Israel ameaça “enviar uma mensagem” ao Irão após ataque contra petroleiro

Sebastian Scheiner / AFP

O primeiro-ministro de Israel, Naftali Bennett

O Governo de Israel ameaçou “enviar uma mensagem ao Irão” em resposta ao ataque contra um petroleiro de uma empresa israelita, na quinta-feira, na costa de Omã, no qual morreram um segurança britânico e um tripulante romeno.

No domingo, durante reunião do Conselho de Ministros, o primeiro-ministro, Nafatli Bennett, disse: “O Irão é o responsável pelo ataque contra o navio”. De acordo com o Público, o responsável indicou que o relatório dos serviços secretos apoia a sua afirmação. Segunda a empresa Zodiac Maritime, o navio foi atacado com um drone.

O porta-voz do Ministério dos Negócios Estrangeiros iraniano, Saeed Khatibzadeh, negou a acusação, frisando: o Irão “não hesitará em defender os seus interesses”. “O regime sionista criou insegurança, terror e violência. Estas acusações sobre o suposto envolvimento do Irão são condenadas por Teerão”, acrescentou.

Os incidentes na região do Golfo Pérsico entre Israel e Irão, e entre este último e os Estados Unidos (EUA), aumentaram desde a saída dos norte-americanos do acordo internacional sobre o programa nuclear iraniano, em 2018.

  ZAP //

Deixe o seu comentário

Your email address will not be published.