Macaulay Culkin, o Kevin de “Sozinho em Casa”, apela para que participação de Trump no filme seja retirada

A estrela do filme “Sozinho em Casa”, Macaulay Culkin, fez comentários nas redes sociais onde apelou a que a participação especial de Donald Trump no filme seja removida digitalmente e substituída por uma versão mais antiga dele próprio.

O ator, que deu vida ao pequeno Kevin, respondeu a um tweet que solicita uma petição para substituir, digitalmente, Donald Trump no filme “Sozinho em Casa 2 – Perdido em Nova Iorque”, colocando em cena o próprio Macaulay Culkin já com 40 anos de idade.

Na resposta ao post partilhado na rede social, o ator norte-americano comentou apenas com uma única palavra: “Sold”, o que significa em português “vendido”.

Culkin também respondeu com a palavra “Brave” (em português significa “bravo”) a um outro tweet que continha uma edição do filme onde Trump é substituído por um espaço vazio.

Donald Trump aparece brevemente no filme “Sozinho em Casa 2 – Perdido em Nova Iorque”. Na cena, o ex-Presidente dos EUA ajuda o pequeno Kevin que lhe pede indicações dentro do hotel Plaza – do qual o republicano era proprietário na época em que o filme foi gravado.

Numa entrevista ao Insider, em dezembro de 2020, o diretor do filme Chris Columbus admitiu que Trump o “intimidou” para conseguir entrar no filme. Columbus contou que este só consegui o papel porque propôs uma participação em troca de permitir que as filmagens ocorressem dentro do seu hotel.

O diretor do famoso filme natalício acrescentou que a participação especial de Trump foi uma estratégia popular. “Quando o exibimos (ao filme) pela primeira vez, o inesperado aconteceu: as pessoas aplaudiram o momento em que Trump apareceu no ecrã”, justificando a razão pela qual deixou que a cena se mantivesse inalterada.

Atualmente, está a decorrer uma petição no change.org que tem como objetivo substituir Donald Trump por Joe Biden, o atual Presidente dos EUA.

A petição já conta com mais de 1500 assinaturas, pelo menos até à data de fecho desta peça.

Ana Moura, ZAP //

PARTILHAR

3 COMENTÁRIOS

  1. Nunca me pareceu correto reescrever a história. Trump foi um mau presidente, condenável em muitos dos seus comportamentos, dizeres e merecedor do impeachment, sem a menor dúvida. Mas no filme estava muito longe de ser Presidente dos Estados Unidos e a sua aparição no filme é verosímil dado que a cena se passa num dos seus Hotéis. Enfim, de acordo com a notícia, também terá havido aí uma “trumpada” qualquer. Mas agora é fácil bater…

RESPONDER

Empresa canadiana debaixo de fogo por publicar anúncios de emprego destinados a não vacinados

Uma empresa de canoagem, sediada no Canadá, está debaixo de fogo depois de ter colocado anúncios de emprego destinados, exclusivamente, a pessoas não vacinadas contra a covid-19. "Por favor, NÃO se candidate se tiver tomado quaisquer …

Disparam ataques a jornalistas. Bruxelas insta países da UE a aumentar proteção

Os países da União Europeia (UE) foram instados por Bruxelas a tomar medidas para proteger os jornalistas, após um aumento no número de ataques a membros da imprensa. A Comissão Europeia exortou os governos a criarem …

Facebook e Google criticados por anúncios de "reversão do aborto"

O Facebook já veiculou anúncios de "reversão do aborto" 18,4 milhões de vezes desde janeiro de 2020, de acordo com um relatório do Center for Countering Digital Hate (CCDH), promovendo um procedimento "não comprovado, antiético" …

Líder militar dos EUA temeu que Trump iniciasse guerra nuclear com a China - e chegou a ligar aos chineses

As revelações aparecem em Peril, o novo livro de Bob Woodward e Robert Costa sobre os bastidores da Casa Branca. Trump já respondeu. O General Mark Milley, o chefe do Estado-Maior das Forças Armadas dos EUA, …

França suspende 3.000 profissionais de saúde que recusaram vacina contra covid-19

A França suspendeu 3.000 profissionais de saúde sem remuneração por se recusarem a tomar a vacina contra a covid-19, revelou o ministro responsável pela pasta, Olivier Véran. Segundo Véran, citado esta quinta-feira pelo Guardian, "várias dezenas" …

Austrália, Reino Unido e EUA assinam pacto de defesa para conter China

A Austrália, os Estados Unidos (EUA) e o Reino Unido anunciaram o "Pacto de Aukus", que visa frente às pretensões territoriais da China no Indo-Pacífico e envolverá a construção de uma frota de submarinos com …

Governo tem margem de 1600 milhões de euros nas negociações do Orçamento

Os dados são de um relatório do Conselho das Finanças Públicas, que deixa alertas para que o executivo não se estique muito no aumento da despesa e no corte à receita. Segundo escreve o Público, o …

Mundial de Futsal. Portugal esmaga as Ilhas Salomão por 7-0 e tem um pé nos oitavos

Portugal lidera o grupo C e pode garantir o apuramento caso Marrocos não perca contra a Tailândia. A seleção portuguesa de futsal, campeã europeia em título, somou hoje o segundo triunfo em dois jogos no grupo …

"Dezenas de pessoas" da comitiva de Putin infetadas com covid-19

O Presidente russo, Vladimir Putin, informou que dezenas de pessoas da sua comitiva testaram positivo para o coronavírus, doença que afetou mais de 7 milhões de habitantes no país. Putin entrou em isolamento no início desta …

Uber investe 90 milhões em novo ‘hub’ e sede em Lisboa e espera contratar mais 200 pessoas

A Uber está a investir 90 milhões de euros num novo ‘hub’ e sede de operações em Lisboa, hoje inaugurados, criando mais de 400 empregos diretos e pretendendo contratar mais 200 pessoas até final do …