/

Jeff Bezos deixa liderança da Amazon

1

secdef / Flickr

Jeff Bezos, ex-CEO da Amazon

Jeff Bezos, fundador da Amazon, vai deixar a direção executiva e passar a presidente. Andy Jassy, CEO da Amazon Web Services (AWS), vai substitui-lo no cargo no terceiro trimestre do ano.

A Amazon confirmou esta terça-feira que Jeff Bezos vai abandonar o cargo de presidente executivo (CEO) da empresa. Andy Jassy, CEO da Amazon Web Services (AWS), é o substituto. A mudança acontecerá a partir do último quadrimestre de 2021.

“Estou animado em anunciar que neste terceiro trimestre farei a transição para Presidente Executivo do Conselho da Amazon e Andy Jassy tornar-se-á CEO. Na função de Presidente Executivo, pretendo concentrar as minhas energias e atenção em novos produtos e iniciativas”, lê-se na carta que Bezos escreveu aos funcionários.

Bezos elogiou o seu sucessor, adiantando que Jassy “é bastante conhecido dentro da empresa”, estando na Amazon há quase tanto tempo quanto ele – Bezos fundou a empresa em 1994 e Jassy juntou-se em 1997, tendo acompanhado a equipa da cloud da Amazon Web Services desde o início.

Será um líder notável e tem toda a minha confiança”, garantiu.

O fundador da empresa vai continuar envolvido em projetos da empresa e irá focar-se no fundo Bezos Earth, na empresa espacial Blue Origin e no The Washington Post.

Segundo o Económico, a notícia de que Jeff Bezos passará a presidente do conselho de administração da Amazon surgiu no momento da divulgação do relatório e contas da empresa, que atingiu os 100 mil milhões de dólares de receitas num trimestre.

O diário aponta ainda que a multinacional reportou a maior receita trimestral de sempre, acima da previsão dos analistas: 125,56 mil milhões de dólares.

  Liliana Malainho, ZAP //

1 Comment

Deixe o seu comentário

Your email address will not be published.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE