Madeira Rodrigues desiste da candidatura a favor de Ricciardi

Manuel de Almeida / Lusa

Pedro Madeira Rodrigues

O acordo entre os dois candidatos à presidência do Sporting foi alcançado, na madrugada desta terça-feira, depois de um jantar entre ambos. As eleições no Sporting acontecem no próximo sábado, dia 8 de setembro.

Segundo o Diário de Notícias, Pedro Madeira Rodrigues desistiu da sua candidatura à presidência do Sporting a favor de José Maria Ricciardi. O acordo foi firmado durante a madrugada desta terça-feira, depois de um jantar entre ambos.

Na segunda-feira à tarde, o mesmo jornal já tinha apurado que havia acordo em algumas matérias, mas que o pacto ainda não se encontrava fechado. Uma das informações apontava no sentido de Ricciardi deixar cair José Eduardo, pessoa escolhida para liderar o futebol caso vencesse as eleições. No entanto, o próprio desmentiu essa possibilidade.

Não há cedências nenhumas, sobretudo aquelas que são cruciais na minha candidatura. Não tenho razões para deixar cair José Eduardo”, referiu Ricciardi ao DN.

Certo é que não negou a possibilidade de um acordo com outras candidaturas. “Estou aberto a podermos agregar outras candidaturas que não terão chances de ganhar. Pedro Madeira Rodrigues é um grande sportinguista e estou aberto a recebê-lo se ele assim o entender, assim como a outras candidaturas. Mas não sei se será possível. Não excluo ninguém, mas sempre comigo a presidente. Se existirem novidades será a brevíssimo prazo. Mas neste momento não posso adiantar mais nada”, explicou, citado pelo diário.

De acordo com o jornal, fonte da candidatura de Rui Jorge Rego admitiu que também houve conversas com Ricciardi mas que o advogado nega a possibilidade de abdicar da ida às urnas.

Desta forma, as eleições marcadas para o próximo sábado passam a contar com seis candidaturas: José Maria Ricciardi, Frederico Varandas, João Benedito, Rui Jorge Rego, Fernando Tavares Pereira e Dias Ferreira.

De acordo com uma sondagem realizada pelo Record, há empate técnico entre João Benedito e Frederico Varandas, com 37,7% e 36,2% das preferências. Em terceiro, surge Ricciardi com 14,4% das intenções de voto.

Esta segunda-feira, Bruno de Carvalho, ex-presidente dos leões destituído da presidência a 23 de junho, anunciou que vai impugnar as eleições, caso estas se realizem, depois de ter desistido de uma providência cautelar para reverter a suspensão de sócio.

Madeira Rodrigues confirma desistência

Entretanto, Madeira Rodrigues confirmou a sua desistência das eleições para a presidência do Sporting e expressou o seu apoio à lista de José Maria Ricciardi para “evitar experimentalismos” no futuro do clube.

Num comunicado enviado às redações, o até agora líder da lista C fez uma “reflexão” e explicou estar “empenhado em contribuir para uma solução eficaz”, garantindo “nunca ter estado obcecado em ser presidente do Sporting”, apesar de já ter concorrido ao ato eleitoral de 2017, no qual seria o único opositor à lista vencedora do anterior presidente.

“Para evitar que o seu rumo fique entregue a experimentalismos, decidi apoiar a lista B de José Maria Ricciardi. Dos atuais candidatos é aquele que sei que tem capacidade de gestão e liderança para colocar o Sporting no caminho do sucesso”, refere a nota do gestor de 47 anos.

Embora tenha decidido avançar inicialmente por “não ver em nenhum dos candidatos assumidos a capacidade para assumir a condução do Sporting”, Madeira Rodrigues deixou agora uma palavra de agradecimento à sua equipa e aos seus apoiantes, resumindo a saída da corrida eleitoral como “um sinal de união fundamental” para o clube.

Em 2017, Madeira Rodrigues foi derrotado nas eleições para o Sporting por Bruno de Carvalho, recolhendo 9,49% dos votos contra 86,13% do presidente reeleito, que viria a ser destituído em Assembleia Geral, em junho de 2018.

Atualização (15h45):
Notícia atualizada com o comunicado de Madeira Rodrigues enviado às redações.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Presidente promulga lei que lança app Stayaway Covid

O Presidente da República promulgou, esta terça-feira, o diploma que estabelece o responsável pelo tratamento dos dados e regula a intervenção do médico no sistema 'Stayaway Covid'. À margem de uma visita a Lagoa, no Algarve, …

Prémios e dados pessoais. Worten alerta clientes para falso SMS em circulação

A Worten alerta os clientes para não partilharem dados pessoais em resposta a mensagens publicitárias falsas que estão a circular por SMS em nome da retalhista, a anunciar um prémio. "Alertamos que não devem ser facultados …

GNR já passou 2200 coimas por falta de limpeza de terrenos. Mais de cem câmaras multadas

Mais de uma centena de câmaras municipais foram multadas por falta de limpeza de terrenos, sendo a ausência de tratamento nas margens das estradas e junto às linhas de distribuição elétrica a principal infração registada …

Presidente do Governo da Catalunha pede a Filipe VI que abdique

O presidente do governo regional da Catalunha, Quim Torra, pediu na terça-feira ao rei Filipe VI que abdique e solicitou ao presidente do parlamento que convoque uma sessão plenária extraordinária para estabelecer uma "posição comum" …

Virologista chinesa diz que novo coronavírus foi "criado em laboratório militar"

A virologista chinesa que fugiu para os Estados Unidos deu mais uma entrevista onde assegura que o novo coronavírus foi "criado num laboratório militar". Numa nova entrevista, citada pelo jornal online Observador, Li Meng-Yan, a virologista …

Ministério da Saúde abre 435 vagas para médicos de família

É o maior número de vagas dos últimos anos colocadas a concurso para a contratação de médicos especialistas em medicina geral e familiar para o SNS. De acordo com o jornal Público, o Ministério da Saúde …

MP brasileiro processa pastor por anunciar cura com feijões para a covid-19

O Ministério Público brasileiro pediu a abertura de um processo contra o pastor evangélico Valdemiro Santiago e a Igreja Mundial do Poder de Deus, que anunciaram a cura da covid-19 a partir do cultivo de …

Dívida do Estado à ADSE ascende a 200 milhões de euros

A dívida do Estado à ADSE, em 2019, ascendia a 198,2 milhões de euros, segundo o parecer do Conselho Geral e de Supervisão (CGS) ao relatório e contas do ano passado, publicado no site do …

Governo dos Açores violou Constituição ao impor quarentena obrigatória

O confinamento obrigatório de 14 dias que o governo regional dos Açores tem imposto a quem chega à região autónoma é inconstitucional, dizem os juízes do Tribunal Constitucional. As autoridades açorianas violaram a Constituição ao impor …

China caminha a passos largos para a normalidade. Gaming, cerveja e Ikea dão empurrão

A China não regista, desde 17 de maio, vítimas mortais causadas pelo novo coronavírus. No entanto, há dois surtos ativos que parecem não impedir a população de caminhar em direção à normalidade. À semelhança do resto …