//

Michio Kaku: Encontraremos vida alienígena em breve (mas contactá-la é uma “ideia terrível”)

5

O teórico da Teoria das Cordas Michio Kaku acredita que o Telescópio Espacial James Webb vai encontrar vida noutros planetas, mas defende que não é boa ideia contactar com estes potenciais alienígenas.

Em entrevista ao jornal britânico The Guardian, o professor de física teórica do New York City College falou sobre o seu próximo livro “The God Equation” e disse acreditar que estamos no caminho certo para descobrir vida alienígena dentro de um século.

“Em breve teremos o telescópio [Webb] em órbita e teremos milhares de planetas para observar”, disse Kaku. “É por isso que acho que as hipóteses de entrarmos em contacto com uma civilização alienígena são bastantes altas.”

No entanto, o teórico da Teoria das Cordas não acredita que devêssemos contactar logo com outras formas de vida – mesmo que as encontrássemos.

“Há alguns colegas meus que acreditam que devemos entrar em contacto com eles. Acho que é uma ideia terrível”, disse Kaku. “Agora, pessoalmente, acho que os alienígenas lá fora seriam amigáveis, mas não podemos apostar nisso. Portanto, acho que faremos contacto, mas devemos fazê-lo com muito cuidado”.

“Todos sabemos o que aconteceu com Montezuma quando conheceu Cortés no México há tantas centenas de anos”, recordou.

Segundo o IFLScience, as forças espanholas lideradas por Cortés massacraram os astecas desarmados até “o sangue dos guerreiros escorrer como água”, o que não parece um desfecho ideal para o primeiro contacto com a vida alienígena.

Kaku já tinha mencionado esta ideia no passado, explicando que embora acredite que a vida alienígena será principalmente pacífica – dado que provavelmente encontraremos civilizações milhares ou talvez milhões de anos anteriores aos seres humanos atuais -, isso não significa que devemos arriscar.

“Não podemos correr o risco”, disse o físico teórico, em declarações ao BigThink em 2018. “Não devemos tentar anunciar a nossa existência à vida alienígena no espaço sideral pelo facto de não sabermos as suas intenções.”

Segundo Kaku, o perigo não é que os alienígenas sejam “maus” em si, mas que possam nem se importar connosco. O cientista comparou a nossa posição no Universo à de um veado na floresta. Enquanto os caçadores na floresta representam uma ameaça para os veados, o perigo real vem de empreendedores que podem pavimentar a floresta e, assim, destruir o meio ambiente.

  Maria Campos, ZAP //

5 Comments

  1. Se existirem civilizações com milhares de anos de avanço em relação a nossa já nos descobriram de certeza, e não querem saber destes selvagens primitivos que se matam uns aos outros e destroem o único planeta onde habitam
    Ou então estão caladinhos a ver se não os contagiamos com a nossa estupidez

  2. Um teórico?? Então vive a vender teorias não da conspiração mas “científicas” …. o que vale 0 no mundo real… de certeza que não foi um “teórico” que criou um chip de computador …. se então fosse ainda estava num paper científico que poucos percebem os jargões e poucos pares de teóricos os lêem. Bluebeam

    • Este teórico que a notícia refere construiu um mini-acelerador de partículas quando frequentava o liceu… e se a teoria vale zero, então a matemática não serve para nada, pois é tudo teórico, nunca vi ninguém construir uma casa com números.

    • Pelo seu comentário percebe-se logo o “alto nível” de conhecimento científico que possui…
      Bonito.

  3. concerteza que encontraremos vida em outros planetas….nao sera como pensamos. ..

    Em todo o caso poderemos nunca encontrar seres como nos….

    se descobrirmos, estara tao longe que nem nos proximos 100 anos teremos uma solucao para la chegar…

Deixe o seu comentário

Your email address will not be published.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE