MIT “ressuscita” línguas perdidas usando Inteligência Artificial

Uma equipa de investigadores do Massachusetts Institute of Technology (MIT) desenvolveu um sistema à base de Inteligência Artificial para ajudar linguistas a decifrar textos antigos.

De acordo com o CNET, investigadores do Laboratório de Ciências da Computação e Inteligência Artificial do MIT (CSAIL) estão a trabalhar para dar uma nova vida às “línguas mortas”, com a ajuda da Inteligência Artificial. O novo sistema é capaz de decifrar automaticamente línguas perdidas sem a necessidade de conhecimento avançado.

O estudo, liderado pela professora Regina Barzilay, baseia-se em perceções da linguística histórica, como o facto de as línguas só evoluírem de maneiras previsíveis.

Um determinado idioma raramente adiciona ou exclui totalmente um som. Em vez disso, é provável que ocorram substituições de som: a letra “p” pode mudar para um “b” em algumas palavras ao longo do tempo, por exemplo.

Juntamente com o seu aluno de doutoramento Jiaming Luo, Barzilay desenvolveu um algoritmo, à base de machine learning, que regista padrões de mudança de linguagem. O sistema pode, desta forma, segmentar palavras num idioma antigo e mapeá-las num idioma relacionado.

Segundo o comunicado do MIT, este projeto baseia-se num artigo, escrito no ano passado, que descrevia um programa, criado pelos investigadores, que decifrou as línguas mortas do ugarítico e do Linear B.

Muitos idiomas são considerados perdidos por não haver conhecimento suficiente sobre a sua gramática, vocabulário ou sintaxe. Este novo algoritmo consegue, até, avaliar a proximidade entre as duas línguas e, quando é testado em idiomas conhecidos, o sistema pode também identificar famílias de idiomas.

No futuro, a equipa quer expandir o seu trabalho para identificar o significado semântico das palavras, mesmo que ainda não sejam legíveis. Em última análise, os investigadores esperam ser capazes de “ressuscitar” línguas perdidas usando apenas alguns milhares de palavras.

ZAP //

PARTILHAR

3 COMENTÁRIOS

RESPONDER

MIT desenvolve mão robótica insuflável (que devolve o tato aos amputados)

Apesar de haver membros biónicos altamente articulados, concebidos para detetar os sinais musculares residuais e imitar roboticamente os seus movimentos pretendidos, a destreza de alta tecnologia tem um custo muito alto. Recentemente, engenheiros do Massachusetts Institute …

É agora possível os robôs mexerem-se sozinhos, graças a novos polímeros de alta energia

Através do uso de novos polímeros que armazenam mais energia e são depois aquecidos, investigadores da Universidade de Stanford conseguiram colocar manequins a mexer os braços sozinhos. Era ver robots a mexer os braços sozinhos, pelo …

"Poço do Inferno". Espeleólogos encontram serpentes, mas não demónios

No deserto da província de Al-Mahra, no leste do país, um buraco redondo e escuro de 30 metros de largura serve de entrada para uma caverna de cerca de 112 metros. Uma maravilha natural que …

Vitória SC 1-3 Benfica | “Águia” passa tranquila em Guimarães e continua a voar no topo

Naquele que era apontado como o mais duro teste à sua liderança até ao momento, o Benfica passou com relativa tranquilidade em Guimarães. Frente a um Vitória que tentou discutir o jogo de igual para igual …

Fazer umas calças de ganga exige 10 mil litros de água. Dez marcas estão a criar jeans sustentáveis

As calças de ganga são das peças de vestuário com piores impactos para o ambiente, mas há marcas que estão a apostar na sustentabilidade como um factor atractivo para os consumidores. Estão sempre na moda e …

"Guerra das matrículas" faz escalar tensão entre Sérvia e Kosovo

Esta semana, a fronteira entre o norte do Kosovo e a Sérvia esteve bloqueada por protestos de elementos da etnia sérvia, que não aceitam a decisão do governo kosovar, de etnia albanesa, de proibir a …

Num golpe de "fake it until you make it", Hong Kong vai a eleições a saber o vencedor

Hong Kong prepara-se para as primeiras eleições legislativas após as mudanças no sistema eleitoral implementadas pela China para garantir a vitória dos seus aliados. Aos olhares mais desatentos, as eleições em Hong Kong são mais um …

Stefano Pioli propõe regra de basquetebol que contribui para um "futebol de ataque"

O treinador do Milan, Stefano Pioli, propõe uma alteração nas regras do futebol que promete revolucionar o desporto rei. De forma semelhante ao basquetebol, uma vez dentro do meio campo adversário, as equipas não poderiam voltar …

Um dos maiores sites de dados sobre a covid-19 na Austrália é, afinal, gerido por adolescentes

Aproveitando o momento em que passaram a integrar as estatísticas que os próprios fazem chegar diariamente à população australiana, o grupo de três jovens revelou a sua identidade para surpresa de muitos dos seus seguidores. …

Mais cinco mortes e 713 casos confirmados em Portugal

Portugal registou, este sábado, mais cinco mortes e 713 casos confirmados de covid-19, de acordo com o mais recente boletim epidemiológico da Direção-Geral da Saúde (DGS). Este sábado registaram-se mais cinco mortes e 713 novos casos …