infetar aos pulmões, à traqueia e aos brônquios, revela um estudo, que mostra igualmente que é expulso do organismo …

PSP vai utilizar câmaras portáteis em drones no estado de emergência

A PSP vai utilizar 20 câmaras portáteis de videovigilância, 18 das quais vão ser instaladas em ‘drones’, durante o estado de emergência devido à pandemia de covid-19, anunciou esta quinta-feira o Ministério da Administração Interna …

Em Nova Iorque, prisioneiros são usados para cavar valas comuns

Nova Iorque está a oferecer seis dólares por hora e material de proteção individual aos prisioneiros de Rikers Island que aceitem ajudar a cavar valas comuns. Projeções da Fundação Gates apontam que, em Nova Iorque, o …

EUA estará a pagar para desviar carregamentos de máscaras adquiridas por França

As autoridades francesas estão a acusar os Estados Unidos de terem pago para desviar um carregamento de máscaras faciais oriundo da China. Este episódio é apenas mais um na saga sobre a escassez de máscaras de …

Cerca de 1200 reclusos podem vir a ser libertados

Cerca de 1200 reclusos podem vir a ser libertados antecipadamente para prevenir a propagação da pandemia de covid-19 no meio prisional, revelou esta quinta-feira a ministra da Justiça, Francisca Van Dunem, em declarações à RTP3. A …

OMS e EUA ponderam alargar recomendação para uso de máscaras

A Organização Mundial de Saúde (OMS) vai reavaliar as suas recomendações sobre o uso de máscaras para prevenir a contaminação com covid-19, disse esta quinta-feira o presidente do grupo de especialistas que vai discutir o …

Covid-19. Mais de 95% das vítimas mortais na Europa tinham mais de 60 anos

O diretor regional para a Europa da Organização Mundial de Saúde (OMS), Hans Kluge, revelou esta quinta-fera que mais de 95% das vítimas mortais da covid-19 na Europa têm mais de 60 anos de idade. Em …

Curva portuguesa mostra abrandamento de novos casos (mas é preciso "cautela")

Portugal tem assistido desde o dia 25 de março a um abrandamento do aumento percentual diário de novos casos de covid-19, segundo dados divulgados pelo Barómetro Covid-19 da Escola Nacional de Saúde Pública (ENSP). Segundo Carla …