Hungria. Anúncio da Coca-Cola com beijo gay enfurece partido nacionalista no poder

Um cartaz da Coca-Cola, que mostra um casal gay a beijar-se e outros casais do mesmo sexo, está a enfurecer o partido nacionalista húngaro liderado por Viktor Orbán. Integrado na campanha ‘Amor é amor’, os cartazes da Coca-Cola estão expostos no Sziget Festival, um dos maiores festivais de música em Budapeste.

Segundo noticiou o Expresso na terça-feira, os cartazes estão a ser alvo de fortes críticas por parte do partido nacionalista no poder e de ativistas da extrema direita.

O vice-porta-voz do partido Fidesz (União Cívica Húngara), István Boldog, foi mesmo mais longe ao propor o boicote à marca, considerando que se trata de uma campanha de “provocação” que tem como público alvo mais de meio milhão de pessoas, que são esperadas no evento.

Contudo, a empresa garantiu que não vai retirar os anúncios do festival de música na Hungria, sublinhando que veiculam acima de tudo os valores da marca. “A Coca-Cola luta pela diversidade, inclusão e igualdade na empresa e apoia também esses direitos na sociedade. Como apoiantes da comunidade LGBTQI, acreditamos que todos têm o direito de amar a pessoa que escolhem”, declarou o porta-voz da Coca-Cola, citado pela CNN.

Os cartazes mostram imagens de casais homossexuais a beijar-se, a sorrir e a beberem Coca-Cola juntos, acompanhados com a frase: “Zero açúcar, zero preconceito”.

Love is love ❤️

Publicado por Coca-Cola em Domingo, 4 de agosto de 2019

Também o Partido Lei e Justiça criticou o teor da campanha da Coca-Cola, à semelhança de vários ativistas de extrema-direita, que apelaram à multinacional para retirar os cartazes. Entretanto, foi lançada uma petição ‘online’ no mesmo sentido, que já conta com mais de 50 mil assinaturas.

“Não tenhamos ilusões, esta campanha é um teste. Se a sociedade húngara aceitar isto, haverá mais e mais passos. Cartazes, anúncios, filmes, produtos com as cores do arco-íris, etc. E se não continuarmos a travar este movimento, será cada vez mais difícil de parar”, pode ler-se no texto da petição.

Já Tamás Dombos, membro do grupo Háttér, de defesa dos direitos dos homossexuais, condenou a atitude “homofóbica” do partido no poder na Hungria desde 2010.

“Depois da União Europeia, dos migrantes e mesmo dos sem-abrigo, agora são as pessoas da comunidade LGBTQ que estão a ser atacadas pelo Governo”, concluiu o responsável, citado pelo Guardian.

Taísa Pagno TP, ZAP //

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

RESPONDER

Ataque terrorista a cidade na Nigéria atinge organizações humanitárias e instalações da ONU

Jihadistas alegadamente ligados ao Estado Islâmico atacaram este sábado as instalações de várias organizações humanitárias e das Nações Unidas na cidade nigeriana de Damasak, e ainda estão no local, afirmaram fontes das organizações não-governamentais (ONG). O …

Os humanos foram "superpredadores" durante dois milhões de anos

Uma nova investigação revelou que os humanos foram um predador de ponta durante cerca de dois milhões de anos. Só a extinção da megafauna e o declínio das fontes de alimentos de origem animal no …

Paços de Ferreira 0-5 Benfica | Seferovic “parte tudo” na Capital do Móvel

Na noite deste sábado, o Benfica somou o sétimo triunfo consecutivo no campeonato, ao golear o Paços de Ferreira por 5-0, num embate relativo à 26.ª jornada do campeonato. A equipa de Jorge Jesus, que acabou …

Após terramotos e deslizamentos, a "cidade moribunda" de Itália ainda resiste no topo de uma montanha

Chamar-se a si mesmo de "Cidade Moribunda" pode não parecer a melhor forma de atrair turistas, mas Civita, em Itália, aprendeu a viver com o facto de estar a morrer. Há vários séculos, a cidade …

"Alexa, estou com calor." Já é possível controlar o ar condicionado de um Lamborghini apenas com a voz

A Amazon está a dar um grande passo na indústria automóvel ao integrar a Alexa no Huracán EVO da Lamborghini, não apenas para fazer perguntas, mas dando ao assistente virtual a capacidade de controlar as …

Nova tecnologia pode enviar luz solar para o subsolo

Investigadores da Universidade Tecnológica de Nanyang, na Singapura, inventaram um novo dispositivo que pode ajudar o país a iluminar a sua crescente infraestrutura subterrânea. A Singapura é um dos países que tem apostado cada vez mais …

Livro lança "caça ao tesouro" a urna de ouro oferecida por Inglaterra a França antes da Entente Cordiale

Um novo enigma literário está prestes a chegar às estantes de livros com uma recompensa incomum. Pistas em "The Golden Treasure of the Entente Cordiale" podem levar leitores no Reino Unido e França a um …

Para evitar casos de burnout, LinkedIn deu uma semana de férias aos quase 16 mil funcionários

O LinkedIn decidiu dar uma semana de férias (remunerada), que começou esta segunda-feira, a todos os seus funcionários espalhados pelo mundo. O objetivo? Desconectar, recarregar baterias e prevenir casos de burnout.  "Queríamos ter a certeza de …

Pequenos nadadores-robô curam-se a si próprios (e em movimento)

Uma equipa de investigadores da American Chemical Society desenvolveu pequenos robôs nadadores que conseguem curar-se a si mesmos magneticamente. O tecido vivo pode curar-se autonomamente de muitos ferimentos, mas fornecer habilidades semelhantes a sistemas artificiais, como …

Tondela 0-2 FC Porto | Missão cumprida com serviços mínimos

Missão cumprida. O FC Porto fez poupanças no jogo com o Tondela, mas levou os três pontos para casa, graças a um triunfo por 2-0. Os “dragões” foram claramente superiores no primeiro tempo, marcaram por Toni …