Presidente de associação solidária acusado de violar e escravizar mulheres em situações precárias

JSM / APAV

O presidente da associação “Paz no Coração” está a ser acusado por 60 crimes sexuais. Atualmente, encontra-se em prisão preventiva.

Alfredo Marques Carvalho, líder da associação, acolhia vítimas de violência doméstica, atiradas para a rua com os filhos, ou mulheres sem-abrigo, em situação de extrema pobreza. Contudo, o homem que se mostrava solidário tinha outra faceta.

Segundo o Ministério Público (MP), o responsável pela instituição violava ou coagia sexualmente as mulheres indefesas, na sede da Associação “Paz no Coração”, onde vivia, em Lisboa.

Como noticia o Jornal de Notícias, se estas não aceitassem ser as suas “escravas”, eram ameaçadas com despejo.

O medo de voltar a dormir na rua com filhos menores levou a maioria das vítimas a manter o silêncio e a submeterem-se ao agressor.

Por exemplo, uma das quatro vítimas, de origem africana, tinha acabado de chegar a Portugal, em setembro de 2018. Em Angola, onde tinha cinco filhos, era vítima de violência doméstica por parte do marido e procurou Portugal para ter uma vida melhor.

Inicialmente, o arguido abordou a vítima para lhe dizer que “estava à procura de uma mulher”, mas apesar da resposta negativa continuou a coagir a mulher alegando que precisava de manter relações sexuais e, caso não aceitasse, punha-a na rua juntamente com os filhos.

Outra mulher, também vítima de violência doméstica, passou a residir na associação em agosto de 2020. Recebia apenas 180 euros de rendimento social, mas tinha de pagar 300 de renda em dinheiro vivo. Logo no primeiro dia, foi coagida a manter relações e sofreu abusos, mas rebateu sempre os avanços do arguido.

Entretanto detido pela Polícia Judiciária de Lisboa, Alfredo Carvalho, de 54 anos, está a aguardar julgamento, que começa em setembro, em prisão preventiva.

No primeiro interrogatório judicial a que foi submetido, em novembro do ano passado, Alfredo Carvalho, natural de Mangualde, disse padecer de disfunção erétil, alegando ser impossível violar as mulheres.

No entanto, o Ministério Público (MP) sublinhou a inexistência de elementos clínicos, exames ou perícia que atestasse da impossibilidade em manter relações sexuais.

Tendo em conta os fortes elementos probatórios recolhidos durante a investigação da brigada de luta contra crimes sexuais da PJ de Lisboa, o MP considerou ser inócua a realização de exames de urologia, pedidos pelo arguido.

O arguido também está acusado de denúncia caluniosa, já que acusou o companheiro de uma mulher acolhida pela associação de violência doméstica, apenas para se tentar vingar da vítima que recusou ter relações sexuais.

ZAP //

PARTILHAR

8 COMENTÁRIOS

    • Ou anda tudo doido, ou anda tudo mentiroso. O homem propõe fazer exames de urologia pra provar ter disfunção erétil (o que não elimina assédio mas elimina violação) e o MP diz que “ah e tal, não vale a pena porque as provas são muitas” – quero ver como é que ele as violava se não levantava a verga. Se calhar era com calçadeira.

      Isto agora acham que basta 31 de boca para entalar um homem sempre com as mesmas acusações. Ou se prova ou nada feito porque o ónus da prova fica do lado de quem acusa.

      • Fosse o que fosse, nem que fosse para fazer qq coisa sem tocar nelas, sem consentimento é violação, ainda para mais numa situação destas. Tens que rever a tua ética, ainda acabas na mesma cela que ele, com uma calçadeira nos entrefolhos.

