Identificadas 44 variantes genéticas associadas à depressão

Uma equipa de cientistas identificou o maior número de variantes genéticas associadas à depressão, que abre as portas à identificação de novos alvos terapêuticos.

Foram identificadas 44 variantes genéticas associadas à depressão, 30 das quais desconhecidas até agora, naquela que é a maior investigação sobre o impacto do ADN neste transtorno mental.

Esta grande descoberta vai permitir delinear novos estudos terapêuticos, de forma a compreender melhor que tipo de interação entre os fatores genéticos e ambientais são responsáveis por desencadear esta doença no ser humano.

As conclusões deste megaestudo internacional foram apresentadas num artigo científico, publicado esta quinta-feira na Nature Genetics.

Segundo o Público, estudos anteriores tinham já descoberto 14 variantes genéticas associadas a esta condição e investigações em gémeos tinham também mostrado que 40% da variabilidade no risco de depressão pode mesmo resultar da genética.

Mas os cientistas quiseram ir mais longe. Assim, cerca de 200 investigadores de todo o mundo reuniram-se no Consórcio de Genómica Psiquiátrica para levar a cabo esta investigação, liderada pelo cientista Patrick Sullivan, do Instituto Karolinska, na Suécia, e por Naomi Wray, da Universidade de Queensland, na Austrália.

A equipa analisou cerca de 135 mil pessoas com depressão e mais de 344 mil pessoas sem a doença, utilizando sete bases de dados distintas. A análise mostrou que há no genoma humano 44 variantes genéticas associadas à depressão. Além disso, confirmou-se que o giro do cíngulo anterior e o córtex pré-frontal são as regiões cerebrais mais envolvidas no desenvolvimento desta doença.

As descobertas não ficaram por aqui e os cientistas chegaram à conclusão que a depressão partilha zonas do genoma humano que estão também associadas à esquizofrenia e à doença bipolar.

As conclusões mostraram que um índice de massa corporal elevado e um menor nível de educação podem estar associados ao desenvolvimento da depressão.

“Esta meta-análise da associação de todo o genoma está entre as maiores já conduzidas na genética psiquiátrica e fornece um conjunto de resultados que ajuda a redefinir a base fundamental da depressão”, consideram os autores no artigo científico, ressalvando que é apenas o primeiro passo no esclarecimento da base genética da depressão.

No entanto, Patrick Sullivan, num comunicado da Universidade de Carolina do Norte, admite que “este estudo é decisivo” na resolução deste problema que afeta cerca de 14% da população mundial em algum momento da sua vida. Isto porque “agora temos um olhar mais aprofundado do que tínhamos sobre a base desta doença humana terrível”.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Albânia demoliu restaurante do homem que perseguiu turistas no capô do carro

O dono de um restaurante ilegal na Albânia meteu-se em sérios apuros depois de ter perseguido uma família de turistas espanhóis, colocando-se no capô do carro onde seguiam e partindo o pára-brisas. O restaurante que …

Sensores de radiação da Rússia desligaram-se misteriosamente após recente explosão nuclear

Nas semanas após um acidente nuclear fatal num campo de tiro de armas navais em Nyonoksa, quatro sensores de partículas radioativas que enviavam dados do território russo para uma rede de monitorização internacional desligaram-se misteriosamente. As …

Zumba. O negócio milionário que começou com uma distracção de um colombiano

Foi uma distracção que levou o bailarino colombiano Beto Pérez a criar a zumba e a construir um dos negócios actuais com mais sucesso em todo o mundo, avaliado em mais de 450 milhões de …

Ligações a Jeffrey Epstein abalam um dos mais prestigiados laboratórios de tecnologia do mundo

O MIT Media Lab junta áreas que vão do design à robótica e é responsável pelas mais vanguardistas inovações do Massachusetts Institute of Technology, uma das mais reputadas universidades do mundo na área da tecnologia. Agora, …

Choveu água preta em São Paulo

Na tarde de segunda-feira um fenómeno climático transformou o dia em noite na cidade de São Paulo em plena tarde. E choveu água preta. Nas redes sociais há inúmeras imagens de copos, garrafas e baldes que …

Macron vai encontrar-se com iranianos para debater acordo nuclear

O Presidente da França, Emmanuel Macron, anunciou na quarta-feira que vai encontrar-se com representantes do Irão antes da reunião do G7, que decorre no próximo fim de semana, para trabalhar em propostas que salvaguardem o …

Pentágono confirma morte do filho de Osama bin Laden

O secretário de Defesa dos Estados Unidos (EUA), Mark Esper, confirmou a morte de Hamza bin Laden, filho e herdeiro do fundador da Al-Qaeda, Osama bin Laden. "Esse é o meu entendimento", disse Mark Esper, numa …

Homem detido por filmar por baixo das saias de mais de 550 mulheres no metro de Madrid

Um colombiano de 53 anos foi detido e ficou em prisão preventiva nesta quarta-feira, em Madrid, acusado de filmar vídeos por baixo das saias de mais de 550 mulheres — algumas menores — e publicá-los …

Tempo de espera nos CTT é principal causa de insatisfação dos clientes

Um inquérito da associação Deco a 1.800 clientes dos CTT revela que esperam, em média, 18 minutos para serem atendidos e que o tempo de espera é o que causa mais insatisfação. O inquérito realizado a …

Gronelândia não é só um capricho de Trump. EUA querem comprar a ilha há 70 anos

A proposta de Donald Trump para comprar a Gronelândia terá parecido apenas mais uma ideia megalómana do presidente dos EUA, mas não é a primeira vez que o país tenta ficar com a ilha que …