Maioria dos “Recibos Verdes” pediu para baixar pagamentos à Segurança Social

Giampaolo Squarcina / Flickr

-

Mais de 34 mil trabalhadores independentes pediram a alteração do escalão da Segurança Social, sendo que três em cada quatro requerentes conseguiram autorização para baixar a sua contribuição, revelou o Instituto de Segurança Social (ISS).

Os trabalhadores independentes, conhecidos como “recibos verdes”, tinham até quinta-feira para solicitar a alteração do escalão de Segurança Social (há onze escalões): podiam requerer a aplicação de dois escalões imediatamente inferiores ou imediatamente superiores àquele em que tinham sido enquadrados.

Os serviços receberam 34.075 pedidos de alteração até quarta-feira, um dia antes do fim do prazo, segundo dados fornecidos pelo ISS à agência Lusa.

Na maior parte dos casos, as pessoas requereram uma descida de escalão: dos 28.913 pedidos para baixar a contribuição foram aceites 26.182, ou seja, 76% do total de pedidos resultaram numa descida de escalão contributivo.

No entanto, também houve 2.443 trabalhadores que quiseram subir de escalão, tendo sido indeferidos apenas 16 processos, passando assim a haver 2.427 trabalhadores independentes que vão contribuir com um valor mais elevado do que o inicialmente definido pela Segurança Social.

Segundo os dados do ISS, deram ainda entrada 125 pedidos para manter o escalão, não havendo nenhum indeferimento nestes casos.

No total foram recusados 2.747 pedidos: 2.731 que pediam uma redução da contribuição e 16 que pediam um aumento.

O ISS revela ainda os casos de 2.594 trabalhadores independentes que requereram um valor superior àquele que lhes tinha sido oficiosamente fixado “para dessa forma, poderem usufruir de proteção social (ex: subsídio de desemprego)”.

Os trabalhadores independentes que ainda não fizeram o pagamento das contribuições de dezembro podem fazê-lo usando a referência indicada no documento de pagamento (disponível no site da Segurança Social).

O ISS explica que o trabalhador deve “pagar o valor que considerar correto, que corresponde à diferença entre o que pagou a mais no mês anterior e o valor da obrigação contributiva do mês”.

Outra opção é dirigir-se às tesourarias da segurança social e ali fazer o pagamento.

No caso dos que já pagaram, o ISS explica que poderão ser feitos os acertos nas contribuições de janeiro, que devem ser pagas até 20 de fevereiro.

/Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

A água é comum nos mundos extraterrestres (mas surpreendentemente mais escassa do que se esperava)

A presença de água em exoplanetas é comum, mas surpreendentemente mais escassa do que se esperava, concluiu uma nova investigação levada a cabo por cientistas da Universidade de Cambridge, no Reino Unido. Para chegar a …

"Encontrei a minha alma gémea". Presidente do Flamengo disposto a (quase) tudo para segurar Jesus

O presidente do Flamengo, Rodolfo Landim, ficou encantado com Jorge Jesus logo quando o conheceu. É o que o dirigente diz numa entrevista, onde admite que encontrou a sua "alma gémea", não revelando dados sobre …

COP25: uma traição ao Acordo de Paris "e às pessoas em todo o mundo"

Organizações não governamentais ambientalistas consideraram que os projetos de resolução que a cimeira do clima da ONU tem para aprovar são "uma traição" do Acordo de Paris e dos milhões de pessoas que sofrem com …

Governo admite novo aumento extra das pensões (com a simpatia das Finanças e de olho na geringonça)

O Governo está a equacionar um novo aumento extraordinário das pensões no âmbito da preparação da proposta de Orçamento do Estado para 2020 (OE2020). A medida agrada a PCP e Bloco de Esquerda e terá …

Na última noite no Porto, Óliver foi sozinho à Ponte D. Luís (e vieram-lhe as lágrimas aos olhos)

O médio espanhol Óliver Torres confessa que a sua saída do Porto foi "emotiva" e que se despediu do clube e da cidade na Ponte D. Luís, de noite e sozinho, com "as lágrimas nos …

Costa e Centeno discutiram no Conselho Europeu (e foi Centeno quem ganhou)

António Costa e Mário Centeno envolveram-se numa "discussão directa" em pleno Conselho Europeu que deixou os restantes membros do Eurogrupo perplexos. Em causa esteve o primeiro orçamento da Zona Euro, com o primeiro-ministro de Portugal …

Sondagens. Livre cai a pique, Montenegro lidera corrida ao PSD

O PS lidera as intenções de voto com 37,1% e um avanço de 10,2 pontos percentuais sobre o PSD numa sondagem em que o Livre surge com metade da votação alcançada nas legislativas em outubro. Num …

ONU chama a atenção para consumo de tramadol (erradamente considerado menos letal que fentanil)

A crise derivada do consumo excessivo de opóides e as mortes daí decorrentes já levaram empresas norte-americanas que os produzem a receber milhares de ações judiciais. Contudo, a Organização das Nações Unidas (ONU) chama a …

Mais de 50 jornalistas subscrevem abaixo-assinado em defesa de Maria Flor Pedroso

Mais de 50 jornalistas, entre os quais Adelino Gomes, Henrique Monteiro, Anabela Neves e Francisco Sena Santos, subscreveram esta sexta-feira um abaixo-assinado em defesa da jornalista Maria Flor Pedroso, diretora de informação da RTP. "Confrontados com …

O maior sítio arqueológico submerso do mundo é no México (e está a surpreender os especialistas)

Uma equipa de especialistas está a explorar há cerca de quatro anos o Grande Aquífero Maia, localizado no México, e tem feito descobertas surpreendentes que vão desde numerosos sítios arqueológicos a vestígios de homens primitivos.  Durante …