Superbactéria encontrada em máquina de lavar afeta 13 crianças

Um caso recente de uma superbactéria num hospital na Alemanha revela que, às vezes, mais vale lavar as roupas no ciclo quente, sobretudo quando pertencem a pessoas doentes ou mais vulneráveis.

De acordo com o Science Alert, depois de 13 recém-nascidos e uma criança de um hospital na Alemanha terem sido infetadas com a superbactéria Klebsiella oxytoca, uma investigação descobriu que a máquina de lavar roupa no mesmo andar onde se encontravam foi a principal culpada.

Os investigadores identificaram vestígios do patógeno nas superfícies e nas sobras da água da máquina de lavar. Ao que tudo indica, a bactéria terá sido transmitida através dos chapéus e meias de malha que estavam na máquina.

Felizmente, nenhuma das crianças ficou gravemente doente, mas a situação é um aviso para a necessidade de diretrizes e padrões rígidos quando se trata de limpar roupa e outros objetos, sobretudo em locais onde se encontram pessoas doentes e mais vulneráveis.

Quando a máquina de lavar foi removida do hospital, a colonização por K. oxytoca desapareceu. O estudo de caso concluiu que enxaguar as roupas no final da lavagem com água fria, sem detergente, pode ter permitido que a bactéria prosperasse. A humidade dos quartos do hospital, ao permitir que a água residual condensasse na vedação de borracha da porta, também não terá ajudado.

“Este é um caso altamente incomum para um hospital, pois envolve uma máquina de lavar de uso doméstico”, diz a higienista Ricarda Schmithausen, da Universidade de Bonn.

Tal como destaca a investigadora, o eletrodoméstico em questão não atendia aos padrões de higiene atuais do país para uso hospitalar, embora estivesse tecnicamente localizada fora da lavandaria principal e usada apenas para as roupas das mães e dos bebés.

Neste caso, as consequências foram mínimas. No entanto, uma infeção causada por esta superbactéria pode causar problemas gastrointestinais e respiratórios (ou até morte), havendo poucos antibióticos que possam ser usados no seu tratamento.

O Science Alert destaca que, como é óbvio, os riscos das superbactérias num hospital são bastante diferentes daquilo que podemos esperar em nossa casa. Os ciclos de baixa temperatura ainda são perfeitamente adequados para roupas comuns, desde que sigamos as instruções de lavagem.

Porém, este caso mostra que talvez seja necessário analisar mudanças no design e nos processos das máquinas de lavar para impedir que esses dispositivos alojem superbactérias, especialmente nos casos de pacientes (e isso aplica-se a casas e hospitais).

“Se se trata de pessoas idosas, com feridas abertas ou cateteres na bexiga, ou pessoas mais jovens, com lesões supurantes ou infeções, a roupa deve ser lavada a temperaturas mais altas, ou com desinfetantes eficientes, para evitar a transmissão de patógenos perigosos”, diz o higienista Martin Exner, da Universidade de Bonn.

A investigação foi publicada na revista científica Applied and Environmental Microbiology.

ZAP //

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

  1. É muito simples a desinfecção de roupas.
    Se deve usar alvejante sem cloro para roupas coloridas e com cloro para roupas brancas.
    Por este motivo as roupas hospitalares são brancas, para melhorar a qualidade da desinfecção.

RESPONDER

Lei de segurança nacional. Taiwan teme ser próximo alvo da China (e Hong Kong pode ser o novo Tibete)

A decisão de Pequim em impor a Hong Kong uma lei draconiana sobre segurança faz crescer os receios de que Taiwan possa ser o próximo alvo da República Popular da China. Por outro lado, teme-se …

Patrick Mahomes assina o maior contrato da história do desporto: 10 anos por 446 milhões

O jogador de futebol americano Patrick Mahomes fez história ao assinar o maior contrato de sempre do mundo do desporto. O quarterback dos Kansas City Chiefs renovou por dez temporadas, num valor total de 446 …

Centeno rejeita conflito de interesses. “Não conseguia emprego em Portugal nas próximas décadas"

O antigo ministro das Finanças está esta quarta-feira a ser ouvido no Parlamento, naquela que é a sua primeira grande prova de fogo no caminho que terá que percorrer até chegar ao cargo de governador …

Centenas de holandeses nas ruas de Albufeira. GNR obrigada a intervir

A Guarda Nacional Republicana (GNR) levantou, no domingo, dezenas de autos de contraordenação a estabelecimentos e a pessoas, em Albufeira, no Algarve, por desrespeito das regras impostas devido à pandemia da Covid-19, disse esta terça-feira …

Soares atravessou jejum de golos, mas há uma estatística em que ninguém o bate

O avançado portista Tiquinho Soares é o jogador que mais golos faz de cabeça, em Portugal e na Europa. Esta temporada, já leva sete cabeceamento certeiros. Tiquinho Soares esteve 12 jogos sem marcar qualquer golo com …

"Dêem a Portugal uma Ponte Aérea". Escocês faz petição e diz que decisão do Reino Unido é injusta

Um escocês admirador de Portugal considera a exclusão da lista de países isentos de quarentena nas chegadas ao Reino Unido “injusta” e “pouco transparente” e por isso promoveu uma petição popular a pedir o levantamento …

Juiz Carlos Alexandre está em isolamento profilático

O juiz Carlos Alexandre encontra-se em isolamento profilático depois de ter participado, no final de junho, numa busca a uma agência bancária em que estiverem envolvidas três pessoas infetadas com covid-19. De acordo com a RTP, …

Jogo de loucos em Itália. Milan de Ibrahimovic derrota Juve de CR7 com golo português

Cristiano Ronaldo fez o 2-0 para a Juventus em casa do AC Milan, porém, o campeão perdeu 4-2 e desperdiçou a oportunidade de ampliar para 10 os pontos de vantagem para a Lazio, derrotada em …

A maior promessa do futebol alemão pede para sair. Chelsea prepara 100 milhões de euros

O internacional alemão Kai Havertz pediu à direção do Leverkusen para sair este verão. O Chelsea é o principal candidato à contratação do médio, tendo de desembolsar 100 milhões de euros. Kai Havertz é provavelmente a …

"A sombra de Sarkozy" e a filha de imigrantes cabo-verdianos. Novo Governo de Macron vira à direita

É um "Governo mais à direita do que nunca". O desabafo é do líder dos socialistas franceses, Olivier Faure, numa crítica ao Presidente Emmanuel Macron pelas escolhas que fez para o novo Governo do país. …