Iranianos celebram acordo de princípio nas ruas de Teerão

Centenas de iranianos celebraram hoje nas ruas de Teerão o acordo de princípio sobre o programa nuclear alcançado entre o Irão e a China, Estados Unidos, França, Alemanha, Reino Unido e Rússia, em Lausana, na Suíça.

Apesar da hora tardia a que foi tornado público o plano no Irão, dezenas de cidadãos iranianos saíram à rua para festejar o anúncio do acordo.

Os festejos concentraram-se na Avenida Vali Asr, que atravessa a capital iraniana de sul a norte, que ficou bloqueada por uma grande fila de carros.

As pessoas cantaram, dançaram, clamaram vitória e acenaram com lenços brancos, segundo a agência noticiosa AFP.

Seja qual for o resultado final das negociações, somos vencedores“, afirmou um homem, que estava parado no trânsito.

“Agora vamos poder viver normalmente como o resto do mundo”, disse um outro manifestante.

O grupo das grandes potências designado “5+1” – que inclui os cinco membros permanentes do Conselho de Segurança da ONU e a Alemanha – e o Irão chegaram hoje a um acordo de princípio para resolver o dossiê nuclear iraniano.

O acordo final com os aspetos técnicos e legais tem de ficar concluído até 30 de junho.

Segundo referiu a UE, serão levantadas as sanções norte-americanas e europeias, que estrangulam a economia iraniana, em função dos respeitos dos compromissos pelo Irão.

Equipa negociadora iraniana recebida em Teerão com aplausos

O ministro dos Negócios Estrangeiros do Irão, Mohamed Yavad Zarif, regressou hoje a Teerão, onde foi recebido com aplausos juntamente com a equipa de negociadores nas conversações mantidas em Lausanne com o Grupo 5+1 sobre o programa nuclear iraniano.

Zarif, uma das caras mais visíveis após o acordo alcançado, regressou esta madrugada ao seu país após nove dias de intensas negociações, escreve a agência Efe.

Marc Müller / Wikimedia

O ministro dos Negócios Estrangeiros do Irão, Mohamed Yavad Zarif

O ministro dos Negócios Estrangeiros do Irão, Mohamed Yavad Zarif

À chegada, o ministro enalteceu o acordo anunciado esta noite e destacou que as soluções apresentadas no comunicado divulgado em Lausanne, servirá como base para o documento final das negociações nucleares.

Os pontos assinalados no comunicado final de Lausanne “vão servir como plataforma a partir da qual, com a graça de Deus, as soluções serão alcançadas em maio”, acrescentou.

O acordo final com os aspetos técnicos e legais tem de ficar concluído até 30 de junho.

Segundo os primeiros elementos divulgados por este pré-acordo, a capacidade de enriquecimento do Irão deverá ser reduzida e o país deverá manter 6.000 centrifugadoras em atividade, contra as 19.000 atualmente.

O secretário de Estado norte-americano, John Kerry, que participou nas negociações de Lausana, admitiu por sua vez que as reservas de urânio enriquecido do Irão serão reduzidas “em 98% durante 15 anos”.

O acordo permite ao Irão manter um programa nuclear muito reduzido e sob um controlo estrito, em troca de vários incentivos económicos e políticos, caso sejam cumpridas as disposições acordadas.

Até à madrugada de hoje, nem o líder supremo do Irão, o ‘ayatollah’ Ali Khamenei, a mais alta figura política e religiosa do país, nem o Presidente, Hassan Rohani, se pronunciaram sobre o plano.

/Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Cientistas reverteram principal sintoma da esquizofrenia em camundongos

Um medicamento que está atualmente a ser desenvolvido para tratar a leucemia reverteu (em camundongos) um sintoma de esquizofrenia anteriormente intratável: o enfraquecimento da memória de trabalho. A memória de trabalho é um processo cerebral fundamental usado …

Para as criaturas marinhas, as doenças infecciosas são a sentinela da mudança

Uma recente investigação analisou as mudanças nas doenças relatadas em espécies submarinas num período de 44 anos. A conclusão não surpreende: a saúde dos oceanos está a piorar a passos largos. A compreensão das tendências oceânicas …

Solidariedade e ambiente. Nos EUA, já é possível doar as suas peças Lego

Nunca somos demasiado velhos para brincar com peças Lego. No entanto, se estiver a ficar sem espaço para as arrumar e estiver à procura de uma forma de garantir que os seus blocos acabam em …

Eis os primeiros smartphones pensados e fabricados em África

https://vimeo.com/365789486 No Ruanda nasceram os primeiros rebentos do grupo Mara, que anunciou o lançamento dos seus dois primeiros smartphones. São os primeiros a serem totalmente fabricados em África. Estes são os dois primeiros smartphones totalmente fabricados em …

Siza Vieira recebe Grande Prémio da Academia de Belas-Artes francesa

O arquitecto Álvaro Siza Vieira recebeu o Grande Prémio de Arquitetura da Académie des Beaux-Arts, pelo conjunto do seu percurso, no valor de 35 mil euros. “É uma grande honra, porque é um prémio importante. É …

Para os jovens refugiados, um telemóvel pode ser tão importante quanto comida ou água

Entre 2015 e 2018, mais de 200.000 jovens não acompanhados reivindicaram asilo na Europa. Muitos deles, agora na União Europeia, têm uma coisa em comum: os seus smartphones. Não são apenas ferramentas para entretenimento nem uma …

Cientistas observaram pela primeira vez porcos a usar ferramentas

Uma equipa de cientistas registou pela primeira vez uma família de javalis das Visayas, num jardim zoológico em Paris, a usar paus para cavar e construir ninhos. Os porcos não gostam só de chafurdar na lama …

Transição verde: o mundo tem muito a aprender com uma pequena cidade na Islândia

Uma pequena cidade no norte da Islândia tornou-se quase neutra em dióxido de carbono (CO2). Uma equipa de cientistas viajou até ao país insular nórdico para descobrir como podemos aprender com esta cidade. Atualmente, as cidades …

Adolfo Mesquita Nunes não será candidato à liderança do CDS

Adolfo Mesquita Nunes anunciou este domingo que não será candidato à liderança do CDS. A garantia foi deixada pelo próprio, na sua página pessoal de Facebook, depois de ter sido desafiado por António Pires de …

Afastado desde a noite eleitoral, Rui Rio volta para lançar suspeitas sobre a RTP

Afastado dos holofotes desde a noite eleitoral e sem dizer se se vai recandidatar à liderança do PSD, Rui Rio recorreu ao Twitter para comentar as suas suspeitas sobre a RTP. O líder social-democrata recorreu às …