“Imposto Mortágua” rendeu mais 12 milhões de euros ao Estado em 2019

O Adicional ao Imposto Municipal sobre Imóveis (AIMI), conhecido como ‘imposto Mortágua’, rendeu 151,56 milhões de euros em 2019, segundo as estatísticas publicadas no Portal das Finanças.

Segundo noticiou esta terça-feira o Expresso, o valor alcançado em 2019 é 8,5% maior do que o atingido em 2018 (acréscimo de quase 12 milhões de euros), visto que no primeiro ano que o imposto entrou em vigor, foram cobrados 131,37 milhões de euros. Os montantes arrecadados financiam o Orçamento do Estado (OE).

A subida da receita do AIMI reflete os novos escalões do imposto em vigor desde o ano passado, depois de os partidos da esquerda terem aprovado duas propostas do PCP e do Bloco de Esquerda, introduzindo um agravamento para os imóveis de valor mais elevado.

Existem agora duas taxas de 1% para os imóveis cujo valor patrimonial tributável é superior a um milhão e inferior a dois milhões e de 1,5% quando o valor exceder os dois milhões de euros. O AIMI é calculado pelo Fisco tendo em conta o valor patrimonial tributário dos prédios que constem das matrizes a 01 de janeiro do ano a que imposto diz respeito, aplicando-se aos prédios urbanos habitacionais e a terrenos para construção.

No total, foram tributados 517 543 imóveis, avaliados em mais de 32 mil milhões de euros, tendo sido o AIMI cobrado a 76 304 proprietários, dos quais 63 051 empresas e 13 253 particulares.

Já o Imposto Municipal sobre Imóveis (IMI) permitiu um encaixe de quase 1 528 milhões de euros, em 2019, mais 0,97% face ao ano anterior. O valor patrimonial tributário de 446,2 mil milhões de euros (subiu 2%) correspondeu a mais de 15,7 milhões de prédios.

Quanto ao Imposto sobre as Transmissões Onerosas de Imóveis (IMT), correspondeu a um encaixe de 1 109,6 milhões de euros, no ano passado, mais 7% face a 2018.

 

  ZAP //

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

  1. 151 milhões de euros roubados aos portugueses!
    151 milhões de euros que entraram na máquina do estado e que pouco contribuíram para melhorar as condições de vida dos portugueses!
    151 milhões de euros que os portugueses poderiam ter em poupanças, ter gasto em comida, em roupa, em educação, em saúde, em habitação, em lazer, mas que servirá em grande medida para distribuir pelo aparelho partidário que domina a função pública, para a administração fazer negócios ruinosos, para financiar a corrupção, para dar vida de luxo a alguns privilegiados.
    Enfim, a Mortágua é tipo um Robin dos Bosques ao contrário: rouba ao povo para dar aos déspotas!
    Sonho com o dia em que o povo consiga manter no bolso o que merece, pois é no bolso de cada um que o dinheiro é mais bem gerido!

RESPONDER

Um hipopótamo na água

Tribunal norte-americano reconhece hipopótamos de Pablo Escobar como pessoas jurídicas

O grupo de hipopótamos, mais uma parte do legado deixado na Colômbia por Pablo Escobar, recebeu o estatuto de "pessoas jurídicas". Um tribunal federal dos Estados Unidos defendeu que os descendentes dos hipopótamos do barão da …

Mais rapidez e menos ruído. E-bikes permitem que militares em ação passem despercebidos

Os soldados do Regimento de Cavalaria da Infantaria Montada de Queensland, na Austrália, estão a testar e-bikes para perceber se o veículo poderá ser uma opção válida para operações no terreno. Passar despercebido no terreno é …

Oposição critica Governo de El Salvador por usar a covid-19 para limitar manifestações

Na quarta-feira, a Assembleia Legislativa de El Salvador aprovou um decreto que proíbe reuniões públicas e privadas que não estejam relacionadas com as artes, cultura ou desporto até 8 de dezembro. Segundo a Vice, apesar de …

Portugal com mais 883 casos confirmados e quatro mortes

Portugal regista hoje mais 883 casos confirmados de covid-19 e quatro óbitos pela doença, assim como 729 pessoas recuperadas e menos internamentos em enfermaria e unidades de cuidados intensivos, de acordo com o boletim diário. Segundo …

Um boneco do Super-Homem a voar

Indianos declaram "guerra" ao Super-Homem e à Mulher-Maravilha

Injustice, o último filme de animação da DC Comics, deixou alguns indianos muito perto de um ataque de fúria. Cenas em que o Super-Homem e a Mulher-Maravilha surgem a lutar contra militares indianos e a …

Alec Baldwin

Hollywood em choque. Alec Baldwin recebeu arma carregada, mas disseram-lhe que estava "fria"

A morte da directora de fotografia Halyna Hutchins, depois de ter sido atingida pelo actor Alec Baldwin durante as filmagens de "Rust", deixou o mundo de cinema de Hollywood abalado. E ninguém percebe como é …

Provedor da Santa Casa sob suspeita. Renda com desconto, gastos e bolsa investigados

A Polícia Judiciária (PJ) apreendeu documentos e computadores ao provedor da Santa Casa da Misericórdia de Lisboa (SCML), Edmundo Martinho, e à professora Maria da Luz Cabral. Em causa estarão suspeitas relacionadas com despesas, uma …

O empresário John Textor

FC Porto tenta desviar John Textor. Empresário só quer o Benfica

John Textor foi abordado várias vezes nos últimos meses por intermediários alegadamente com ligações ao FC Porto, que procuravam levar o empresário a investir na SAD azul e branca. Mas o empresário assegura que, em …

Biden adia publicação de arquivos sobre assassinato de John F. Kennedy

A Casa Branca informou esta sexta-feira que irá adiar a publicação de documentos confidenciais relacionados com o assassinato do presidente dos Estados Unidos John F. Kennedy. O atual presidente norte-americano, Joe Biden, afirmou em comunicado que …

Dirigente da Al-Qaida abatido na Síria em ataque com drone

O exército norte-americano anunciou esta sexta-feira ter abatido um dirigente do grupo extremista Al-Qaida, num ataque com 'drone' na Síria. "Um ataque aéreo norte-americano realizado esta sexta-feira no noroeste da Síria matou o dirigente da Al-Qaida …