Kevin Spacey declara-se inocente, mas fica proibido de se aproximar de jovem que o acusa

O ator norte-americano Kevin Spacey está proibido de se aproximar do jovem que o acusou de o ter apalpado num bar em 2016, decretou um juiz do estado do Massachussets, numa sessão transmitida em direto pelas televisões.

Kevin Spacey compareceu em tribunal, em Nantucket, para responder pela acusação de agressão sexual e lesão corporal a um jovem, que na altura tinha 18 anos.

De acordo com a Associated Press, os advogados do ator deram entrada com uma alegação de inocência e o juiz marcou uma nova audiência para 4 de março, à qual Kevin Spacey não terá que comparecer. Apesar disso, o juiz realçou que o ator terá que estar disponível por telefone.

Os advogados de Kevin Spacey tinham pedido que fossem guardados todos os dados do telemóvel da alegada vítima nos seis meses que se seguiram ao alegado abuso sexual, com a justificação de que os mesmos serão “provável defesa” do ator, algo a que o juiz acedeu.

À saída do tribunal, tanto Kevin Spacey como os seus advogados se recusaram a prestar declarações aos jornalistas. A audiência desta terça-feira aconteceu mais de um ano depois de a mãe do jovem ter acusado o ator de ter abusado sexualmente do seu filho.

Em novembro de 2017, Heather Unruh contou a alguns meios de comunicação social que Kevin Spacey tinha embebedado o filho dela e depois lhe tinha agarrado os genitais.

Em dezembro, quando soube que deveria comparecer hoje perante um juiz para responder por acusações de agressão sexual e lesão corporal, Spacey colocou no Youtube um vídeo chamado “Vou ser franco”, um trocadilho com o nome da sua personagem na série “House of Cards”, Frank Underwood, e falou pela primeira vez em público desde que surgiram várias acusações contra si.

Falando na voz da personagem, que na série morreu depois de serem tornadas públicas acusações semelhantes às que recaem sobre Spacey, afirma saber que o público o “quer de volta”.

“Claro que houve quem acreditasse em tudo e estivesse à espera de me ouvir confessar tudo. Estão mortos por me ouvir declarar que tudo o que disseram é verdade e que tive o que merecia. Mas não vou pagar pelo que não fiz”, ouve-se no vídeo de três minutos, sem se perceber sem margem para dúvida se o ator se refere às acusações que enfrenta na vida real.

O vídeo termina com Spacey a dizer que em breve será conhecida “toda a verdade”. Caso seja condenado, Kevin Spacey enfrenta uma pena até cinco anos de prisão.

Esta é a primeira acusação contra Kevin Spacey que chega a tribunal. Em 2017, surgiu a primeiro denúncia. O ator Anthony Rapp acusou Spacey de o ter assediado sexualmente numa festa em 1986, quando tinham, respetivamente, 14 anos e 26 anos.

Na sequência da acusação, Kevin Spacey assumiu a sua homossexualidade e garantiu que não se recordava do episódio relatado, apesar de ter dito que, se realmente aconteceu, devia “sinceras desculpas” a Rapp pelo seu comportamento.

Entretanto, a produção de “House of Cards” foi suspensa, tendo sido retomada no ano passado. Antes disso, Netflix e o estúdio Media Rights Capital anunciaram que cortariam relações com Kevin Spacey, tendo ainda a plataforma tornado público o cancelamento do filme sobre o escritor norte-americano Gore Vidal, autor de obras como “Lincoln” ou “Império”, que seria protagonizado pelo ator.

Entretanto, oito atuais e antigos funcionários de “House of Cards” acusaram Spacey de ter tornado tóxico o ambiente da produção da série, por causa do assédio sexual.

Também no final de 2017, o teatro Old Vic, em Londres, reuniu testemunhos de 20 pessoas sobre o alegado “comportamento inapropriado” do ator norte-americano, que entre 2004 e 2015 foi diretor artístico daquela estrutura.

Em agosto do ano passado, o jornal Los Angeles Times avançou que Kevin Spacey estava a ser investigado nos Estados Unidos num novo caso de alegada agressão sexual.

As autoridades já estavam a investigar o ator por um incidente semelhante que terá ocorrido em outubro de 1992, em West Hollywood.

// Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Teegarden B e C. Descobertos mais dois planetas que podem albergar vida

Cientistas de vários países identificaram mais dois planetas que consideram poder albergar vida, com climas temperados, semelhantes à Terra e que podem conter água líquida à superfície. A equipa da universidade alemã de Göttingen utilizou vários …

Ministério Público abre investigação a Juan Guaidó por corrupção

O Ministério Público da Venezuela anunciou a abertura de uma investigação penal contra Juan Guaidó por suspeita de corrupção relacionada com fundos para assistência a cidadãos venezuelanos na Colômbia. O anúncio foi pelo procurador-geral designado pela …

Cientistas descobrem no veneno de escorpião antibiótico contra tuberculose

Químicos no veneno podem combater estirpes resistentes da tuberculose e a bactéria causadora da pneumonia e septicemia. Veneno pode ainda travar o crescimento de células cancerígenas. Cientistas descobriram no veneno de escorpião antibióticos contra a tuberculose …

Câmara de Lisboa já cobrou 17 mil euros por trotinetas mal-estacionadas

A Polícia Municipal de Lisboa cobrou 17.145 euros em coimas por trotinetas mal-estacionadas, entre fevereiro e o início de junho, tendo removido 1.820 veículos do centro da cidade nos últimos cinco meses. "A verificação das infrações …

Berardo mostra-se "incrédulo com falta de memória" de Constâncio

O ex-governador do Banco de Portugal (BdP) disse, esta terça-feira, que Joe Berardo mentiu no Parlamento sobre alegadas reuniões entre ambos. O empresário, por sua vez, mostra-se "incrédulo com a sua falta de memória". "Tudo isso é …

Marcelo diz que foi "sensato" não incluir pergunta sobre origem étnico-racial no Censos 2021

O Presidente da República considerou que foi uma decisão sensata não incluir no Censos 2021 uma pergunta sobre a origem étnico-racial dos cidadãos, face ao debate gerado, embora a ideia fosse boa. "Acho que foi uma …

Esfinge gigante de Ramsés II vê a luz do dia ao fim de quase 100 anos

https://vimeo.com/343091742 Uma enorme esfinge do faraó egípcio Ramsés II viu finalmente a luz do dia, no passado dia 12 de junho, depois de ter sido recolocada através de um sistema monumental que a fez "flutuar" pelo …

Vai baixar o custo das chamadas para números começados por 707 e 708

A Anacom anunciou uma descida de 48% no preço máximo das chamadas de telemóvel para números começados por 707 e 708, e de 10% para telefone fixo. A decisão da Autoridade Nacional de Comunicações (Anacom) de baixar os …

PSG abre a porta a Neymar (e o Barcelona não a fecha)

Depois de o eventual regresso de Neymar ao Barcelona ecoar na imprensa desportiva, o presidente do Paris Saint Germain, Nasser Al-Khelaifi quebrou o silêncio sobre o jogador brasileiro. Em entrevista à France Football, o presidente …

“Explosão suspeita” entre China e Coreia do Norte causou um sismo

Os serviços sismológicos chineses registaram um sismo de 1,3 graus de magnitude na escala de Richter às 19h38 locais (12h38 em Lisboa), na cidade chinesa de Hunchun, causado por uma “explosão suspeita”, disseram as autoridades …