“Masculinidade” é critério para se ser polícia no Brasil (e está a gerar polémica)

Fernando Frazão / Agência Brasil

A polícia brasileira incluiu num concurso no estado do Paraná alguns requisitos que estão a gerar polémica, uma vez que é valorizada a “masculinidade” dos candidatos.

São 67 os critérios avaliados no exame psicológico para os postos de cadete oferecidos pela Polícia Militar do Paraná, no sul do Brasil, mas há um em particular que está a gerar críticas por todo o país.

Não mostrar interesse em histórias românticas” ou “não se emocionar com facilidade” são alguns dos requisitos que a polícia brasileira incluiu num concurso no qual se valoriza a “masculinidade” dos candidatos. As inscrições para as provas de acesso para os 16 cargos abriram esta segunda-feira e estão disponíveis para homens e mulheres até 30 anos de idade.

Segundo as condições publicadas, os candidatos terão de passar por um teste psicológico, no qual serão avaliados pela sua “masculinidade“, que surge definida como “a capacidade de um indivíduo não se impressionar com cenas violentas, suportar vulgaridades, não se emocionar facilmente, nem mostrar interesse em histórias românticas e de amor”.

Toni Reis, diretor do grupo ‘Dignidade’, uma organização brasileira que luta pelos direitos LGBT, disse à EFE que “não é normal”. “O Paraná é o quinto estado com maior número de feminicídio do país. É um estado conservador e não pode aceitar este tipo de comportamento porque vai contra a Constituição.”

A busca por uma suposta “masculinidade” é, para o responsável, um critério que reflete “o machismo institucional no Brasil“. “Queremos uma polícia forte, que pode ser firme, mas pode ter sentimentos, não podemos ter um polícia psicopata ou um robô”, disse, acrescentando que já pediram ao Ministério Público que tome uma posição sobre o assunto.

Numa nota, citada pelo Jornal de Notícias, a polícia militar do Paraná afirmou que “não tolera comportamentos e posições discriminatórias de qualquer natureza” e que todos os testes que se aplicam “são instrumentos aprovados pelo Conselho Federal de Psicologia”, que, até ao momento, ainda não se pronunciou.

Além disso, acrescenta que a expressão “masculinidade” gerou uma “interpretação errada para alguns setores da sociedade”. O objetivo do teste psicológico é “avaliar a estabilidade emocional e a capacidade de enfrentar”, aspetos “extremamente necessários para a atividade do dia a dia”.

Este mesmo teste foi utilizado em 2013 e é muito “comum” em instituições de segurança pública e empresas privadas que querem avaliar a capacidade do candidato de não “ficar impressionado com cenas violentas, vulgares e hostis”.

A polícia entrou em contacto com o co-autor do teste psicológico, Flávio Rodrigues Costa, que atestou a validade do instrumento e garantiu não ter “conotação de diferenciação de género, sexo ou qualquer outra forma de discriminação”.

No entanto, José Augusto Araújo, presidente da Ordem dos Advogados do Brasil no Paraná, considera que o concurso prevê “situações inusitadas” a partir do momento que se valorizam aspetos “subjetivos”, o que pode ser “ilegal e inconstitucional”.

A polícia já disse entretanto que “está a promover um ajuste do termo masculinidade”.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Um ano após o confinamento de Wuhan o mundo continua em crise devido à covid-19

Quase um ano depois da imposição do confinamento na cidade de Wuhan para travar o vírus SARS-CoV-2, que se assinala este sábado, o mundo continua em luta contra a pandemia, apesar do aparecimento de vacinas. A …

Pessoas com certas características podem ser mais suscetíveis a "ouvir" os mortos

Uma equipa de cientistas identificou certas características que podem tornar as pessoas mais suscetíveis a alegar que “ouvem” os mortos. Um novo estudo sugere que as pessoas que se descrevem como "clariaudientes" - em oposição a …

Sporting 1 - 0 SC Braga | Leões conquistam Taça da Liga com golo de Porro (e algum sofrimento)

O Sporting reconquistou hoje a Taça da Liga de futebol, ao vencer na final o Sporting de Braga, por 1-0, em Leiria, com um golo de Pedro Porro e enorme resistência durante a segunda parte. O …

Estados Unidos querem rever o acordo com rebeldes talibãs no Afeganistão

Os Estados Unidos indicaram hoje às autoridades afegãs o seu desejo de rever o acordo entre o Governo norte-americano e os talibãs, assinado em fevereiro de 2020, particularmente para "avaliar" o respeito dos rebeldes pelos …

"Excedeu todas as expetativas". Implante de córnea artificial devolve visão a homem cego

Um homem de 78 anos que estava cego dos dois olhos há 10 anos recuperou a visão após receber o primeiro implante de uma córnea artificial desenvolvida pela startup israelita CorNeat Vision. O implante CorNeat KPro …

Tenista João Sousa falha Open da Austrália após ter estado infetado

João Sousa vai falhar o Open da Austrália depois de ter estado infetado com o novo coronavírus, por determinação das autoridades australianas, anunciou hoje o tenista português. "É com muita tristeza que vos dou a conhecer …

Cientistas criam nova forma de produzir carne em laboratório (e prometem manter o sabor e a textura)

Uma equipa da McMaster desenvolveu uma nova forma de carne cultivada, através do uso de um método que promete manter o sabor e a textura mais naturais do que as outras alternativas à carne tradicional. Os …

Papa pede "jornalismo corajoso" e controlo de notícias falsas na Internet

O papa Francisco pediu hoje um "jornalismo corajoso" que venha ao encontro das pessoas e histórias, propondo ainda o controlo das notícias falsas na Internet, especialmente neste período de pandemia da covid-19. “Opiniões atentas lamentam, há …

A cidade mais antiga das Américas está sob ameaça de invasão (e a culpa é da pandemia)

Tendo sobrevivido durante cinco mil anos, o sítio arqueológico mais antigo das Américas está sob a ameaça de invasores que afirmam que a pandemia de covid-19 os deixou sem outra opção a não ser ocupar …

Suspeito do homicídio de Bruno Candé nega ter agido impulsionado por racismo

Evaristo Marinho disparou vários insultos racistas contra Bruno Candé: “Vai para a tua terra, preto, tens a família toda na sanzala e também devias lá estar”, foi um deles. Três dias depois acabou por matá-lo, …