Impressionado com os seus “talentos” desportivos, juiz iliba jovem de crime de violação

Um adolescente da Nova Zelândia que admitiu ter violado uma jovem de 14 anos não poderá apagar as acusações do seu registo criminal, mas essa é a única punição que receberá.

O adolescente, agora tem 18 anos, tem planos de se tornar um desportista profissional e já “representou a Nova Zelândia no cenário mundial”. Depois que o juiz teve conhecimento de tal, essas realizações parecem ter contribuído para a decisão de permitir que o adolescente não vá para a prisão, noticiou o Stuff, citado pelo Raw Story na segunda-feira.

A violação terá supostamente ocorrido durante uma viagem escolar, na qual o adolescente estava a consumir álcool com a vítima, de 14 anos. Quando começou a beijá-la, a jovem terá se sentido desconfortável e optado por se ir deitar. Foi então que o adolescente dirigiu-se ao seu quarto e lhe fez fez sexo oral. No dia seguinte, terá forçado a jovem a lhe fazer sexo oral, dizendo que a mesma lhe “devia” isso.

Cinco meses depois, durante uma festa, o adolescente estava a beijar outra jovem – dessa vez da sua idade -, quando tentou forçar a mesma a tirar a roupa. Esta tentou resistir, tendo o adolescente a forçado a ter sexo oral, violando-a de seguida no capô de um carro.

Apesar de reconhecer a natureza horrível dos ataques durante a sentença do adolescente, o juiz fez questão de mencionar as suas realizações desportivas.

“És um ávido e talentoso desportista, tendo competido a alto nível e isso inclui representar a Nova Zelândia no exterior”, disse o juiz Tony Fitzgerald. “O seu objetivo é ser um profissional e competir internacionalmente. As referências fornecidas falam do seu talento excecional e do seu potencial futuro brilhante”, acrescentou.

Para determinar a sentença, o juiz deu crédito ao adolescente pelos “talentos” desportivos, pelo remorso que supostamente demonstrou, pela participação num curso de reabilitação, pelas 200 horas de serviço comunitário e pela ausência de um passado criminoso. Em última análise, o único castigo do adolescente será uma marca no seu cadastro.

Em declarações à Stuff, Kathryn McPhillips, defensora das vítimas de abuso sexual, disse que, embora reconheça que os tribunais de menores devam principalmente dar às crianças uma segunda oportunidade, a decisão do juiz ignorou os direitos das vítimas.

TP, ZAP //

PARTILHAR

5 COMENTÁRIOS

  1. Pois…. O mal disto é o Juiz ser um aficionado do desporto…. as «vitimas» que se lixem…. o desporto fala mais alto…. É o mal deste mundo….!!!
    Lamentável.

  2. Está tudo muito certo: poderia até nem ser preso, dada a “tenra” idade (ainda que essa “tenra” idade não tivesse impedido o sujeito de praticar tais crimes). Mas será que não havia outro castigo?
    Por outro lado, usarem-se os feitos desportivos para encapotar crimes desta ordem é quase medieval e próprio de regimes totalitários, em que a certas classes tudo se perdoa.
    Mas será que está tudo doido? Então mas agora a excelência desportiva é justificação para tudo?
    É uma vergonha para um país ser representado por gente desta!

  3. Como a defesa alegou que o jovem é o potencial no desporto, acredito que o seja, como tal, está claro que vai ser mais UM, com muito dinheiro, também é óbvio que vamos voltar a ouvir falar nele, só que numa escala completamente diferente… Mundo dos Homens, desenvolvido por homens, para defender Homens…

RESPONDER

Austrália não quer que turistas caminhem na famosa rocha sagrada Uluru (nem no Google Maps)

A Austrália pediu ao Google que remova do seu serviço Maps fotografias tiradas do topo de Uluru, o monólito aborígine sagrado que os visitantes estão proibidos de escalar desde o ano passado. De acordo com a …

NASA vai procurar aquíferos nos desertos com tecnologia já usada em Marte

Uma parceria entre a NASA e a Fundação Qatar tem como objetivo procurar as cada vez mais escassas águas que estão enterradas nos desertos do Saara e da Península Arábica. Este processo deverá ser desenvolvido …

Os aeroportos mudam o nome das pistas (e a culpa é dos pólos magnéticos da Terra)

O pólo norte magnético pode mover-se até 64 quilómetros por ano. Isto pode ser um problema para os pilotos de aviões. A pista 17L/35R, no Aeroporto Internacional de Austin-Bergstrom, no estado norte-americano do Texas, não terá …

Rússia quer ultrapassar Tom Cruise e ser a primeira a gravar um filme no Espaço

O ator Tom Cruise quer rodar um filme no Espaço, mas a Rússia quer ser a primeira, de acordo com um comunicado da agência espacial Roscosmos. Os Estados Unidos e a Rússia são, novamente, os protagonistas …

Os animais perdem o medo dos predadores depois de contactarem com o Homem

Uma nova investigação concluiu que os animais selvagens perdem rapidamente o medo dos seus predadores depois de entrarem em contacto com o Homem. A maioria dos animais selvagens, como é o caso dos leões, exibe …

Há mais 884 casos confirmados e oito óbitos por covid-19 em Portugal

De acordo com o último boletim divulgado epidemiológico da Direção-Geral da Saúde (DGS), Portugal regista, este sábado, mais oito óbitos e 884 novos casos de infeção pelo novo coronavírus. Assim, Portugal contabiliza, desde o início da …

Negros norte-americanos estão a comprar armas em valores recorde

O número de afro-americanos a comprar armas aumentou drasticamente. Em causa, estará uma resposta ao agravar das tensões sociais no país devido ao movimento Black Lives Matter. Nos Estados Unidos, os protestos do movimento Black Lives …

Sporting paga 5 milhões e "rouba" Bruno Tabata ao Braga

O Sporting conseguiu 'roubar' Bruno Tabata ao Sporting de Braga. O extremo do Portimonense assina pelos 'leões' num contrato válido por cinco temporadas. Bruno Tabata está a caminho do Sporting CP, avança este sábado o jornal …

Há (pelo menos) 16 escolas com casos de covid-19, mas não há dados oficiais

Nem o Ministério da Educação, nem a Direcção Geral de Saúde (DGS) revelam o número de casos de covid-19 nas escolas, depois da reabertura do ano lectivo. Mesmo sem dados oficiais, é possível contabilizar, pelo …

Deixar Bilbau não dá bom resultado (lembra-se da grande equipa de Bielsa?)

Javi Martínez tenta contrariar a tendência dos seus antigos companheiros de equipa no famoso Atlético de Bilbau, que só aceita no seu plantel futebolistas nascidos no País Basco ou com ascendência familiar basca. Javi Martínez, herói …