      • MMQ se achas que só pode violador quem tem uma ereção precisas de apreender a pensar fora da mentalidade patriarcal em que vives. E já agora ter disfunção erétil agora não implica que a tivesse aquando da prática dos crimes mas reitero que devias reconsiderar o conceito que tens de violação. Ps para perceberes o quão difícil é a uma vítima de violação dizer que o foi basta pensares em quem tem de ler os teus fantásticos comentários tendo sido vitima.
        Pensa antes de escrever e pensa que liberdade de expressão é de todos mas só alguns têm inteligência para a usar. Tu não tens…

  1. Há por aí tanta solidariedade camuflada com gente a viver à grande e a abusar do poder que lhe conferem que cada vez mais vão descredibilizando as instituições que deveriam ser um exemplo para a sociedade, é a ver qual consegue ir mais longe em maus exemplos, ou será que a sociedade está a inverter o sentido do respeito e da dignidade humana?

  2. É evidente que isto vai levar tudo um grande tombo, até porque se fosse para continuar assim, daqui a pouco era impossível viver mais de uma pessoa em cada casa, de tal forma se banalizaram as acusações de violência doméstica.

RESPONDER

Processo Príncipe André. Tribunal de Nova Iorque faz audição pré-julgamento

Os advogados da mulher que alega ter sido abusada por André argumentaram em tribunal que o Príncipe já foi informado do processo. Depois de ter sido processado por uma alegada vítima de abusos sexuais, o processo …

Mulheres podem vir a fazer parte da Guarda Suíça do Vaticano. Quartel adaptado já está a ser projetado

Apesar de ainda não haver permissão para a sua presença na Guarda Suíça do Vaticano, já está a ser projetado um quartel adaptado à acomodação de mulheres. Atualmente, o corpo de elite que protege o papa …

Projeto vai testar inteligência artificial no diagnóstico precoce do cancro gástrico

Investigadores da Faculdade de Ciências da Universidade do Porto (FCUP) integram um projeto que visa desenvolver novos algoritmos para testar o uso da inteligência artificial no diagnóstico precoce do cancro gástrico, foi anunciado esta segunda-feira. Em …

Jerónimo pede "mais tento" a Costa nas críticas aos autarcas do PCP

O secretário-geral do PCP, Jerónimo de Sousa, sugeriu hoje a António Costa que tenha “mais tento” e “mais cuidado” nas críticas apontadas aos autarcas comunistas, considerando que é “inquestionável” o trabalho da CDU ao serviço …

China e Vietname devem "evitar aumento das disputas" no Mar do Sul da China

A China e o Vietname devem se abster de ações unilaterais em relação ao Mar do Sul da China para não potenciar as disputas já existentes, afirmou o conselheiro de estado chinês Wang Yi. Segundo o …

Covid-19: Governo convoca para quinta-feira reunião no Infarmed sobre situação epidemiológica

As reuniões sobre a evolução da situação epidemiológica da covid-19 em Portugal, juntando políticos e especialistas, vão ser retomadas esta quinta-feira no Infarmed, em Lisboa, disse à agência Lusa fonte do executivo. A reunião de quinta-feira, …

Portugal estreia-se no Mundial de Futsal com uma vitória por 4-1 frente à Tailândia

A selecção lusa estreou-se com uma goleada frente à Tailândia e garantiu o segundo lugar do grupo, estando apenas atrás de Marrocos devido à diferença de golos. Não havia melhor maneira de começar a campanha do …

Um novo nanomaterial continua seco submerso - e pode tornar o combustível mais eficiente

A nova criação distingue-se de descobertas anteriores semelhantes porque mantém-se completamente seca mesmo depois de estar submersa durante várias horas - e tem muito potencial. Parece coisa de ficção científica, mas tornou-se realidade. Uma equipa de …

Israel prepara eventual quarta dose das vacinas

Um responsável do Ministério da Saúde de Israel já colocou em cima da mesa uma quarta dose, depois do país já ter começado a administrar terceiras doses em Agosto. Apesar dos repetidos apelos da Organização Mundial …

11 de Setembro. Documento do FBI relata encontros entre terroristas e diplomatas da Arábia Saudita

Apesar de não dar provas directas do envolvimento do governo da Arábia Saudita no 11 de Setembro, um relatório do FBI que foi desclassificado no âmbito do 20º aniversário dos atentados detalha contactos e apoio …