Mais de mil ninhos de vespa asiática sinalizados em Viana do Castelo desde 2012

danelu / Flickr

Uma vespa asiática (Vespa velutina) ataca uma abelha

Uma vespa asiática (Vespa velutina) ataca uma abelha

Viana do Castelo sinalizou 1.098 ninhos de vespa asiática desde 2012, dos quais 955 já foram destruídos.

António Cruz, comandante dos Bombeiros Municipais, revelou que a sua corporação recebe uma média de quatro pedidos diários para confirmação de ninhos.

“Até hoje, dos 1.098 sinalizados, já destruímos 955. Os 145 ninhos restantes, uns foram queimados por populares, outros encontravam-se a mais de 30 metros de altura, inacessíveis aos meios de que dispomos para os destruir, ou então desapareceram porque uma colónia desta espécie só resiste um ano”, explicou.

O responsável adiantou que, “só no final do ano será possível perceber se a praga aumentou no concelho, em relação ao ano passado”, sublinhando que, “em média, por dia, a corporação recebe cerca de quatro pedidos de confirmação de novos ninhos” daquela espécie.

“A maioria dos alertas é feita através de chamada telefónica para os bombeiros. Apenas um a dois pedidos chegam através da plataforma SOS Vespa. Estes pedidos são reportados, sobretudo, pela GNR, Juntas de Freguesia e apicultores”, explicou.

António Cruz adiantou que, nesta altura do ano, “as colónias estão em fase de crescimento, e por esse motivo, as pessoas conseguem detetá-los com mais facilidade”.

De acordo com a base de dados da corporação, com registos desde novembro de 2012, aquela corporação percorreu 29.505km para proceder à destruição ninhos de vespa velutina, como também é conhecida, maior e mais agressiva do que a espécie autóctone nacional.

No total, a corporação despendeu mais de 2.276 horas naquelas operações, que envolveram 586 homens, e representaram 547 saídas de viaturas.

Anteriormente, o mesmo responsável explicara à Lusa que a destruição, através de atos de queima, realizada em parceria com o Centro de Monitorização e Interpretação Ambiental de Viana do Castelo (CMIA), é feita de acordo com o “caráter de urgência” de cada caso.

Primeiro, adiantou, a corporação “dá prioridade” aos ninhos que estão situados no solo, depois os que são detetados no edificado (casas, escolas, hospitais, etc.), depois nos quintais de habitações e finalmente na área florestal.

A destruição ocorre sempre quando cai a noite, período em que as vespas fundadoras estão no interior das colmeias.

Dados da Associação Apícola Entre Minho e Lima (APIMIL) indicam que cada ninho pode albergar até duas mil vespas e 150 fundadoras de novas colónias, que no ano seguinte poderão vir a criar pelo menos seis novos ninhos.

Segundo os apicultores, esta espécie, “mais agressiva”, faz com que as abelhas não saiam para procurar alimento por estarem sob ataque, enfraquecendo as colmeias, que acabam por morrer colocando em causa a produção de mel.

Esta espécie predadora foi introduzida na Europa através do porto de Bordéus, em França, em 2004.

Os primeiros indícios da sua presença em Portugal surgiram em 2011, mas a situação só se agravou a partir no final do seguinte.

/Lusa

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

RESPONDER

Em 1925, "O Isolador" prometia bloquear qualquer tipo de distração

Procrastinar foi, é e sempre será um passatempo irresistível. Por isso, nos anos 20, houve quem apresentasse uma solução radical para evitar este problema: "O Isolador". De acordo com o site IFLScience, o chamado "Isolador" foi …

Seca no México revela uma igreja submersa há 40 anos

Uma igreja no estado de Guanajuato, no México, sobrevive entre a água e os peixes, como única testemunha de um povoado inundado por uma barragem há mais de 40 anos. Agora, devido à seca que …

Neymar prolonga contrato com o Paris Saint-Germain até 2025

O avançado internacional brasileiro Neymar renovou contrato com o Paris Saint-Germain até 30 de junho de 2025, informou hoje o tricampeão francês e vice-campeão europeu de futebol. “O Paris Saint-Germain tem o prazer de anunciar que …

Países usaram modelo do queijo suíço para conter a covid-19. Na Índia, alguns "buracos" eram demasiado grandes

A grande maioria dos países adotou a estratégia do queijo suíço para responder à pandemia. Na Índia, os "buracos" eram demasiado grandes em três das camadas mais importantes. Para responder à crise sanitária desencadeada pela covid-19, …

Primeira-ministra da Escócia declara que "haverá maioria pró-independência" no parlamento

A primeira-ministra da Escócia, Nicola Sturgeon, declarou hoje vitória nas eleições regionais, afirmando que "haverá uma maioria pró-independência" no parlamento escocês. Com as projeções a indicarem que o Partido Nacional Escocês (SNP), que lidera, foi o …

SOS Rio Paiva pede que se limite o número de visitantes à ponte e Passadiços do Paiva

A associação SOS Rio Paiva manifestou-se preocupada com o aumento da pressão turística e com a poluição, na sequência da inauguração da ponte suspensa em Arouca, e pediu que se limite o número de visitantes. A …

O seu antigo número de telemóvel pode ser usado para pirateá-lo

O seu antigo número de telemóvel pode ser usado para pirateá-lo, caso este ainda esteja associado a contas em sites ou redes sociais. Embora milhões de números de telemóvel sejam desconectados todos os anos, um novo …

Ataque à bomba contra escola feminina em Cabul faz 30 mortos e 79 feridos

A explosão de uma bomba junto a uma escola secundária para raparigas na zona ocidental de Cabul fez hoje pelo menos 30 mortos e 79 feridos, segundo um novo balanço feito pelas autoridades afegãs. “O número …

Tamám Shud. Exumação de corpo pode resolver um estranho mistério com 70 anos

As autoridades da Austrália aprovaram uma exumação do corpo de Tamám Shud - ou "Homem de Somerton" - e, em breve, o mistério de 70 anos pode estar resolvido. Em 30 de novembro de 1948, vários …

Costa, Von der Leyen na Cimeira Social no Porto

Vacinação no bom caminho com 25% da população da UE vacina

A Comissão Europeia anunciou este sábado que 200 milhões de doses de vacinas anticovid-19 chegaram já à União Europeia (UE) e 160 milhões de europeus já receberem a primeira dose, levando a que a vacinação …