Ladrão de bitcoins sai da prisão pela janela e foge no mesmo voo da primeira-ministra da Islândia

Um islandês roubou 600 computadores para minerar bitcoins. Depois de ter sido apanhado, fugiu da prisão pela janela e embarcou para a Suécia no mesmo avião da chefe de Governo de Reiquiavique.

Sindri Thor Stefansson, acusado de liderar uma rede que roubou 600 computadores para minerar bitcoins, fugiu da prisão onde estava detido pela janela. Depois disso, usou uma identidade falsa para apanhar um avião, em direção à Suécia.

Stefansson tinha sido detido em fevereiro e foi transferido, há pouco mais de uma semana, para uma prisão de baixa segurança.

De acordo com as autoridades do país, a fuga não foi imediatamente detetada, sendo que os guardas prisionais só se aperceberam da sua ausência quando o criminoso já tinha entrado no avião com destino a Estocolmo.

Nesse voo, estava ainda Katrín Jakobsdóttir, a primeira-ministra da Islândia, a caminho de um encontro com o primeiro-ministro indiano na Suécia.

O ladrão foi reconhecido através das gravações das câmaras de segurança do aeroporto, mas, neste momento, o seu paradeiro é incerto. As autoridades islandesas já emitiram, entretanto, um mandado internacional de captura.

A prisão de baixa segurança para a qual Stefansson tinha sido transferido há 11 dias fica situada a apenas 95 quilómetros do aeroporto internacional de Keflavik.

Sem vedações, os reclusos têm acesso a telefone e à internet, o que não é inteiramente invulgar na Islândia, país com 340 mil habitantes que tem um dos mais reduzidos índices de criminalidade do mundo.

Apesar de o cabecilha da rede já ter sido detido, juntamente com outros dez indivíduos igualmente acusados de roubo, os 600 computadores, avaliados em 1,66 milhões de euros ainda não foram descobertos, de acordo com o The Guardian.

Agora é preciso encontrar o criminoso outra vez. Se for verdade que seguia no mesmo voo para Estocolmo onde estava a primeira-ministra, que se ia encontrar com o seu homólogo indiano, Narendra Modi, a tarefa passa a caber às autoridades suecas, ou às de eventuais outros países onde Stefansson se dirija.

Como tudo se passou dentro da zona Schengen, é provável que nem tenha tido de mostrar passaporte.

As autoridades garantem que a fuga teve um cúmplice. Entretanto, se os 600 computadores continuarem a ser usados para produzir bitcoins e outras moedas virtuais – as quais, pela sua natureza não deixam rasto – isso pode significar um lucro enorme para os criminosos.

Nos últimos tempos, a Islândia tornou-se um grande centro de mineração de bitcoins – um processo que envolve o uso intensivo de computadores para processar os complexos cálculos que a popular moeda virtual envolve. Em dezembro e janeiro, 600 computadores foram levados de dois grandes centros de dados, em quatro ocasiões, no que já foi descrito como o maior roubo de sempre de país.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

A Rússia criou a arma mais mortífera da história. Foi há 72 anos

Comummente conhecida por AK-47, a espingarda Kalashnikov foi responsável por milhões de mortes durante a nossa História, sendo uma das armas mais populares do mundo e a mais fabricada pela indústria de armamento. Segundo o The Conversation, …

Luxemburgo 0-2 Portugal | Campeão marca presença no Euro

Portugal venceu o Luxemburgo por 2-0 e apurou-se para a fase final do Euro2020 – a 11ª presença consecutiva da turma das “quinas” em fases finais de grandes competições. Num encontro mal jogado, em parte pelas …

Hologramas e outras tecnologias podem ajudar a combater incêndios florestais

Portugal continua a ser assombrado pela destruição sem precedentes dos incêndios florestais. Agora é a hora de aproveitar as nossas ferramentas tecnológicas e encontrar maneiras inovadoras de ajudar a aliviar o problema e também evitar …

Pombos estão a perder dedos ou patas por causa da poluição

Basta passar algum tempo na praça de uma cidade para ver que alguns pombos têm patas feridas ou dedos em falta. Embora possamos pensar que isto é causado por algum vírus ou pelos eventuais desentendimentos …

Descoberto no Japão fóssil de pássaro com 120 milhões de anos

O fóssil de um pássaro do Cretáceo recentemente descoberto no Japão pode levar os cientistas a repensarem alguns detalhes sobre a evolução do voo. Há cerca de 120 milhões de anos, um pássaro com o tamanho …

Irão corta acesso à Internet após protestos contra a subida do preço da gasolina

O Irão cortou o acesso à internet no sábado, após os protestos contra o aumento do preço da gasolina, que provocaram fortes confrontos entre manifestantes e forças de segurança. O Irão cortou o acesso à internet …

A maior parte das Testemunhas de Jeová não apresenta queixa em caso de abuso sexual. Mas uma nova lei pode alterar essa realidade

Em casos de abuso sexual dentro organização religiosa Testemunhas de Jeová, a maior parte das vítimas não acusa os agressores por receio de serem excluídas, revelou um artigo da Vice. Agora, uma nova lei norte-americana, …

Hong Kong. Agente atingido por flecha e operação policial reforçada com canhão de água

Um polícia foi atingido numa perna por uma flecha lançada por manifestantes antigovernamentais e pró-democracia, informaram as forças de segurança, que reforçaram a operação no local com um canhão de água. Um polícia foi atingido …

Príncipe André nega ter abusado sexualmente de jovem de 17 anos

O príncipe André, filho de Isabel I, é acusado de ter abusado sexualmente de Virginia Giuffre, uma jovem que na altura tinha 17 anos. O caso remonta ao dia 10 de março de 2001 e, este …

FC Porto tira pão da boca ao Sporting ao desviar central brasileiro

Os 'dragões' podem estar perto de chegar a acordo para a transferência de Gustavo Henrique. O central do Santos estava em negociações com o Sporting, mas uma forte investida do FC Porto, pode ter mudado …