Humanidade já consumiu em oito meses o que a Terra produz num ano

Esta quarta-feira marca a data em que a humanidade consumiu todos os recursos naturais que o planeta é capaz de renovar num ano, segundo a organização não-governamental Global FootprintNetwork.

O “dia da sobrecarga da Terra” é assinalado este ano a 13 de Agosto, quatro dias antes do que no ano passado, segundo os cálculos da organização ambientalista que alerta, citada pela France Presse, para o aumento constante e “insustentável” do ritmo do consumo de recursos naturais pela humanidade.

Em 1970, o “dia da sobrecarga” foi marcado a 23 de Dezembro, e desde então a data não parou de ser assinalada mais cedo: 3 de Novembro em 1980, 13 de Outubro em 1990, 04 de Outubro em 2000, 03 de Setembro em 2005 e 28 de Agosto em 2010.

Este ano, “foram precisos menos de oito meses para a humanidade consumir todos os recursos naturais renováveis que a Terra pode produzir num ano”, uma clara indicação de que “o processo de esgotamento dos recursos naturais está a acelerar”, segundo a GFN.

A data representa, para Pierre Cannet, responsável da energia e do clima do Fundo Mundial para a Natureza, WWF, de França, “o ritmo incrível e insustentável do desenvolvimento mundial”.

“Estamos à beira de um precipício”, declarou à AFP, calculando que até 2030 a humanidade arrisque “chegar ao sobre consumo em Junho”.

Segundo a Global Footprint Network, precisaríamos de 1,6 planetas para saciar o consumo de recursos actual.

A organização ambientalista calcula que, se as emissões globais de CO2 não diminuírem, em 2030 a data será 28 de Junho.

Pelo contrário, “se reduzirmos as emissões de CO2 em 30%” do seu nível actual, o “dia da sobrecarga da Terra” deverá recuar até 16 de Setembro.

“Reduzir as emissões de carbono contribuirá não só para abrandar o aquecimento global”, mas também de “reduzir a pegada ecológica a uma escala global”, sublinha a organização.

/Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Ex-diretora e delatora do caso Cambridge Analytica vai à Web Summit

Brittany Kaiser, ex-diretora e denunciante do caso Cambridge Analytica, vai participar nas conferências da Web Summit, que se realiza entre 4 e 7 de novembro, no Parque das Nações, em Lisboa. A estrela do documentário “Nada …

Comprar casa à distancia de um clique. Nova app já é uma das mais descarregadas

Uma nova aplicação para smartphone permite a procura, compra ou venda de imóveis de uma forma mais prática, facilitando o agendamento de visita às casas. A Century21 anunciou recentemente o lançamento de uma nova aplicação para …

Prédio de sete andares desaba no Brasil. Há um morto e várias vítimas nos destroços

Um edifício residencial de sete andares desabou, esta terça-feira de manhã, em Fortaleza, capital do estado do Ceará, no nordeste do Brasil, provocando pelo menos um morto e vários feridos, segundo os bombeiros. Segundo fonte dos …

Já chegaram 138 mil votos dos emigrantes portugueses (mas nenhum da África do Sul)

Já chegaram 138 mil envelopes com votos dos emigrantes portugueses espalhados pelo mundo. Foram enviadas 1.464.709 cartas com um boletim de voto para 186 países nos primeiros dias de setembro. Porém, destes 138 mil boletins, nenhum …

"Portugal tem margem" para ter défice em caso de crise

O governador do Banco de Portugal, Carlos Costa, diz que Portugal pode deixar o défice subir em caso de crise, mas avisa que é preciso cuidado para que a despesa não se torne permanente. Numa entrevista …

Rui Rio continua "em ponderação" e não anunciará qualquer decisão na quarta-feira

A Comissão Política Nacional do PSD vai reunir-se na próxima quarta-feira, mas o presidente do partido não falará ainda publicamente sobre o seu futuro político e continua “em ponderação”, disse à Lusa fonte oficial social-democrata. Segundo …

Ministério nega "situação anómala" de alunos ainda sem professores

Milhares de alunos continuam sem professores um mês depois de as aulas terem começado e o Ministério da Educação diz não ter sido informado de qualquer “situação anómala ou de uma falta sistémica de docentes”. Ainda …

Gage Skidmore

John Bolton denunciou pressão sobre a Ucrânia dois meses antes de sair da Casa Branca

John Bolton, o antigo conselheiro de Segurança Nacional norte-americano que saiu do cargo em setembro em confronto com Donald Trump, fez saber aos advogados da Casa Branca, em julho, que estava em curso uma campanha …

Homem que violava e trancava mulher sem comida tinha sido absolvido do mesmo crime

Um homem de 38 anos que ficou em prisão preventiva por suspeitas de crimes de violência doméstica agravada, violação e sequestro agravado contra a companheira, já tinha sido absolvido antes pela prática do mesmo crime …

Portugal é dos países da UE que mais progrediram na igualdade de género

Portugal está a progredir para uma plena igualdade de género mais rapidamente do que a média da União Europeia, revela o Instituto Europeu para a Igualdade de Género, que coloca o país em 16.º posição, …