Já o homem das cavernas palitava os dentes

Bas Leenders / Flickr

-

O Homo Erectus usava palitos na sua higiene bucal, concluiu um estudo hoje publicado na revista Quaternary International, que apresenta as primeiras provas de marcas desses instrumentos encontradas em dentes de hominídeos do Pleistoceno Médio no leste da Ásia.

O Centro Nacional espanhol de Investigação sobre a Evolução Humana (CENIEH), que colaborou no estudo, indicou que os investigadores concluíram que as marcas corresponderiam à ação de remover restos de comida pelos hominídeos que viveram há entre um milhão e 120 mil anos.

Na investigação participou Laura Martín-Francés, do Grupo de Antropologia Dental do CENIEH, juntamente com uma equipa científica do Instituto de Paleontologia de Vertebrados e Paleoantropologia (IVVP) de Pequim.

cenieh.es

Laura Martín-Francés Martín de la Fuente, investigadora de Antropología Dental da Fundación Atapuerca

Laura Martín-Francés Martín de la Fuente, investigadora de Antropología Dental da Fundación Atapuerca

O estudo publicado hoje precisa que foram analisadas microscopicamente as superfícies laterais dos dentes fossilizados do Homo Erectus descobertos em 1981 e 1982 em Yiyuan, uma jazida de fósseis na província chinesa de Shandong.

As marcas de palitos foram encontradas em cinco dos sete dentes analisados, que pertencem a três pessoas, e a precisão da análise dos dentes permite ver o grau de desgaste das coroas e das raízes dos dentes, que vão desde múltiplas estrias finas até sulcos profundos.

A localização, a morfologia e a dimensão destes são similares ao desgaste artificial causado pelo uso habitual de palitos nos dentes.

As características morfológicas exibidas pelas marcas dos dentes de Yiyuan, as mais antigas da Ásia, coincidem com as marcas de palito já identificadas noutras espécies: Homo Habilis do Plio-Pleistoceno Africano e Homo Heidelbergensis do Pleistoceno Médio e Homo Neanderthalensis do Pleistoceno Superior Europeu.

Laura Martín-Francés já tinha publicado um trabalho com a equipa de Antropologia Dental do CENIEH sobre as marcas de palitos mais antigas da Europa, no qual se estudavam as patologias dentais de um hominídeo com 1,2 milhões de anos, encontrado na jazida da Cova do Elefante, em Atapuerca (Burgos).

Entre as hipóteses sugeridas como causas dessas marcas de palito, estão a higiene oral, a extração de comida entalada entre os dentes, o alívio de uma dor ou patologia ou um simples hábito.

O artigo conclui que as marcas se devem à ação de extrair ou eliminar restos de alimentos de entre os dentes, porque os dentes não apresentam patologias, “embora estas não se possam descartar totalmente, já que não se possuem os ossos mandibulares nem maxilares associados aos dentes destes indivíduos”, disse Martín-Francés.

/Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Pela primeira vez, astrónomos encontraram um exoplaneta sem atmosfera

Nos últimos anos, investigadores descobriram um tesouro de planetas rochosos que orbitam anãs vermelhas, pequenas estrelas com um raio 60% menor que o nosso Sol. Apesar do seu tamanho, estas estrelas são muito ativas - tanto …

Investigadores descobrem esqueletos adolescentes do século V. Um dos cientistas é português

Um grupo de investigadores, do qual também faz parte o português Daniel Fernandes, descobriu três esqueletos do período das migrações bárbaras numa vala em Osijek, na Croácia. "Deformação craniana e diversidade genética em três indivíduos masculinos …

Tesla está a alugar painéis solares por 45 euros por mês

Comprar painéis solares pode ser um investimento dispendioso para muitos. De maneira a oferecer uma solução mais económica aos seus clientes, a Tesla está a alugar a tecnologia por apenas 45 euros por mês. A SolarCity, …

Rui Fonte regressa ao Sporting de Braga e assina por três épocas

O Sporting de Braga, da I Liga de futebol, oficializou ontem a contratação do avançado Rui Fonte, um regresso ao clube, por três temporadas. O jogador, de 29 anos, chega dos ingleses do Fulham, que, …

YouTube remove vídeos de luta entre robôs por violarem políticas contra crueldade animal

O YouTube removeu na segunda-feira vídeos de robôs a lutar entre si da sua plataforma, justificando que estes violavam as políticas de exibição contra crueldade com animais. Depois do sucedido, a empresa informou que os …

Há uma piscina natural no meio do deserto mais quente do mundo

https://vimeo.com/355369476 Um casal a viajar pela Etiópia aventurou-se no deserto e experimentou nadar numa piscina natural num dos lugares mais quentes do planeta. A neozelandesa Bridget Thackwray e o namorado, Topher Richwhite formam a Expedition Earth, a …

The Rock é o ator mais bem pago do mundo

A revista Forbes revelou esta quarta-feira a sua lista anual dos atores mais bem pagos do mundo. O primeiro lugar é ocupado por um repetente. Dwayne "The Rock" Johnson voltou a ser o ator mais bem …

Albânia demoliu restaurante do homem que perseguiu turistas no capô do carro

O dono de um restaurante ilegal na Albânia meteu-se em sérios apuros depois de ter perseguido uma família de turistas espanhóis, colocando-se no capô do carro onde seguiam e partindo o pára-brisas. O restaurante que …

Sensores de radiação da Rússia desligaram-se misteriosamente após recente explosão nuclear

Nas semanas após um acidente nuclear fatal num campo de tiro de armas navais em Nyonoksa, quatro sensores de partículas radioativas que enviavam dados do território russo para uma rede de monitorização internacional desligaram-se misteriosamente. As …

Zumba. O negócio milionário que começou com uma distracção de um colombiano

Foi uma distracção que levou o bailarino colombiano Beto Pérez a criar a zumba e a construir um dos negócios actuais com mais sucesso em todo o mundo, avaliado em mais de 450 milhões de …