Ministro acusa Governo de Passos de “incompetência ou manipulação”

Tiago Petinga / Lusa

O ministro do Planeamento, Nelson de Souza, no Parlamento.

O ministro do Planeamento, Nelson de Souza, alega que o Governo de Passos Coelho inflacionou o Portugal 2020, por “incompetência ou manipulação”, com milhões de euros que nunca poderiam ser utilizados.

Numa entrevista à TSF e ao Dinheiro Vivo, o ministro do Planeamento refere que, actualmente, os Fundos Europeus valem 20% do investimento público, deixando críticas ao Governo anterior no âmbito do programa Portugal 2020.

Confrontado com o facto de os programas operacionais regionais, como o Alentejo, o Lisboa ou o Mar 2020, terem níveis de execução muito baixos, Nelson de Souza realça que “têm uma taxa de execução inferior à média” porque “foram construídos artificialmente em matéria de orçamento, foram insuflados com dotações associadas aos instrumentos financeiros dimensionadas para um nível impossível de cumprir“.

Segundo o ministro, estamos a falar de dinheiro que já se sabia que não seria usado porque “o total dos instrumentos inscritos nos orçamentos dos programas operacionais regionais, nomeadamente os de maior porte – Norte, Centro e Alentejo, já que Lisboa e Algarve não podiam ser aumentados -, somaram uma quantia astronómica relativamente ao que foi executado no QREN”.

“Antes eram perto de 300 milhões de euros e aqui foram inscritos perto de 1,5 mil milhões”, constata, sugerindo que isto aconteceu “porque se queria mostrar que a construção do Portugal 2020 favorecia os programas operacionais regionais“.

“Quem fez isto ou não conhecia a realidade, ou era incompetente, ou manipulou a construção e já sabia que ia ter este resultado”, acrescenta numa crítica directa ao Governo de Passos Coelho.

O ministro sustenta ainda que “isto constituiu um bloqueio“. “Ficou uma verba enorme parada no âmbito dos programas regionais que só agora com a reprogramação que fizemos em Dezembro pôde ser fechada”, acrescenta.

“Tivemos de convencer Bruxelas que não estávamos contra os instrumentos financeiros, mas que o seu volume era exagerado e estava a fazer que os programas operacionais regionais estivessem essa baixa taxa de execução”, conclui Nelson de Souza.

ZAP //

PARTILHAR

3 COMENTÁRIOS

  1. Culpar os outros para encobrir a sua própria incompetência é sujo e falta de ética profissional, talvez seja própria de “monhés”, mas enfim , é pratica comum utilizada pela Geringonça…qualquer dia o culpado é D. Afonso Henriques.

  2. Os bandalhos falam assim quando pensam que se dirigem a um povinho que só tem 24kb de RAM…
    Este fulano ten sido compincha de muitos que deixaram Portugal na penúria:
    Homem de mao do Guterres que deixou o país de tanga, ajudou o A Costa a criar uma das maiuores dividas autarquicas de sempre na CM Lisboa…
    Em 20 set 2017 afirma que o país nao perderá um euro:
    https://24.sapo.pt/economia/artigos/governo-diz-que-falta-certificar-132-milhoes-de-fundos-do-pt2020-mas-portugal-nao-perdera-um-euro

  3. A falta de educação pelos vistos é pratica comum de sua pessoa. Quem nao tem melhores argumentos recorre ao insulto. Isso é de gente com baixa moral e baixa educação civica.

RESPONDER

O escorbuto era uma doença comum entre piratas, mas pode estar de regresso

O número de casos de escorbuto no Reino Unido mais do que duplicou nos últimos anos. A desnutrição é um dos principais responsáveis pelo regresso desta doença. O escorbuto está em ascensão no Reino Unido e …

Dois veleiros robotizados vão medir alterações climáticas no Atlântico

Dois veleiros de navegação robotizada vão medir, durante os próximos quatro meses, a pegada das mudanças climáticas no oceano Atlântico e irão passar pela Madeira e Cabo Verde. A Plataforma Oceânica das Canárias (PLOCAN) libertou esta …

A educação científica está sob ataque legislativo nos Estados Unidos

São inúmeros os professores de ciências que trabalham diariamente nas escolas públicas dos Estados Unidos para garantir que os alunos estão equipados com o conhecimento teórico e prático necessário para enfrentar o futuro. No entanto, …

João Félix saiu lesionado com gravidade no jogo contra o Valência

João Félix, avançado português do Atlético de Madrid, saiu este sábado lesionado com "forte torção no tornozelo direito", ao minuto 78 do jogo contra o Valência, da nona jornada da Liga espanhola de futebol, disputado …

As traças ficaram mais escuras por causa da Revolução Industrial? Cientistas já sabem a resposta

No virar do século XIX, na Grã-Bretanha, traças de todo o país começaram a ficar gradualmente mais escuras em resposta à forte poluição provocada pela Revolução Industrial. A Revolução Industrial foi um período de grandes transformações …

Mais de mil médicos foram alvo de processos disciplinares. 45 foram condenados, nenhum foi expulso

Mais de 1.070 processos disciplinares a médicos foram abertos no ano passado pelos conselhos disciplinares da Ordem, tendo sido condenados 45, segundo dados este sábado divulgados. Segundo os dados da Ordem dos Médicos, os conselhos disciplinares …

Publicar no Instagram rende mais a Ronaldo do que jogar na Juve

As publicações pagas no Instagram rendem mais a Cristiano Ronaldo do que jogar na Juventus, revela um estudo do Buzz Bingo. O internacional português foi a personalidade mais bem paga neste rede social em 2018. De …

Brexit: Hoje era o Dia D (mas afinal, fica tudo na mesma)

Devia ter sido o dia decisivo para o Brexit no Parlamento do Reino Unido, mas o processo foi mais uma vez adiado.  Foi aprovada uma emenda que obriga o primeiro-ministro Boris Johnson a pedir um novo …

"Mais Siza e menos Centeno". Emprego e salários são as chaves do novo Governo de Costa

O novo Executivo para a próxima legislatura, que António Costa apresentou esta terça-feira ao Presidente da República, tem como chaves de governação o emprego e os salários, escreve este sábado o Expresso. De acordo com …

FBI já apurou a causa da morte de três turistas na República Dominicana

Testes toxicológicos apresentados esta semana pelo FBI determinaram que a morte de três turistas norte-americanos na República Dominicana se deveu a causas naturais, avança o jornal New York Times. De acordo com o diário, no caso …