Ilhas Selvagens têm o ecossistema mais intacto do Atlântico

Coimbra68 / wikimedia

Selvagem Pequena no Arquipélago das Ilhas Selvagens.

As ilhas Selvagens, no arquipélago da Madeira, apresentam o ecossistema “mais intacto” do Atlântico, de acordo com um estudo da ‘National Geographic’ realizado entre 2015 e 2016, anunciou hoje a Fundação Oceano Azul.

“Nos arquipélagos do Atlântico Nordeste, que incluem os Açores, a Madeira, Cabo Verde e as Canárias, as ilhas Selvagens destacam-se pela natureza intacta que apresentam“, refere a Fundação Oceano Azul, que participou, em setembro de 2015, na expedição “Pristine Seas”, organizada pela ‘National Geographic’, em parceira também com a Fundação Waitt.

O projeto teve por objetivo avaliar o estado do meio marinho e encontrou nas Selvagens uma reserva natural localizada a 300 quilómetros a sul da Madeira, um ecossistema “vibrante, equilibrado e com uma enorme diversidade de fauna e flora“.

A equipa de investigação da Pristine Seas comparou, depois, o estado de saúde do ecossistema marinho das Selvagens com o da ilha da Madeira, numa segunda expedição realizada em julho de 2016.

“Deste estudo comparativo resultou um artigo científico, publicado no jornal científico “PLOS ONE”, que revela resultados surpreendentes acerca do estado do ecossistema marinho da ilha da Madeira, densamente povoada e desenvolvida, em comparação com o da Reserva Natural das ilhas Selvagens, uma área marinha de proteção total até aos 200 metros de profundidade e com impacto humano direto reduzido”, indica a Fundação Oceano Azul.

No entanto, apesar destes resultados, existem “ameaças” ao ambiente marinho das Selvagens, que incluem a pesca ilegal e a pesca de grandes pelágicos, como o atum, nas zonas limítrofes à área da reserva.

“A expansão da área marinha protegida da Reserva Natural das ilhas Selvagens garantirá que a zona costeira continuará a ser protegida, mas permitirá também proteger uma parte importante das espécies que habitam esta região do Atlântico Nordeste”, indica o estudo, sugerindo ainda a necessidade de “melhorar as medidas de gestão das pescas e a proteção das zonas costeiras na Madeira”.

A Reserva Natural das Selvagens poderá, segundo os investigadores, servir de exemplo sobre como proteger um dos “últimos redutos selvagens do planeta” antes que seja “demasiado tarde” e, por outro lado, permitirá a recuperação de espécies alvo de pesca e que se encontram com problemas de sustentabilidade.

“A expansão significativa da reserva é essencial para garantir a conservação do vibrante mas frágil ecossistema marinho, protegendo-o contra os impactos da sobrepesca e das alterações climáticas”, refere o estudo.

// Lusa

PARTILHAR

2 COMENTÁRIOS

  1. não se cansem de fazer publicidade e chamar os investidores porque realmente ter uma virgem no meio da desgraça que vai por esse mundo fora até fica mal. há que estropiá-la urgentemente.

RESPONDER

A tecnologia usada na Bitcoin também está a ser usada para encontrar o amor

Várias dating apps (aplicações de encontros) estão a recorrer ao blockchain para que os seus utilizadores possam encontrar a cara-metade de uma forma mais segura e transparente. O Tinder é provavelmente a dating app mais usada …

Elon Musk quer enviar passageiros para o Espaço já no próximo ano

O bilionário Elon Musk, também fundador da fabricante de automóveis elétricos Tesla, fez um anúncio surpreendente: quer que pôr passageiros no Espaço já em 2020. “Isto pode soar totalmente louco, mas queremos tentar entrar em órbita …

Cientistas reverteram principal sintoma da esquizofrenia em camundongos

Um medicamento que está atualmente a ser desenvolvido para tratar a leucemia reverteu (em camundongos) um sintoma de esquizofrenia anteriormente intratável: o enfraquecimento da memória de trabalho. A memória de trabalho é um processo cerebral fundamental usado …

Para as criaturas marinhas, as doenças infecciosas são a sentinela da mudança

Uma recente investigação analisou as mudanças nas doenças relatadas em espécies submarinas num período de 44 anos. A conclusão não surpreende: a saúde dos oceanos está a piorar a passos largos. A compreensão das tendências oceânicas …

Solidariedade e ambiente. Nos EUA, já é possível doar as suas peças Lego

Nunca somos demasiado velhos para brincar com peças Lego. No entanto, se estiver a ficar sem espaço para as arrumar e estiver à procura de uma forma de garantir que os seus blocos acabam em …

Eis os primeiros smartphones pensados e fabricados em África

https://vimeo.com/365789486 No Ruanda nasceram os primeiros rebentos do grupo Mara, que anunciou o lançamento dos seus dois primeiros smartphones. São os primeiros a serem totalmente fabricados em África. Estes são os dois primeiros smartphones totalmente fabricados em …

Siza Vieira recebe Grande Prémio da Academia de Belas-Artes francesa

O arquitecto Álvaro Siza Vieira recebeu o Grande Prémio de Arquitetura da Académie des Beaux-Arts, pelo conjunto do seu percurso, no valor de 35 mil euros. “É uma grande honra, porque é um prémio importante. É …

Para os jovens refugiados, um telemóvel pode ser tão importante quanto comida ou água

Entre 2015 e 2018, mais de 200.000 jovens não acompanhados reivindicaram asilo na Europa. Muitos deles, agora na União Europeia, têm uma coisa em comum: os seus smartphones. Não são apenas ferramentas para entretenimento nem uma …

Cientistas observaram pela primeira vez porcos a usar ferramentas

Uma equipa de cientistas registou pela primeira vez uma família de javalis das Visayas, num jardim zoológico em Paris, a usar paus para cavar e construir ninhos. Os porcos não gostam só de chafurdar na lama …

Transição verde: o mundo tem muito a aprender com uma pequena cidade na Islândia

Uma pequena cidade no norte da Islândia tornou-se quase neutra em dióxido de carbono (CO2). Uma equipa de cientistas viajou até ao país insular nórdico para descobrir como podemos aprender com esta cidade. Atualmente, as cidades …