Impressionado com os seus “talentos” desportivos, juiz iliba jovem de crime de violação

Um adolescente da Nova Zelândia que admitiu ter violado uma jovem de 14 anos não poderá apagar as acusações do seu registo criminal, mas essa é a única punição que receberá.

O adolescente, agora tem 18 anos, tem planos de se tornar um desportista profissional e já “representou a Nova Zelândia no cenário mundial”. Depois que o juiz teve conhecimento de tal, essas realizações parecem ter contribuído para a decisão de permitir que o adolescente não vá para a prisão, noticiou o Stuff, citado pelo Raw Story na segunda-feira.

A violação terá supostamente ocorrido durante uma viagem escolar, na qual o adolescente estava a consumir álcool com a vítima, de 14 anos. Quando começou a beijá-la, a jovem terá se sentido desconfortável e optado por se ir deitar. Foi então que o adolescente dirigiu-se ao seu quarto e lhe fez fez sexo oral. No dia seguinte, terá forçado a jovem a lhe fazer sexo oral, dizendo que a mesma lhe “devia” isso.

Cinco meses depois, durante uma festa, o adolescente estava a beijar outra jovem – dessa vez da sua idade -, quando tentou forçar a mesma a tirar a roupa. Esta tentou resistir, tendo o adolescente a forçado a ter sexo oral, violando-a de seguida no capô de um carro.

Apesar de reconhecer a natureza horrível dos ataques durante a sentença do adolescente, o juiz fez questão de mencionar as suas realizações desportivas.

“És um ávido e talentoso desportista, tendo competido a alto nível e isso inclui representar a Nova Zelândia no exterior”, disse o juiz Tony Fitzgerald. “O seu objetivo é ser um profissional e competir internacionalmente. As referências fornecidas falam do seu talento excecional e do seu potencial futuro brilhante”, acrescentou.

Para determinar a sentença, o juiz deu crédito ao adolescente pelos “talentos” desportivos, pelo remorso que supostamente demonstrou, pela participação num curso de reabilitação, pelas 200 horas de serviço comunitário e pela ausência de um passado criminoso. Em última análise, o único castigo do adolescente será uma marca no seu cadastro.

Em declarações à Stuff, Kathryn McPhillips, defensora das vítimas de abuso sexual, disse que, embora reconheça que os tribunais de menores devam principalmente dar às crianças uma segunda oportunidade, a decisão do juiz ignorou os direitos das vítimas.

TP, ZAP //

PARTILHAR

5 COMENTÁRIOS

  1. Pois…. O mal disto é o Juiz ser um aficionado do desporto…. as «vitimas» que se lixem…. o desporto fala mais alto…. É o mal deste mundo….!!!
    Lamentável.

  2. Está tudo muito certo: poderia até nem ser preso, dada a “tenra” idade (ainda que essa “tenra” idade não tivesse impedido o sujeito de praticar tais crimes). Mas será que não havia outro castigo?
    Por outro lado, usarem-se os feitos desportivos para encapotar crimes desta ordem é quase medieval e próprio de regimes totalitários, em que a certas classes tudo se perdoa.
    Mas será que está tudo doido? Então mas agora a excelência desportiva é justificação para tudo?
    É uma vergonha para um país ser representado por gente desta!

  3. Como a defesa alegou que o jovem é o potencial no desporto, acredito que o seja, como tal, está claro que vai ser mais UM, com muito dinheiro, também é óbvio que vamos voltar a ouvir falar nele, só que numa escala completamente diferente… Mundo dos Homens, desenvolvido por homens, para defender Homens…

RESPONDER

Cientista americana diz estar certa de que a Terra será atingida por asteroide

https://vimeo.com/355132338 Uma cientista americana de uma ONG dedicada a proteger a Terra diz que é 100% certo que um asteroide atingirá o nosso planeta. A cientista é Danica Remy, presidente da Fundação B612. Após um asteroide não …

NASA vai mesmo explorar Europa, a lua de Júpiter que pode ter vida extraterrestre

A NASA deu luz verde a uma missão para explorar uma lua de Júpiter que é considerada um dos melhores candidatos para a vida extraterrestre. A Europa - que é um pouco mais pequena do que …

País de Gales cancela plano controverso de criar "casas de banho robô"

O objetivo da construção era impedir atividade sexual, vandalismo e dormidas nas casas de banho públicas. O projeto ia recorrer às tecnologias de piso sensível ao peso, jatos de água, sensores anti-movimento e alarmes. O conselho …

Sem saber, uma mulher viveu durante 17 anos com a sua "gémea" dentro dela

Uma jovem na Índia, sem saber, viveu com uma das condições médicas mais raras e perturbadoras durante quase duas décadas. De acordo com um relatório de caso desta semana, a mulher tinha um saco que continha …

Novo filme da saga 007 já tem nome e data de estreia marcada

O novo filme da saga 007, realizado por Cary Fukunaga chama-se "No time to die" e estreia-se no Reino Unido e nos Estados Unidos em abril de 2020. "Daniel Craig regressa como James Bond, 007 em... …

Comporta pode tornar-se na nova Ibiza (e tudo começou com a queda do BES)

Após anos de um quase esquecimento, em termos de desenvolvimento imobiliário, a Comporta está a atrair investidores internacionais que encaram a pequena vila de Setúbal como uma "nova Ibiza". Um cenário que está a preocupar …

Família de Aretha Franklin cria fundo para a investigação de cancro raro

Um ano após a morte da cantora, a família de Aretha Franklin criou um fundo de apoio à investigação na área dos tumores neuroendócrinos, a doença rara que se revelou fatal para a celebridade, a …

Sporting vai monitorizar tudo o que se diz e escreve sobre jogadores

A empresa Noisefeed tem uma enorme base de dados relativa à atividade nas redes sociais de milhares de jogadores a nível global. Os jogadores de futebol de todo o mundo usam, cada vez mais, as redes …

Boris janta hoje com Merkel para mudar acordo. Maioria quer novo referendo

A pouco mais de dois meses da data marcada para a saída do Reino Unido da União Europeia, uma nova sondagem mostra que a maioria dos britânico quer que qualquer novo acordo vá a referendo. Um …

Oficial: Pardal Henriques candidato a deputado pelo partido de Marinho Pinto

O advogado Pedro Pardal Henriques anunciou esta quarta-feira que aceitou o convite para encabeçar a lista do PDR a Lisboa, deixando de ser porta-voz do Sindicato Nacional dos Motoristas de Matérias Perigosas para "não misturar …