James Brown pode ter sido assassinado

Uma detalhada investigação da CNN sugere que o cantor James Brown pode ter sido assassinado. O canal também levanta suspeitas quanto às circunstâncias da morte da sua terceira mulher, Adrienne, e há quem exija a abertura de uma investigação criminal ou uma autópsia aos restos mortais do cantor.

James Brown, conhecido como o “Padrinho do Soul“, morreu em 2006, vítima de um ataque cardíaco e devido a fluido nos pulmões, segundo a versão oficial apresentada na altura pelos seus representantes. Contudo, nunca foi realizada uma autópsia ao corpo do cantor.

O médico que assinou o certificado de óbito de James Brown, Marvin Crawford, conta à CNN que sempre teve “dúvidas” de que ele tenha morrido de causas naturais. Ele suspeita que o cantor morreu de uma overdose acidental ou provocada por terceiros, notando que uma enfermeira lhe contou que encontrou resíduos de droga num tubo que ajudava James Brown a respirar. “Alguém pode ter-lhe dado uma substância ilícita que levou à sua morte”, frisa.

E não é apenas Crawford quem suspeita das circunstâncias da morte. A CNN refere que há uma dezena de pessoas ligadas ao cantor que pedem a realização de uma investigação ao caso ou de uma autópsia aos seus vestígios mortais. Neste grupo de pessoas, o canal inclui uma filha de James Brown, LaRhonda Pettit, o seu genro, Darren Lumar, ambos entretanto falecidos, a quarta mulher do cantor, Tomi Rae, o seu empresário Frank Copsidas, e o Reverendo e seu amigo Al Sharpton.

A investigação da CNN teve como ponto de partida um contacto telefónico de uma artista de circo de 61 anos, Jacquelyn Hollander, que fez parte do círculo próximo de amigos de James Brown. Ela alega que o cantor a violou, em 1988, no banco de trás de uma carrinha, sob ameaça de uma espingarda.

Naquela altura, Jacquelyn Hollander cantava com James Brown em palco e ajudava-o a angariar fundos para acções de solidariedade.

Depois do alegado episódio de violação, que ela nunca reportou à polícia, Jacquelyn Hollander passou anos a reunir documentos e provas contra James Brown que disponibilizou à CNN.

A extensa investigação do canal passou por “nove Estados” dos EUA, pela leitura de “dezenas de milhares de páginas de polícia e registos de tribunal”, com 140 pessoas entrevistadas. As conclusões apontam para uma rede de conspirações e de mentiras em torno do “Padrinho do Soul”.

A morte da terceira mulher de James Brown, Adrienne, em 1996, devido a uma alegada overdose acidental por medicamentos, após uma cirurgia plástica, também é alvo da investigação da CNN que levanta a hipótese de ela ter sido assassinada por um médico que terá feito com que tudo parecesse um acidente. Este dado tem por base declarações de um informador da polícia e  Tomi Rae que diz que o próprio James Brown acreditava que ela tinha sido assassinada.

A história passa também pelos alegados problemas de James Brown com a droga fenciclidina, também conhecida por PCP ou “pó de anjo”, que provoca alucinações e comportamentos violentos, e pelas acusações de violência doméstica que ele enfrentou, nomeadamente apresentadas por Adrienne.

A CNN também apurou que pode haver um segundo testamento nunca revelado e apresenta uma teoria de que James Brown pode ter sido envenenado. Além disso, fala de uma história sobre um suposto frasco com sangue retirado do cantor na noite da sua morte que pode ter a resposta sobre as verdadeiras causas do seu falecimento.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Cidade italiana vai pagar às pessoas que andem de bicicleta

O responsável da cidade italiana de Bari, Antonio de Caro, quer "duplicar o número de bicicletas na cidade" e vai pagar às pessoas que usem esse meio de transporte. A nova iniciativa prevê que os cidadãos …

Astrónomos registam "explosão mortífera" em estrela recém-nascida

Um grupo de investigadores registou uma explosão fortíssima na superfície de uma jovem estrela localizada na constelação de Órion, cuja força supera em dez milhões de vezes fenómenos parecidos no Sol. "Nós examinamos as estrelas vizinhas, …

Forças armadas alemãs ponderaram recrutar estrangeiros (mas ninguém se quis juntar)

As forças armadas da Alemanha estão a lutar para atrair recrutas muito necessárias, com o número de novos soldados no Bundeswehr a cair para um recorde no ano passado. A escassez é um desafio urgente para …

FC Porto vs Vitória Setúbal | Superioridade total do dragão

O FC Porto não vacilou e regressou às vitórias na Liga NOS. Na recepção ao Vitória de Setúbal, os “dragões” venceram por 2-0, num jogo que esteve longe de ser espectacular e que valeu pela …

Os portugueses dormem pouco e mal

Os portugueses estão a descansar poucas horas, dormindo em média menos de seis horas diárias, com reflexos negativos na vida ativa e social, disse esta sexta-feira o presidente da Associação Portuguesa do Sono (APS), Joaquim …

Vaticano destitui ex-cardeal dos Estados Unidos por acusações de abusos sexuais

A Congregação para a Doutrina da Fé expulsou do sacerdócio o ex-cardeal e arcebispo emérito de Washington Theodore McCarrick depois de este ser acusado de abusos sexuais de menores e seminaristas, anunciou o Vaticano. Num comunicado, …

Maré de água suja atingiu a já debilitada Grande Barreira de Coral

Um enorme manto de água poluída oriunda das recentes inundações que se registaram no nordeste da Austrália penetrou em partes da já debilitada Grande Barreira de Coral, o maior recife de coral do mundo. Estas camadas …

É oficial: Pedro Marques é o cabeça-de-lista socialista às europeias

O atual ministro do Planeamento e das Infra-estruturas, Pedro Marques, é o cabeça de lista dos socialistas às eleições europeias. Era uma notícia já avançada por vários órgãos de comunicação social e hoje António Costa confirmou-a. …

Governo espanhol aprova ordem de exumação de Franco

O Governo espanhol aprovou a ordem para exumar o ditador Francisco Franco do seu atual lugar de enterro, o monumento do Vale dos Caídos, medida à qual a família ainda se opõe. Os familiares de Franco …

Sonda da NASA aperta órbita em preparação para a missão Marte 2020

A missão MAVEN (Mars Atmosphere and Volatile Evolution) da agência espacial norte-americana, já com 4 anos, está a embarcar numa nova campanha para apertar a sua órbita em torno de Marte. A operação vai reduzir …