Candidato presidencial brasileiro Jair Bolsonaro esfaqueado em ação de campanha

O candidato às eleições presidenciais brasileiras Jair Bolsonaro (PSL) foi hoje esfaqueado, durante uma ação de campanha na cidade de Juiz de Fora, Minas Gerais, informou a Polícia Militar.

O candidato às eleições presidenciais brasileiras Jair Bolsonaro (PSL) deu entrada num hospital de Juiz de Fora, em Minas Gerais, com uma lesão hepática grave, na sequência de uma facada no abdómen sofrida hoje numa ação de campanha. O incidente aconteceu em Juiz de Fora, a cerca de 200 quilómetros a norte do Rio de Janeiro.

Após o incidente, Bolsonaro foi encaminhado rapidamente para a Santa Casa de Juiz de Fora, dando entrada às 15:40 (19:40 de Lisboa) com um quadro de sangramento e pressão baixa, segundo dados do hospital. A facada atingiu o fígado do candidato.

De acordo com vídeos colocados entretanto a circular na internet, Jair Bolsonoro foi esfaqueado na região do tórax e levado para o hospital. Bolsonaro, candidato da extrema-direita brasileira, está em segundo lugar nas sondagens para as eleições presidenciais que decorrem em outubro.

“Não se sabe a gravidade ainda ou o que está acontecendo”, disse o deputado Eduardo Bolsonaro, filho do candidato, logo após o ataque. O portal IG diz que o candidato conservador foi atingido no fígado.

A Polícia Federal informou inicialmente que o ferimento de faca foi superficial e que o candidato à presidência deveria ter alta hospitalar ainda esta quinta-feira.

No momento do ataque o candidato estava a ser carregado aos ombros por apoiantes e foi imediatamente retirado do local, sendo transportado para um hospital de Minas Gerais, segundo o jornal “O Estadão”.

De acordo com a polícia militar brasileira, o alegado agressor, Adelio Obispo de Oliveira, de 40 anos, foi detido, não sem que antes tivesse acabado por ser espancado por pessoas que estavam no local.

(h) Polícia Militar / EPA

O alegado agressor de Jair Bolsonaro, Adelio Obispo de Oliveira

Citado pela plataforma noticiosa “G1”, o comandante do 2.º Batalhão da Polícia Militar de Juiz de Fora, tenente-coronel Marco Antônio Rodrigues de Oliveira, afirmou que o suspeito “alegou que tentou ferir o candidato Jair Bolsonaro por ter divergências de ideias e pensamentos com ele”.

Ferimento mais grave do que inicialmente se pensou

O deputado Flavio Bolsonaro (PSL), filho do candidato, divulgou na sua conta do Twitter o estado de saúde do pai, admitindo que “infelizmente foi mais grave” do que o inicialmente avançado.

Inicialmente, Flavio Bolsonaro tinha vindo a público dizer que os ferimentos eram superficiais. “Jair sofreu um atentado agora em Juiz de Fora, uma estocada com faca na região do abdómen. Graças a Deus foi apenas superficial e ele passa bem. Peço que intensifiquem as orações por nós”, escreveu no Twitter.

“A perfuração atingiu parte do fígado, do pulmão e da alça do intestino. Perdeu muito sangue, chegou ao hospital com pressão de 10/3, quase morto… Seu estado agora parece estabilizado. Orem, por favor”, escreveu mais tarde o filho do candidato.

Segundo o jornal “Gazeta do Povo”, o hospital confirma que Bolsonaro sofreu uma lesão hepática grave, passou por um ultrassom e foi encaminhado para o centro cirúrgico, sendo que o estado de saúde é considerado estável.

ZAP // Lusa / Deutsche Welle

PARTILHAR

4 COMENTÁRIOS

  1. Como é que um indivíduo leva uma facada, tem uma tshirt amarela vestida, usam um pano branco para estancar o sangue, vê-se um bocado da barriga do senhor quando está deitado no chão, e não se vê uma pinta do dito (sangue)?
    Não sei porquê, mas cheira-me a novela brasileira em horário nobre…
    Às vezes há que rodar um bom filme para se “ganhar o Óscar” de melhor político…

  2. Um país “sem rei nem roque” – primeiro queimam um Palácio e Museu com séculos de história e agora esfaqueiam candidatos à presidência… Onde esse país ai parar!!!

RESPONDER

Governo disponível para retomar reuniões no Infarmed (mas nega falta de informação)

O Governo manifestou esta quinta-feira “abertura para retomar as reuniões” no Infarmed sobre o ponto de situação da epidemia de covid-19, mas rejeitou falhas na informação ao parlamento e aos partidos. Na conferência de imprensa do …

Israel e Emirados Árabes Unidos alcançam "acordo histórico" mediado pelos Estados Unidos

O Presidente norte-americano, Donald Trump, anunciou esta quinta-feira que Israel e os Emirados Árabes Unidos concordaram em estabelecer relações diplomáticas plenas, como parte de um acordo para impedir a anexação israelita de terras ocupadas pelos …

Em contingência, Câmaras de Lisboa passam a definir horários do comércio. O (pouco) que muda este sábado

A generalidade de Portugal continental continuará em situação de alerta e a Área Metropolitana de Lisboa em situação de contingência até ao final do mês devido à pandemia de covid-19, anunciou o Governo. Segundo explicou esta …

Três meses depois do anúncio, o apoio de emergência às Artes ainda não chegou

Cinquenta das 311 entidades abrangidas pela Linha de Apoio de Emergência às Artes, dotada de 1,7 milhões, ainda não tinham esta quinta-feira recebido o valor que lhes foi atribuído, três meses depois do anúncio dos …

Avaliação dos professores, "mock exams" e testes no outono. Britânicos podem "escolher" as próprias notas

O Governo britânico deu aos estudantes de liceu três alternativas diferentes para obterem o resultado das suas avaliações deste ano letivo, que foi atípico devido à pandemia de covid-19. De acordo com o jornal britânico The …

Governo reitera que não há exceções para a Festa do Avante. Críticas multiplicam-se

A ministra de Estado e da Presidência destacou que o Governo “não tem competências legais ou constitucionais” para proibir iniciativas políticas como a Festa do Avante!, mas salientou que não serão admitidas exceções às regras. Na …

Trabalhadores que estiveram em lay-off durante pelo menos 30 dias também vão ter bónus

O Conselho de Ministros aprovou um decreto-lei que clarifica que os trabalhadores que estiveram em lay-off por mais de 30 dias consecutivos, mesmo sem completar um mês civil, vão receber o complemento de estabilização. "Criado com …

Marcelo pede tolerância zero contra o racismo (e pede “sentido nacional” a Governo e oposição)

O Presidente da República recomendou esta quinta-feira aos democratas “tolerância zero” e “sensatez” para combater o racismo, ao comentar as ameaças de que foram alvo três deputadas e outros sete ativistas. “Os democratas devem ser muito …

43% das escolas no mundo sem condições de higiene para reabertura segura

Mais de 40% das escolas no mundo não têm acesso a condições básicas de higiene, como água para lavar as mãos e sabão, aumentando os riscos de reabertura no contexto da pandemia de covid-19, alertam …

Mais seis mortes, 325 novos casos e 237 recuperados

Portugal regista esta quinta-fira mais seis mortes por covid-19, 325 novos casos de infeção e mais 237 pessoas dadas como recuperadas em relação a quarta-feira, segundo o boletim diário da Direção-Geral da Saúde (DGS). De acordo …