Luís Correia lança-se a Castelo Branco, num movimento que ainda não tem nome

Beira Baixa TV / Facebook

Luís Correia, presidente da Câmara Municipal de Castelo Branco

O movimento ainda não tem nome e a apresentação da candidatura não tem data marcada, mas Luís Correia já assumiu que vai liderar uma candidatura independente à Câmara Municipal de Castelo Branco.

Luís Correia vai testar o seu peso eleitoral, agora sem o apoio do PS, e candidatar-se como independente à Câmara Municipal de Castelo Branco.

“Sou candidato à Câmara Municipal de Castelo Branco (…). Faço-o pelos albicastrenses e por Castelo Branco. Nunca lhes virei as costas. Não seria agora que o faria, quando tenho recebido inúmeros incentivos e manifestações de apoio da sociedade civil”, escreveu Luís Correia, num texto a que o jornal Público teve acesso.

O trabalho que fez no concelho enquanto presidente da câmara “está à vista de todos, freguesia a freguesia”, salientou no texto de apresentação da candidatura.

“Um projeto de grande alcance que permitiu investimentos disruptivos capazes de estimular a economia e de criar novas dinâmicas ao nível do empreendimento e da inovação, das áreas social e associativa e da cultura, incrementando o número de espaços verdes e melhorando a qualidade de vida aos albicastrenses”, acrescentou o candidato.

Luís Correia vai encabeçar uma “lista aberta, que conta com todos“. “Não é uma candidatura contra alguém. É uma candidatura de albicastrenses pelos albicastrenses, ao lado dos albicastrenses.”

O ex-socialista poderia recandidatar-se mais uma vez, mas o PS não permite que autarcas que tenham perdido mandato por decisão judicial protagonizem candidaturas nas eleições municipais deste ano. Assim, Correia vai avançar sem apoio partidário.

Depois de ter sido eleito nas autárquicas de 2013 e em 2017, Luís Correia perdeu o mandato no ano passado devido a uma decisão do Tribunal Fiscal e Administrativo de Castelo Branco, que foi depois confirmada pelo Tribunal Central e Administrativo do Sul e pelo Supremo Tribunal Administrativo.

Em janeiro deste ano, o Ministério Público (MP) pediu a condenação dos arguidos e a perda de mandato efetivo sem suspensão do ex-presidente da câmara, acusado de prevaricação em co-autoria com dois empresários.

Liliana Malainho, ZAP //

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

RESPONDER

Regiões portuguesas entre as que mais colocaram trabalhadores em teletrabalho

  Apesar dos números elevados registados em Portugal, futuro do modelo está ainda em aberto, face à preferência dos patrões em ter os funcionários a trabalhar em ambiente de escritório. De acordo com dados revelados pelo Eurostat, …

Reino Unido em choque. Sabina Nessa pode ter sido assassinada por um estranho ainda em liberdade

Sabina Nessa, de 28 anos, terá sido assassinada enquanto caminhava pelo Cator Park, no sudeste de Londres, na passada sexta-feira. O percurso da sua casa até a um bar ia demorar apenas cinco minutos, mas …

A corrida a secretário-geral da UGT terá dois candidatos

É a primeira vez que a corrida à liderança da UGT conta com dois candidatos: além de José Abraão, atual dirigente da Federação de Sindicatos da Administração Pública (Fesap), Mário Mourão, presidente do Sindicato dos …

Colapso da Evergrande. China pede a governos regionais que se "preparem para a possível tempestade"

As autoridades chinesas estão a pedir aos governos regionais para se prepararem para um possível colapso da Evergrande. O The Wall Street Journal noticia, esta quinta-feira, que as autoridades chinesas estão a pedir aos governos regionais …

Governo vai testar 35 mil funcionários de creches e pré-escolar até 3 de outubro

Os funcionários das creches, do pré-escolar e a rede nacional de amas começaram esta quinta-feira a ser testados à covid-19, numa ação que até 3 de outubro abrangerá 35 mil pessoas em todo o país. O …

Bem-vindo à última fase do desconfinamento: fim do certificado em restaurantes, máscara em transportes e lares

"Estamos em condições para avançar para a terceira fase de desconfinamento." Foi com esta frase que António Costa deu início à conferência de imprensa após o Conselho de Ministros desta quinta-feira. Portugal vai avançar para a …

EUA reabrirá campo de detenção de migrantes perto da prisão de Guantánamo

A administração do Presidente dos Estados Unidos (EUA) Joe Biden se prepara para reabrir um campo de detenção de migrantes na Baía de Guantánamo, após um aumento de migrantes e requerentes de asilo no sul …

Défice desce para 5,3% do PIB no 2.º trimestre do ano

O défice orçamental do primeiro semestre deste ano é de 5,5% do PIB. A meta do ministro das Finanças para o ano de 2021 é de 4,5%.  O défice orçamental fixou-se em 5,3% do PIB no …

É a maior contração desde 1995. INE revê queda do PIB para 8,4%

A queda foi pior do que se esperava: o Produto Interno Bruto (PIB) recuou 8,4% e não 7,6%, indicam os recentes dados do Instituto Nacional de Estatística (INE). O Produto Interno Bruto (PIB) caiu 8,4% em …

EUA aprovam terceira dose da Pfizer para maiores de 65 anos e grupos de risco

A Food and Drugs Adminustration (FDA) anunciou, na noite de quarta-feira, ter dado luz verde à administração de uma terceira dose da vacina da Pfizer em alguns casos. O organismo que regula a comercialização de medicamentos …