Marte pode ter tido uma lua gigante antes de Fobos e Deimos

Centro Envision da Universidade Purdue

Segundo os especialistas, Marte teve uma lua de tamanho bastante considerável que se rompeu, criando um sistema de anéis. Com o tempo, esse sistema caiu aos pedaços e criou Fobos e Deimos.

Os cientistas norte-americanos desenvolveram um modelo que sugere que detritos expelidos para o espaço por um corpo celeste que colidiu com Marte há cerca de 4,3 mil milhões de anos alternam entre a formação de um anel planetário e a aglomeração para formar uma lua.

Essa é a teoria apresentada por David Minton e Andrew Hesselbrock, cientistas financiados pela NASA da Universidade Purdue, em Lafayette, no estado norte-americano do Indiana, cujas descobertas foram publicadas na Nature Geoscience.

Os especialistas sugerem que a grande bacia polar norte de Marte, a Bacia Borealis – que cobre cerca de 40% do planeta no seu hemisfério norte – foi criada por esse impacto, expulsando detritos para o espaço.

O modelo de Hesselbrock e Minton sugere que à medida que esses detritos se afastavam lentamente do Planeta Vermelho, foi formada uma lua.

Ao longo do tempo, a força gravitacional de Marte teria puxado essa lua em direção do planeta até atingir o limite de Roche, a distância na qual as forças de maré de um planeta desintegram um corpo celeste unido apenas pela gravidade.

“O meu argumento é que Fobos não foi produzida num impacto. Em vez disso, o maior impacto criou um grande satélite que, em vez de colidir com Marte, se rompeu”, diz o autor do estudo, Andrew Hesselbrock, da Universidade de Purdue, em entrevista ao Gizmodo.

Ou seja, o especialista sugere que Marte pode ter tido, um dia, uma lua de tamanho bastante considerável que se desfez, criando um sistema de anéis. Com o tempo, esse sistema caiu aos pedaços sob o puxão da gravidade de Marte até que restassem as duas luas minúsculas Fobos e Deimos.

Marte já teve (e voltará a ter) anéis como os de Saturno

O novo estudo realizado pelos cientistas norte-americanos apoia a teoria divulgada em 2015 que defende que, tal como Saturno, é possível que Marte também tenha tido anéis no seu passado e que possa vir a tê-los novamente.

De acordo com os especialistas, Fobos está a ficar cada vez mais próxima de Marte e irá desintegrar-se quando atingir o limite de Roche, produzindo um conjunto de anéis daqui a cerca de 70 milhões de anos.

Dependendo da posição do limite de Roche, Minton e Hesselbrock pensam que este ciclo poderá ter-se repetido entre três e sete vezes ao longo de milhares de milhões de anos.

Segundo o modelo, cada vez que uma lua se desintegra e é reformada a partir do anel resultante, a sua lua sucessora seria cinco vezes mais pequena do que a anterior, e os detritos teriam caído para o planeta, possivelmente explicando depósitos sedimentares enigmáticos encontrados perto do equador de Marte.

“Poderíamos ter sedimentos lunares com quilómetros de espessura a chover nos primeiros tempos da história do planeta, e existem depósitos sedimentares enigmáticos em Marte sem nenhuma explicação de como lá chegaram. E agora é possível estudar esse material”, comenta Minton.

“Esta investigação destaca ainda mais maneiras de os impactos afetarem um corpo planetário,” comenta Richard Zurek do JPL da NASA em Pasadena, Califórnia, EUA.

Minton e Hesselbrock vão concentrar-se agora na dinâmica do primeiro conjunto de anéis formados ou nos materiais que choveram sobre Marte derivados da desintegração das luas.

PARTILHAR

RESPONDER

Hospitais privados dizem não ter recusado colaborar com SNS e querem plano da tutela

Os hospitais privados rejeitam que tenham recusado colaborar com o Serviço Nacional de Saúde e dizem que se mantêm disponíveis e a aguardar uma proposta concreta do Ministério da Saúde, para se poderem reorganizar. Numa resposta …

"Não devemos o silêncio ao presidente". Autor de artigo crítico sobre Trump revela identidade

Um antigo dirigente do Governo dos Estados Unidos revelou que foi o autor, em 2018, de uma coluna de opinião anónima e depois de um livro, em que denunciava o comportamento de Donald Trump. "Não devemos …

Região de Madrid confinada nos próximos dois fins de semana

O Governo regional de Madrid decidiu confinar a população da região nos próximos dois fins de semana, que são prolongados até segunda-feira devido a dois feriados, como forma de luta contra a pandemia de Covid-19. A …

Bolsonaro mudou legislação e compra de armas disparou. Registou-se um aumento de assassinatos

O comércio de armas disparou em quase dois anos, ou seja, desde que Bolsonaro chegou ao Governo e fez mudanças na legislação que seguem o modelo norte-americano. Estão na mão de radicais, alerta especialista. A compra …

Ilhas Marshall registam os dois primeiros casos desde o início da pandemia

As Ilhas Marshall, um dos últimos países do mundo poupados até aqui ao novo coronavírus, registaram os dois primeiros casos de covid-19 desde o início da pandemia, anunciou, esta quarta-feira, o Governo do arquipélago …

Parlamento espanhol prolonga estado de emergência por mais seis meses

O parlamento espanhol aprovou hoje em Madrid a prorrogação do estado de emergência para lutar contra a pandemia de covid-19 durante seis meses, até 09 de maio de 2021. A medida que já está em vigor, …

BCE avisa que recuperação económica "está a perder força mais rapidamente do que o previsto"

A presidente do Banco Central Europeu (BCE), Christine Lagarde, alertou esta quinta-feira que a recuperação económica está a perder força mais rapidamente do que aquilo que era previsto devido à aceleração da pandemia em vários …

CP permite reembolso dos bilhetes entre sexta e terça-feira. Rede Expressos cancela viagens

A CP irá reembolsar os utentes que pedirem devolução de dinheiro por bilhetes de viagens entre 30 de outubro e 3 de novembro, tendo em conta as restrições de movimentações entre concelhos, adiantou fonte oficial …

Marcelo Rebelo de Sousa não descarta novo estado de emergência

Marcelo Rebelo de Sousa abriu esta quinta-feira a porta à declaração de um novo estado de emergência em Portugal. O presidente admite fazer uma declaração ao país na próxima semana. O presidente da República não descarta …

Antissemitismo. Jeremy Corbyn suspenso do Partido Trabalhista

O Partido Trabalhista suspendeu hoje o seu antigo líder Jeremy Corbyn na sequência de um relatório que condenou a principal força da oposição no Reino Unido por "atos ilegais de assédio e discriminação" antissemita. Reagindo ao …