As brilhantes “lágrimas azuis” dos mares chineses são tóxicas (e estão a crescer)

As luzes azuis que pintam os mares chineses, muitas vezes chamadas de “lágrimas azuis”, podem ser vistas depois de escurecer em muitas praias da China e tornaram-se, recentemente, numa grande atração turística.

Nas noites de verão, as águas ao redor das ilhas Matsu de Taiwan lançam um misterioso brilho azul e quem as vê não fica indiferente. O fenómeno, conhecido como “lágrimas azuis”, é causado por uma floração de pequenas criaturas bioluminescentes chamadas dinoflagelados (Noctiluca scintillans).

A microalga que vive no Mar da China Oriental, e que atrai turistas por causa do seu misterioso brilho azul, é tóxica. De acordo com um estudo recente, está a crescer a um ritmo acelerado. “As pessoas acham que é romântico e bonito de se ver à noite”, disse Chanmin Hu, oceanógrafo da Universidade do Sul da Florida, nos Estados Unidos, e co-autor do estudo, ao Live Science. “Mas é tóxico.”

Hu e a sua equipa usaram dados de satélite para rastrear o tamanho da microalga ao longo do tempo. Depois de terem analisado quase 1.000 imagens de satélite dos últimos 19 anos, os cientistas conseguiram uma assinatura exclusiva das lágrimas azuis – os comprimentos de onda refletidos pela microalga.

É como uma impressão digital“, disse o líder da investigação. Através desta assinatura particular, os cientistas descobriram que a microalga, normalmente vista perto da costa, está a estender o seu alcance para águas mais profundas.

Isto pode ser um problema para as criaturas marinhas, uma vez que o fenómeno pode envenenar a vida marinha e até adoecer os seres humanos. O artigo científico foi recentemente publicado na Geophysical Research Letters.

Na verdade, os dinoflagelados não são tóxicos – pelo menos, até começarem a mastigar. As algas tóxicas são a sua refeição favorita, e à medida que as comem, libertam amónia e outras substâncias químicas que contaminam a água ao seu redor.

Além disso, estas criaturas respiram oxigénio até não restar nada nas águas circundantes. “O oxigénio na água é tão baixo que muitos animais podem morrer”, explicou Hu.

A causa das lágrimas azuis não é certa, mas os cientistas acreditam que a poluição proveniente das atividades agrícolas que acaba no rio Yangtze desempenha um papel importante. O rio despeja fertilizantes no Mar da China Oriental, fornecendo às lágrimas azuis doses maciças de nutrientes de que necessitam para crescer.

Durante a construção da Barragem das Três Gargantas, entre 2000 e 2003, estes dinoflagelados não cresceram, uma vez que, durante estes anos, o fluxo do rio Yangtze diminuiu drasticamente. Em 2003, quando a construção da barragem foi concluída e o rio Yangtze começou a fluir, Hu viu a floração começar a aumentar novamente.

Hu e a equipa não esperam que o crescimento abrande tão cedo, o que significa que as “lágrimas azuis” continuarão a representar uma ameaça à vida marinha – apesar de continuarem a presentear os turistas com um espetáculo azul brilhante.

