Human Rights Watch diz que FBI incitou muçulmanos norte-americanos a cometerem atentados

Israel Defense Forces / Flickr

-

A Human Rights Watch afirmou hoje num relatório que o FBI “encorajou, incitou e por vezes pagou” a muçulmanos norte-americanos para cometerem atentados, durante operações clandestinas planeadas após os ataques do 11 de setembro de 2001.

Em diversos dos mais de 500 casos de terrorismo julgados em tribunais dos Estados Unidos desde o 11 de setembro “o ministério americano da Justiça e o FBI visaram muçulmanos norte-americanos em abusivas operações clandestinas de contra-terrorismo, baseadas na pertença religiosa e étnica”, afirma-se no relatório da HRW, que fornece numerosos exemplos.

A organização não governamental norte-americana, com a colaboração do Instituto de direitos humanos da Escola de direito da universidade de Colombia, analisou em particular 27 casos – desde o inquérito ao processo, para além da ata de acusação e condições de detenção –, e entrevistou 215 pessoas, incluindo indicados e acusados, familiares próximos, advogados, juízes ou procuradores.

“Em certos casos, o FBI poderá ter criado terroristas em indivíduos respeitadores da lei ao sugerir-lhes que praticassem um ato terrorista”, resume-se no texto, onde se refere que metade das condenações resulta de golpes montados.

Em 30 por cento dos casos, o agente infiltrado desempenhou um papel ativo na tentativa de atentado, acusa a HRW.

“Foi dito aos americanos que o seu governo velaria pela sua segurança ao impedir e punir o terrorismo no interior dos Estados Unidos”, declarou Andrea Prasow, um dos responsáveis pelo relatório. “Mas observem com mais atenção e vão compreender que muitas destas pessoas nunca teriam cometido o crime se não fossem encorajados, forçados, e por vezes mesmo pagos pelas forças da ordem para cometerem atos terroristas”, salientou.

No estudo cita-se designadamente os quatro de Newburgh, acusados de terem planificado atentados contra sinagogas e uma base militar norte-americana enquanto, e segundo um juiz, foi o governo “quem forneceu a ideia do crime, os meios e removeu os obstáculos”, transformando “terroristas” cidadãos norte-americanos cuja “tontice era shakespeariana”.

Assim, e segundo o HRW, o FBI selecionou com frequência pessoas vulneráveis, com problemas mentais e intelectuais.

O relatório cita igualmente o caso de Rezwan Ferdaus, condenado a 17 anos de prisão por ter pretendido atacar o Congresso com ‘mini-drones’ repletos de explosivos.

Numa referência a Ferdaus, um agente do FBI admitiu “com toda a evidência” que sofria de problemas mentais, mas o plano foi totalmente concebido com o polícia infiltrado.

/Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Quem pode suceder a Solskjaer no United? Conte está em cima da mesa, mas CR7 quer Zidane

A onda de maus resultados do United têm posto em causa o técnico Ole Gunner Solskjaer. Conte está interessado, mas Ronaldo quer voltar a ser orientado por Zinedine Zidane. Os recentes maus resultados do Manchester United …

Há 42 anos, andámos "À Boleia pela Galáxia" - e descobrimos a resposta para a vida, o universo e tudo mais

Assinalam-se este mês os 42 anos da série de livros de ficção científica de Douglas Adams. Mais de quatro décadas depois, a história excêntrica continua relevante e a atrair fãs. Muitos filósofos questionaram-se durante séculos sobre …

F.C. Porto 1-0 Milan | Dragão em fúria banaliza italianos

A fúria do Dragão. O relógio marcava o minuto 65. O nulo perdurava, as tentativas portistas em busca da glória eram imensas – no total, 20 remates contra apenas quatro do AC Milan –, assim …

Veículo autónomo da Waymo

Os carros autónomos da Waymo estão a ser atraídos para uma rua sem saída

Os veículos autónomos da Waymo, detida pela Alphabet que é também a mãe da Google, são constantemente encaminhados para uma rua sem saída em São Francisco, nos Estados Unidos. Para já, ninguém sabe porquê. Nas últimas …

Com as ruas inundadas, casal indiano usa panela de cozinha para se deslocar para o próprio casamento

Um casal indiano foi transportado para o seu casamento por um meio de transporte incomum: uma panela de cozinha. Com as ruas do estado de Kerala inundadas, após chuvas torrenciais, esta foi a única forma …

OE2022: PCP propõe eliminação do adicional de ISP e da “dupla tributação” dos combustíveis

O PCP anunciou hoje que irá propor em sede de Orçamento para 2022 a eliminação do “adicional” ao Imposto sobre Produtos Petrolíferos (ISP) e da dupla tributação dos combustíveis e insistir na fixação de preços …

Besiktas 1-4 Sporting | Tratado leonino deixa turcos KO

O Sporting foi à Turquia somar a primeira vitória no Grupo C da Liga dos Campeões, ao bater o Besiktas por 4-1. Um desfecho fundamental para a equipa de Alvalade continuar a acalentar esperanças de apuramento …

Lei de David. Reino Unido pondera acabar com anonimato online depois de esfaqueamento de deputado

A morte de David Amess está a suscitar um debate no Reino Unido sobre a segurança dos deputados e os insultos de que as figuras políticas são alvo nas redes sociais. Depois do deputado conservador David …

"Não há acordo". Bloco e Governo continuam às turras por causa do OE, mas há mais reuniões previstas

Os bloquistas não se mostraram satisfeitos com o resultado da reunião com o executivo e exigem mais cedências do Governo. Ambos os lados confirmam que ainda se vão encontrar mais vezes para debater o Orçamento. "Não …

Dois mortos e 450 feridos em manifestações para assinalar protestos de 2019 no Chile

Dois mortos e 450 detidos foi o resultado da violência registada em Santiago do Chile, na sequência de uma manifestação para celebrar o segundo aniversário dos protestos de 2019 contra a desigualdade social no país. A …