Israel reduz a escombros duas escolas financiadas pela UE na Cisjordânia

As autoridades israelitas demoliram, no passado domingo, dois estabelecimentos de ensino financiados pela UE, na Cisjordânia ocupada. Os palestinianos acusam Israel de querer construir mais colonatos, enquanto os israelitas garantem que as escolas foram construídas de forma ilegal.

No passado domingo, o Estado hebraico demoliu mais duas escolas financiadas pela União Europeia na Cisjordânia ocupada. De acordo com a Euronews, Israel sustenta que ambos os estabelecimentos de ensino foram destinados à comunidade beduína construídos ilegalmente.

“Não nos querem deixar aprender. Cada vez que se constrói uma escola, chegam aqui e destroem-na” afirma o estudante Osama Younis à Euronews, expressando o cansaço vivido pelos alunos por esta não ser a primeira vez que destroem estabelecimentos de ensino.

Em comunicado citado pela Reuters, o coordenador do governo israelita para as questões relacionadas com os territórios ocupados referiu que a construção das duas escolas “foi feita sem as permissões necessárias”, acrescentando que a demolição terá sido aprovada pela Supremo Tribunal.

Shadi Othman, um dirigente europeu em Israel, afirma que esta decisão de Israel não caiu bem na União Europeia, sublinhando o facto de esta não ser a primeira vez que Israel destrói projeto levados a cabo pela UE a fim de promover o bem estar dos palestinianos.

“A União Europeia já exigiu a Israel, mais do que uma vez, que não destrua projetos que a União Europeia financiou com o objetivo de melhor as condições de vida dos palestinianos”, disse Shadi Othman.

O governador de Jerusalém Adnan Husseini admite que a localidade de Abu Nuwar, onde se situam as escolas, é uma área que “está na mira dos colonatos“. Para os palestinianos, esta é uma medida expansionista, de forma a que Israel consiga construir mais colonatos nos territórios ocupados.

O Serviço para a Coordenação de Assuntos Humanitários nas Nações Unidas (OCHA) garante que existem pelo menos 45 escolas nos territórios palestinianos que podem vir a ser demolidas pelas autoridades israelitas.

ZAP //

PARTILHAR

8 COMENTÁRIOS

  1. Como é possivel o mundo e particularmente a ONU n(para que serve???), permitem que israel faça estes actos criminosos??? Só porque tem o apoio dos eua, israel faz o que lhe apetece. Está na hora de o mundo ignorar os eua e agir contra israel, seja militarmente ou mesmo com um bloqueio ou sanções que isolem israel do mundo. Enquanto isso as forças palestinianas que são as unicas com coragem para combater o exercito criminoso e ocupante de israel, devem continuar a atacar objectivos israelitas mas com mais eficacia.

  2. Qualquer escola ou predio construídos para benefício dos árabes.lembrar que palestinos não existem, pela UE ou ONU, pode ser para outros fins, como guardar armas para terroristas. Já vimos no passado recente isso acontecer com o simbolo da gloriosa ONU. É bom lembrar disso sempre, apesar da midia tradicional servir aos interesses do islã. Acordem europeus. Chega de cinismo ou vcs já viraram um grande califado.

  3. é que os israelitas, falam sempre no holocausto, mas é exatamente a mesma coisa que eles fazem com os palestianos, claro que eles fazem ataques terroristas em israel , mas e se fosse cá e portugal ( nós Éramos os libaneses ) sem escolas, nem poder construilas, pois eles destroem, sem tomar banho, sem futuro filhos pais tudo, rodeados por quem os quer vêr mortos, só não o fazem porque os tempos são outros, eu era como eles, até ao Rockett pin kong eu me juntava, quem é os criminosos e racistas? sim os Judeus, como diz apoiados pelos americanos, e outros

  4. Parece que os europeus viraram mocinhas ou raparigas a serviço do islã. Eu descendo de lusitanos por todos os lados, mas vcs estão se descaracterizando como raça, deixando o islã tomar conta dessa região que foi reconquistada no passado remoto desse povo que prega o ódio à cultura ocidental e as outras religiões. Tudo sob a chancela da ONU, UE, Alemanha e França. Realmente é estarrecedor.