ZAP //

PARTILHAR

2 COMENTÁRIOS

  1. Boas, gostava só de corrigir a notícia na medida em que continuamente referem-se a estas microalgas como flor, ou planta. A espécie de que falam, as noctilucas são dinoflagelados, organismos marinhos microscópicos bastante simples.
    Estes microorganismos são unicelulares, as plantas ou flores são pluricelulares, muito mais complexas e normalmente não vivem no ambiente marinho.
    Uma simples pesquisa no google esclarecia esta questão.
    Em relação à sua toxicidade, é verdade que podem induzir condições tóxicas no ambiente marinho, especialmente quando em conjunto com outras espécies de microalgas e quando as condições assim o potenciam.
    É realmente um fenómeno muito engraçado e que pode ser observado até na nossa costa Algarvia quando as condições são propícias a aumentos da sua população, normalmente quando as águas começam a aquecer e temos estes aumentos, blooms, de outras microalgas das quais os dinoflagelados se alimentam. Estes blooms de microalgas são também a razão pela qual não se devem comer bivalves nos meses sem R, normalmente os mais quentes e mais convidativos é verdade, e nos quais o aumento da temperatura leva a um crescimento destes microorganimos, dos quais os bivalves se alimentam, e que em grandes concentrações podem ser tóxicos. Podem! Não quer dizer que sempre o sejam!
    Venham na altura do Verão até ao Algarve e poderão até nadar no mar e serem vocês também iluminados, é espectacular!

RESPONDER

É possível inativar o novo coronavírus no leite materno. Basta pasteurizá-lo

Uma equipa de cientistas da Universidade de Toronto e da Sinai Health, no Canadá, realizou uma pesquisa que comprovou que pasteurizar o leite materno inativa o vírus Sars-CoV-2. Uma nova investigação, cujo artigo científico foi recentemente …

Cientistas tornam a luz invisível visível pela primeira vez

Uma equipa de cientistas da Vrije Universiteit Brussel e de Harvard conseguiu, pela primeira vez, tornar visível a luz de campo próximo. Existem vários tipos de luz, alguns visíveis e outros invisíveis ao olho humano. Os …

Estrela morta emite cocktail de radiação nunca antes visto

Um grupo internacional de cientistas explorou o potencial do telescópio espacial de raios gama da Agência Espacial Europeia (ESA) - e outros telescópios e instrumentos - para detetar um cocktail de radiação inédita de uma …

Ator francês Dieudonné banido do Facebook por comentários antissemitas

O ator francês foi banido definitivamente do Facebook e do Instagram por causa dos comentários sobre as vítimas do Holocausto marcados por termos e expressões "desumanizantes contra os judeus". O anúncio do afastamento permanente de Dieudonné …

Última temporada de "La Casa de Papel" terá filmagens em Portugal

A rodagem da quinta temporada da série espanhola "La Casa de Papel", de Álex Pina, começa esta segunda-feira e terá filmagens em Portugal, revelou a plataforma Netflix. Em comunicado, na última sexta-feira, a Netflix explica que …

Janelas com vista para o Espaço. Virgin Galactic revela interior de nave espacial para turistas

A Virgin Galactic acaba de revelar o luxuoso design do interior da cabine do primeiro veículo SpaceshipTwo - o VSS Unity - que permitirá a astronautas e entusiastas explorar o Espaço com conforto. A Virgin Galactic, …

Irão garante ter detido líder de "grupo terrorista" dos EUA

Este sábado, o Irão anunciou a detenção do líder de um "grupo terrorista" norte-americano alegadamente responsável por um bombardeamento mortal, em 2008, numa mesquita da cidade de Shiraz, entre outros ataques. "Jamshid Sharmahd, líder do grupo …

Engenheiro reconstrói máquina que decifrou os códigos alemães Enigma na II Guerra Mundial

Hal Evans construiu a primeira réplica funcional de um ciclómetro: uma máquina construída no início da década de 1930 (e usada na II Guerra Mundial) por matemáticos polacos para ajudar a decifrar as mensagens secretas …

Governo britânico paga metade da conta para atrair clientes aos restaurantes

A medida para fazer os britânicos regressar aos restaurantes e, assim, ajudar o setor, que foi um dos mais afetados pela pandemia de covid-19, começa esta segunda-feira e vai prolongar-se até ao fim de agosto. De …

Revelados os segredos originais do "Cordeiro Místico"

Uma equipa de cientistas belgas e norte-americanos radiografou a pintura A Adoração do Cordeiro Místico para descobrir como era a obra de arte flamenga, pintada pelos irmãos Hubert e Jan Van Eyck, quando foi concluída, em …