Incrivelmente, a Terra está mais verde que há 30 anos

Pode parecer mentira, mas a Terra está hoje mais verde do que há 30 anos – e tudo graças ao aumento dos níveis de dióxido de carbono na atmosfera, que atuaram como “fertilizante” para as plantas.

Esta é a conclusão do estudo de uma equipa internacional de investigadores, publicado esta segunda-feira na revista científica Nature Climate Change.

A investigação concluiu que, entre 1982 e 2015, verificou-se uma subida significativa da biomassa verde em quase metade das regiões do mundo (40%), ao mesmo tempo que apenas em 4% do planeta se detetou uma perda significativa de vegetação.

“Podemos atribuir o reverdecimento do planeta ao aumento dos níveis de CO2 atmosférico, provocado pelo consumo de combustíveis fósseis”, explicou à agência EFE Josep Peñuelas, investigador do Centre for Ecological Research and Forestry Applications, e um dos autores do estudo.

Ao disporem de mais dióxido carbono disponível, as plantas puderam gerar mais folhas para capturar o gás durante o processo de fotossíntese, um fenómeno que permitiu o abrandamento da concentração deste gás com efeito de estufa na atmosfera, aponta o estudo.

Além disso, esta grande adição de verde “pode ter a capacidade de alterar os ciclos da água e do carbono a nível global”, Peñuelas.

Outros trabalhos anteriores tinham já demonstrado que a nível planetário as plantas estavam, desde 1980, a armazenar cada vez mais carbono, o que é coerente com a ideia, defendida pelo estudo, de um reverdecimento planetário.

No entanto, isto não significa que o aumento de CO2 na atmosfera seja benéfico para o clima, adverte o estudo.

Apesar desta maior quantidade de folhas, “as alterações climáticas, o aumento da temperatura global e a subida do nível do mar, o degelo ou as tempestades tropicais cada vez mais potentes são um facto”, disse Peñuelas.

O estudo também conclui que “o efeito fertilizante do dióxido de carbono é cada vez menor à medida que as plantas se vão aclimatando a este aumento ou dispõem menos de outros recursos necessários ao seu crescimento, como a água ou os nutrientes, sobretudo o fósforo”.

ZAP / ABr

PARTILHAR

7 COMENTÁRIOS

  1. Queimar petróleo, carvão ou gás natural é queimar fósseis de algas, árvores e seres marinhos com milhões de anos que estavam no fundo do mar ou enterrados na crosta terrestre. O problema é que esses eventos levaram milhões de anos a acontecer para que fosse atingido o equilíbrio que temos hoje, e que permitiram a nossa existência. No tempo dos dinossauros havia 5x mais CO2 na atmosfera, e essa seria possivelmente uma das causas da existência de mamíferos e répteis gigantescos. A natureza selecionou-os para a extinção, e depois viemos nós. As causas finais deste desequilíbrio que estamos a criar só Deus sabe…

  2. Caro João Daniel,
    Obrigado pelo seu reparo.
    Na realidade, usamos o termo “reverdecimento” (“greening”, em inglês) depois de nos certificarmos de que se trata de um termo em português PT_pt correcto:

    re·ver·de·cer |ê|
    verbo transitivo
    1. Tornar viçoso; cobrir de verdura.
    (…)
    5. Tornar-se verde; cobrir-se de verdura.

  3. É verdade, só Deus sabe. Foi ele que criou o mundo e a si também e lhe deu a liberdade de o Sr ( ele) pensar como pensa.
    Portanto pode acreditar ou não na sua existência . Tem total liberdade. Tudo de bom para si .

  4. Obrigado pela vossa resposta. Quando li o vosso artigo, obviamente percebi o que pretendiam dizer, mas porque desconhecia a palavra “reverdecimento”, procurei informar-me no dicionário da Porto Editora, o qual deu a palavra por desconhecida. Todavia, face à vossa resposta pesquisei melhor e tenho de reconhecer que me equivoquei. Aprendi uma palavra nova. Apresento as minhas sinceras desculpas. Melhores cumprimentos.

RESPONDER

Ford está a reciclar palha de café do McDonald's. Quer transformá-la em peças de carro

https://vimeo.com/377768195 A Ford está a fabricar peças de carro através de palha de café reciclada do McDonald's. A iniciativa contribui para a redução da pegada ecológica e do desperdício alimentar. O combate às alterações climáticas cabe um …

Comité da ONU preocupado com condições das prisões em Portugal

As condições de detenção, a sobrelotação das prisões, o alegado uso da força e outros abusos contra pessoas pertencentes a grupos raciais e étnicos são as principais preocupações do Comité da ONU contra a Tortura …

Cientistas identificaram organismo que prospera ao comer meteoritos

O micróbio Metallosphaera sedula tem uma propensão para comer minerais. E não estamos a falar de granito ou giz, mas de rochas muito mais especiais como meteoritos. Segundo o Science Alert, uma equipa internacional de cientistas …

Médicos estrangeiros em Portugal atingem o valor mais alto da última década

O número de médicos estrangeiros registados em Portugal atingiu, em 2019, o valor mais elevado da última década, situando-se em 4192, mais 9,1% face a 2009, revelam dados da Ordem dos Médicos (OM). A maioria dos …

O único carro-avião do mundo vai ser vendido em leilão

O Taylor Aerocar, aquele que é o único carro-avião legalizado em todo o mundo, vai a leilão no início do próximo ano. Este modelo da marca data do ano de 1954. Se é um apaixonado por …

Marcha pelo Clima. Polícia espanhola deteve duas pessoas com facas e martelos

A Polícia Nacional de Espanha deteve, na sexta-feira, duas pessoas que pretendiam perturbar a manifestação pelo clima em Madrid, tendo apreendido vários materiais, como facas e martelos. Um homem e uma mulher foram detidos e enviados …

Reflexão, ritual ou mundo idealizado. Um Natal sem filmes, não é Natal

Se é daquelas pessoas que passa a noite da Natal com uma chávena na mão, meias nos pés e um filme na televisão, saiba que não está sozinho. Nesta altura do ano, os filmes tornam-se …

Musk ilibado depois de ter chamado "pedófilo" a mergulhador no resgate da gruta da Tailândia

O magnata fundador da Tesla, Elon Musk, foi absolvido na sexta-feira no processo por difamação movido pelo espeleólogo britânico Vernon Unsworth, que alegava ter sido chamado de pedófilo. Após cerca de uma hora de deliberações, o …

Luzes nas redes de pesca? Os golfinhos e as tartarugas agradecem

A implementação de luzes nas redes de pesca reduz a probabilidade de tartarugas marinhas e de golfinhos serem apanhados por acidente. Luzes LED nas redes de pesca eliminariam a "captura acidental" de tartarugas marinhas em mais …

Presidente da República passa o fim de ano na ilha do Corvo

O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, vai passar a noite de 31 de dezembro para 1 de janeiro na ilha do Corvo, nos Açores, de onde será transmitida a sua mensagem de Ano …