  5. Palestino tem origem filisteia, realmente o povo que esteve lá antes dos árabes provenientes do sul da Síria que vcs comunas chamam de palestinianos ou palestino. Se afunda no islã seu portuga espertinho. Em 25 a 30 anos vcs vão usar burca. Todos.

  6. Jonas o gênio da lâmpada do islã. Paslestina é uma expressão de origem filisteia, aquele povo que esteve naquela região e que tinha origem grega e não os árabes do sul da siria que vcs consideram palestiniano. Ok .

  7. Oh Jonas!!! Cê tá de sacanagem ou o atributo que dá ao Luiz se aplica neste caso?!!!! Guarde as suas opiniões e informe-se melhor. Não lhe fica nada mal e politicamente falando porque não vai para a Palestina e deixa o País em paz?!!! , Isso sim seria uma fantástica ideia!!

RESPONDER

Fisco vai controlar declarações de IRS de beneficiários do programa "Regressar"

A Autoridade Tributária e Aduaneira vai desenvolver mecanismos para verificar se os contribuintes abrangidos pelo regime fiscal do programa "Regressar" reúnem as condições exigidas, prevendo-se que parte desse controlo ocorra com a entrega da declaração …

Greta Thunberg vai de Lisboa a Madrid num carro elétrico emprestado por Espanha

A Junta da Extremadura, região espanhola, disponibilizou um carro elétrico à jovem ativista sueca Greta Thunberg para que possa viajar de Lisboa para Madrid para assistir à Cimeira do Clima respeitando o meio ambiente, adiantou …

Enfermeiros garantem voltar à luta com os 200 mil que sobraram do crowdfunding

Os enfermeiros, que no ano passado iniciaram o "Movimento Greve Cirúrgica", pretendem voltar às ações de protestos com os cerca de 200 mil euros que restaram da campanha de crowdfunding. A intenção é revelada por …

OCDE: Nova crise pode tirar metade do rendimento às famílias portuguesas

Uma nova crise económica e financeira a nível global pode ter efeitos dramáticos para as famílias portuguesas, levando à perda de metade dos seus rendimentos. Esta é a previsão da Organização para a Cooperação e …

O cofre da rica mãe, heranças às dúzias e a vida "sem luxos". O que Sócrates disse a Ivo Rosa

Foram cerca de 20 horas de interrogatório no âmbito da Operação Marquês, em que José Sócrates manteve, perante o juiz Ivo Rosa, a versão de que as avultadas quantias de dinheiro que gastou nos últimos …

Associados podem ser chamados a resolver "buraco" do Montepio

Os cerca de 630 mil associados e pensionistas da Associação Mutualista Montepio Geral correm o risco de virem a ser chamados para resolver as perdas da instituição financeira, escreve o jornal Público. De acordo com o …

Bolívia divulga vídeo que sugere que Morales incitou bloqueios à entrada de alimentos

Arturo Murillo, ministro do Governo da Bolívia, divulgou na manhã de quarta-feira um vídeo que sugere que o antigo presidente do país, Evo Morales, incitou os bloqueios à entrada de alimentos que fragiliza o país. Os …

Christine Lagarde foi conselheira de duas empresas sediadas em paraísos fiscais

Christine Lagarde, presidente do Banco Central Europeu (BCE) desde outubro, foi conselheira de duas filiais da empresa de advocacia Baker & McKenzie (BM) entre 2003 e 2005, ambas sediadas em países considerados à data paraísos …

Provas contra Trump "são claras". "Ele usou o cargo para fins pessoais", diz Nancy Pelosi

A presidente da Câmara dos Representantes e líder da maioria democrata na câmara norte-americana, Nancy Pelosi, declarou na quinta-feira que considera já haver provas suficientes para afirmar que o Presidente deve ser destituído. Contudo, segundo avançou …

Benfica tem seis jogadores de malas feitas. Um deles chegou em julho

Há seis jogadores que poderão estar de saída do emblema da Luz, sendo que um deles, Caio Lucas, chegou em julho ao clube. O agente de Samaris já veio negar a saída do seu cliente. Bruno …