Descoberto um enorme lago de água líquida salgada em Marte

ESA / DLR / FU BERLIN

O Polo Sul de Marte esconde um gigantesco lago de água salgada

Marte “esconde” um vasto lago de água salgada sob uma camada de gelo no seu Polo Sul. Investigadores italianos anunciaram que pela primeira vez têm provas da presença de água liquida no Planeta Vermelho.

Sinais recolhidos durante três anos pelo radar da sonda europeia Mars Express indiciam a presença de um lago em Marte muito semelhante aos grandes lagos de água líquida encontrados debaixo do gelo da Antártida e da Gronelândia, aponta um novo estudo publicado esta quarta-feira na revista Science.

“Foram anos de debate e investigação, ficamos anos a discutir se isso era mesmo possível. Mas agora podemos dizer: descobrimos água em Marte“, disse o astrónomo Roberto Orosei, investigador da Universidade de Bolonha e autor principal do estudo.

De acordo com a equipa de cientistas que conduziu a investigação, o lago marciano terá cerca de 20 quilómetros de largura e estará a 1,5 quilómetros da superfície, não sendo ainda possível calcular o volume total da água.

“Esta descoberta traz novas possibilidades para a busca de micro-organismos no ambiente marciano”, disse Elena Pettinelli, investigadora da Universidade de Roma, citada pelo jornal espanhol La Vangardia.

Atualmente, Marte é um planeta frio, deserto e árido, mas no passado, há pelo menos 3,6 mil milhões de anos, foi quente e húmido e tinha água líquida e lagos.

Os investigadores não descartam a possibilidade de ser encontrado um “depósito biológico”, uma vez que algumas bactérias podem sobreviver a baixas temperaturas e graças a substâncias salinas.

A procura de vestígios de água líquida em Marte tem sido uma meta incessante da comunidade científica, pois a água neste estado é uma condição essencial para a existência de vida tal como se conhece.

Em 2007, a sonda Mars Express já tinha confirmado a existência de água em Marte, perto do Polo Sul. Mais recentemente, em 2015, um estudo publicado na revista Nature Geoscience concluiu que as linhas escuras que aparecem sazonalmente na superfície de Marte correspondem a água líquida salobra que flui pelas encostas do planeta.

A conclusão suporta-se na análise de imagens recolhidas pela sonda norte-americana Mars Reconnaissance Orbiter.

Apesar de inóspito, Marte é considerado o planeta do Sistema Solar mais parecido com a Terra. Estruturas geológicas demonstram que, há muito tempo, água líquida abundava na superfície do ‘planeta vermelho’. Num passado remoto, advogam os cientistas, o planeta teve um oceano maior do que o Ártico.

ZAP // Lusa / BBC

PARTILHAR

RESPONDER

França investe oito mil milhões de euros para aumentar profissionais de saúde

O Governo francês anunciou, esta segunda-feira, que vai disponibilizar quase oito milhões de euros para que os profissionais de saúde possam ter aumentos salariais.  De acordo com a rádio Renascença, a medida foi anunciada pelo novo …

Máscaras e luvas usadas para proteger contra covid-19 enchem rios europeus

Os principais rios da Europa estão cheios de máscaras cirúrgicas e luvas médicas descartadas por pessoas que utilizaram estes equipamentos para se protegem contra o novo coronavírus, denunciaram cientistas. Segundo noticiou na segunda-feira a agência AFP, …

Dez milhões de crianças "podem nunca voltar à escola" após coronavírus

A pandemia de coronavírus causou uma "emergência educacional sem precedentes", com 9,7 milhões de crianças afetadas pelo encerramento de escolas em risco de nunca voltar às aulas, alertou na segunda-feira a Organização Não Governamental (ONG) …

Nos Estados Unidos, há uma máquina obsoleta a dificultar a resposta à pandemia. Chama-se fax

O facto de vários departamentos de saúde pública norte-americanos ainda utilizarem o fax para trocarem informação com hospitais, centros de saúde e laboratórios que realizam testes de deteção do novo coronavírus é um grande problema …

Uber passa a estar disponível em todo o país

A plataforma de transporte pode, a partir desta terça-feira, ter operadores em todo o território nacional, considerando ser um passo importante num contexto em que o turismo interno ganha relevância, no âmbito da pandemia da …

Profissionais do SNS já trabalharam oito milhões de horas extra no primeiro semestre

No primeiro semestre de 2020, contam-se mais 1,2 milhões de horas suplementares trabalhadas, sendo que só em maio a subida foi superior a 471 mil. Segundo o Jornal de Notícias, nos primeiros seis meses deste ano, …

Rui Moreira diz que não é possível prevenir festejos de adeptos do FC Porto

O presidente da Câmara Municipal do Porto disse, esta terça-feira, não ser possível tomar medidas de prevenção em relação a possíveis festejos de adeptos do FC Porto pela conquista do título, pedindo apenas que se …

Mulher assintomática provoca surto de 71 infetados na China. Bastou entrar sozinha num elevador

A passagem de uma mulher infetada com covid-19, mas assintomática, por um elevador de um edifício habitacional na China deu origem a um surto de 71 contagiados. De acordo com o estudo publicado pelo Centro de …

Detido em França um dos pedófilos da "darknet" mais procurados do mundo

A polícia francesa prendeu um suspeito de gerir portais na "darknet" que permitiram a "milhares de internautas de todo o mundo ter acesso a fotografias ou vídeos de caráter pedopornográfico", anunciou, esta segunda-feira, o Ministério …

Mais seis mortes e 233 novos casos de covid-19 em Portugal

Portugal regista, esta terça-feira, mais seis mortes e 233 novos casos de infeção por covid-19 em relação a segunda-feira. Segundo o boletim diário da Direção-Geral de Saúde (DGS), dos 233 novos casos, 143 são na região …